Início / Viajei (relatos) / Diário do Brasil / Barra Grande, no Piauí: tranquilidade nos bangalôs e natureza

Barra Grande, no Piauí: tranquilidade nos bangalôs e natureza

Por Gustavo Villas Boas – Nordeste 40

Nos 66 km de litoral do Piauí fica um pequeno recanto ainda não descoberto pelo turismo de massa: Barra Grande, uma vila que guarda uma praia de mesmo nome e fica na cidade de Cajueiro da Praia, a cerca de 70 km de Parnaíba pela PI-116 –a viagem é uma oportunidade para cruzar grande parte das praias piauenses. Barra Grande fica a cerca de 400 km da capital piauiense, Terezina.

 

– Delta do Parnaíba, no Piauí: de barco em um lugar diferente

– Encontre pousadas e hotéis em Barra Grande e faça reserva on-line

barra grande piaui praia kite surf

Barra Grande foi um dos lugares que tive a oportunidade de conhecer ao cruzar a Rota das Emoções com apoio da Rastro Nordestino, empresa especializada no roteiro pelo Nordeste que passa pelos Lençóis Maranhenses, Delta do Parnaíba e Jericoacoara, no Ceará.

– Rastro Nordestino no Facebook

A pequena vila no Piauí é um cenário único no encontro entre o rio Camurupim e o oceano. A riqueza natural do mangue, do mar, do rio atrai muitos pássaros e outros animais.

Barra Grande tem muita palha, areia e tranquilidade

Barra Grande tem muita palha, areia e tranquilidade

Apesar de Barra Grande não constar entre os destinos mais procurados do Nordeste, o lugar tem uma boa estrutura para receber viajantes, com pousadas e restaurantes simples e elegantes, que usam muita madeira, palhas e materiais naturais na decoração.

Pelas paisagens, pela tranquilidade e pelo charme e aconchego das pousadas, Barra Grande é um ótimo destino para casais no Nordeste.

O sol era de lascar e o vento muito forte: um paraíso para os kite-surfistas

O sol era de lascar e o vento muito forte: um paraíso para os kite-surfistas

Barra Grande fica na Rota dos Ventos, o trecho do litoral nordestino que atrai velejadores –praticantes de kitesurf e windsurf– do mundo inteiro por causa dos ventos constantes e das paisagens pouco modificadas pelo homem.

Quem, como eu, não é velejador, também tem o que fazer em Barra Grande –mas não encontrei opções de bares e baladinhas na vila, o forte é mesmo o esporte e o ecoturismo.

Os restaurantes ficavam mais cheios no final da tarde e as pessoas jantavam cedíssimo: hábitos de esportistas, que durante a manhã e a tarde aproveitavam o vento para voar de kitesurf.

barra grande piaui turismo rua principal

Barra Grande é daqueles lugares especiais. A natureza é privilegiada e a intervenção do homem é charmosa. A rua principal, de areia, é cercada de restaurantes descolados, sorveterias, quiosques bacanas para tomar suco.

Uma quadra para dentro do continente, você encontra a pracinha da vila, com uma igrejinha e um pátio amplo. É um lugar legal para ver a rotina dos moradores, que ali se encontram à noite.

É comum ver vários animais andando preguiçosamente pela areia: cabras (uma me atacou), jumentos, cachorros e até grandes iguanas.

A cabra do fundo saiu do beco e me atacou, mas fugi

A cabra do fundo saiu do beco e me atacou, mas fugi

Em novembro, a praia, cortada por um forte vento, estava com poucas pessoas, ótimo para quem quer sossego.

As amplas barracas cobertas de palha na areia são bonitas, diferentes, e tem bons preços se comparados com São Paulo e destinos turísticos no Sudeste.

– Encontre pousadas e hotéis em Barra Grande e faça reserva on-line

As canoas ficam reunidas e levam os viajantes para ver o cavalo-marinho

As canoas ficam reunidas e levam os viajantes para ver o cavalo-marinho

E tem o passeio para até a ilha do cavalo-marinho que vale a pena ler o relato. Segundo o guia, sempre dá para ver os desajeitados e delicados cavalos-marinhos. O passeio, promovido por uma associação formada por moradores, é uma das atrações do ecoturismo em Barra Grande.

Gustavo

Gustavo está em algum lugar da América do Sul, em um roteiro de mochilão que começou em março, no Equador.

2 Comentários

  1. Este lugar é um paraíso mesmo, moro em Parnaíba e sempre que posso faço uma visitinha. Ruas de areia, iluminação rustica, simplesmente perfeito. Ótima matéria

Tire a sua dúvida, comente. Participe!

O e-mail não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*