Home / Viajei (relatos) / Diário do Brasil / Cânion do Xingó: passeio de barco no Rio São Francisco
  • Passeio de barco pelo Rio São Francisco

  • Em vários pontos do rio, a imagem do santo

  • Os cânions são um espetáculo da natureza

  • Restaurante Karranca's

  • Praia nas margens do Rio São Francisco

  • Catamarã leva os turistas para banho de rio

  • Barcos atracados no Rio São Francisco

  • Parada para nos banhar no

  • Impossível não nos emocionar!

  • Imagens de uma natureza exuberante

  • Cânios do Xingó

  • Paraíso do Talhado

  • Passeio de barco na parte estreita do leito

  • Canoeiro nos leva até a divisa entre os Estados de Sergipe e Alagoas

  • Um dos passeios mais procurados de Aracaju...

Cânion do Xingó: passeio de barco no Rio São Francisco

Acordar cedo não foi fácil naquela sexta-feira, ainda mais quando ouvimos uma leve e fina chuva caindo sobre a grama e a piscina da pousada.

Um clima desanimador tomou conta de nós, justo no dia mais esperado da viagem, quando iríamos fazer o passeio do Xingó do São Francisco, uma das melhores dicas de turismo para quem está viajando entre Maceió e Aracaju, no nordeste brasileiro.

Quase desistimos do passeio, mas disseram na pousada, que como os Cânions ficam na região de catinga, bem no meio do sertão, a chance de estar sol lá era boa! Então, tomamos o café e aguardamos o ônibus nos buscar na recepção do hotel.

Dica de hotel barato em Aracaju

Para entender melhor, o guia turístico explicou que Sergipe possui três faixas climáticas, o litoral – com chuvas entre Abril e Agosto, a zona de transição e o semi-árido (sertão), onde quase não chove.

É interessante como o sergipano gosta quando chove por aqui. A região sofre muito com a seca, e a chuva é, muitas vezes, vista como uma bênção divina, deixando o árido sertão, verde e vivo!

Saímos do hotel às 7h15 da manhã. Enfrentamos um pouco de trânsito para sair do centro de Aracaju até chegar à rodovia, primeiro a BR 101 e logo depois a BR 235, trecho da “Rota do Sertão”, passando por cidades importantes do Sergipe como Itabaiana e Ribeirópolis e cidades menores como Monte Alegre de Sergipe e Nossa Senhora de Aparecida.

A Silvia do Matraqueando fez a Rota do Cangaço. Vale ver o post dela: – Rota do Cangaço: o passeio que leva você à história do sertão nordestino, em Piranhas-AL.

O trajeto entre o centro de Aracaju e Canindé de São Francisco dura cerca de 3 horas. Depois são mais 3 horas de passeio e 3 horas para voltar à Aracaju.

Uma dica legal é alugar um carro com GPS para fazer o passeio. Aí, você consegue sair um pouco mais cedo. Desse modo, você enfrentará menos trânsito e chegará bem antes do que a maioria dos ônibus de turismo, agilizando o seu embarque no catamarã rumo aos cânions do Xingó. Além de poder escolher onde almoçar e parar para tirar fotos.

Após cerca de 1h30 de viagem fizemos uma parada na cidade de Ribeirópolis, no Auto Posto Ribeirão, onde há um pequeno restaurante e uma lojinha com artesanatos e produtos para o turistas como chapéus, protetor solar, etc. Aliás, itens obrigatórios para ter mais conforto durante o passeio.

Onde comer?

O restaurante logo na entrada da cidade de Ribeirópolis, cerca de 75km do centro de Aracaju, é bem simples, mas bem baratinho.

Recomendamos o caldinho de sururu por R$3,00 ou o caldinho de mocotó ou caldinho de feijão por apenas R$2,00. Também vale a pena experimentar a cocada e outros doces por apenas R$3,00 ou tomar um suco (cacau, tamarindo, umbu, cupuaçu, graviola, entre outros) por R$2,00.

Realmente são poucas opções de restaurantes durante o trajeto, porém com carro alugado é mais fácil escolher. Como fomos de ônibus de excursão, não tivemos escolha.

Acreditamos que valha mais a pena percorrer cerca de uns 10 quilômetros a mais e parar na cidade de Nossa Senhora de Aparecida, cerca de 85km do centro de Aracaju, onde pude ver de dentro do ônibus uma churrascaria (Churrascaria do Pedrinho) e um mercadinho (Mercado Bom & Barato).

Outra opção de restaurante para quem optar em alugar um carro ao invés de ir com em excursão de agência de viagens é o restaurante Sabor do Sertão, na cidade de Nossa Senhora da Glória, cerca de 110km do centro de Aracaju.

Sempre que viajar de ônibus use o cinto de segurança! E nas paradas, mesmo que não queira sair para comer, ir ao banheiro, fumar, etc. saia para pelo menos esticar as pernas!

Como a viagem de ônibus é longa, muitos turistas acabam cochilando, mas perdem a paisagem do sertão, com ruínas de antigas igrejas, canaviais, plantações de laranja, cactos e estórias que o guia de turismo conta.

Ele indicou, por exemplo, o Hotel Fazenda Boa Luz, na cidade de Laranjeiras. Também comentou do concurso do homem mais feio do mundo, realizado na cidade de Nossa Senhora da Glória, o espírito empreendedor do povo de Itabaiana, que tem diversos motéis com entrada para caminhões pelo fato do grande número de caminhoneiros no município e a história do prefeito de Monte Alegre de Sergipe, casado com duas mulheres e que foi tema do filme “Vou rifar meu coração”, de Ana Rieper.

Eita “Fio do Canço”! – expressão muito utilizada pelo povo sergipano de Itabaiana que quer dizer “Filho do Câncer”. Usa-se para exaltar algo ou alguém ruim. Mas dependendo da entonação, pode ser algo bom também!

Rio São Francisco - Xingó do Canindé

Rio São Francisco – Xingó do Canindé

Após 3 horas e mais de 200km de estrada, finalmente chegamos na cidade de Canindé de São Francisco, ao lado da Usina Hidrelétrica de Xingó.

E é de lá que partimos rumo ao passeio de barco pelos cânions do Xingó, partindo do Restaurante Karranca’s, onde já deixamos pago o buffet de almoço, no valor de R$30,00 para almoçarmos na volta do passeio. O suco (goiaba ou laranja) custa R$4,00.

Quanto custa o passeio

O preço da catamarã é de R$70,00 por pessoa, porém já fazia parte do nosso pacote de viagem, que pagamos R$117,00. É possível também alugar uma lancha por R$100,00. Esta última opção é legal para quem está viajando com carro alugado, porém é preciso um mínimo de 4 pessoas na lancha.

Durante o passeio é possível tomar uma cerveja gelada (R$4,00 a lata) e até beliscar uns salgadinhos, porém achamos melhor aproveitar o visual do passeio e as informações dadas pelo guia, tirando fotos e não comendo. Duas ou três cervejinhas é suficiente!

O passeio de catamarã tem duração total de 3 horas, sendo uma hora até chegar o Paraíso do Talhado ou Porto de Brogodó (batizado assim após ter sido cenário de gravações da novela “Cordel Encantado”), onde é possível banhar-se no rio São Francisco (são duas piscinas, uma com 1 metro e outra com 10 metros de profundidade), e também fazer um passeio de canoa até a Gruta do Talhado. É preciso pagar R$5,00 aos canoeiros para visitar a gruta. (fonte foto A. Florêncio)

Gruta do Talhado – Cânions do Xingó

Para visitar a Gruta do Talhado, uma das melhores partes do passeio pelos cânions do Xingó, é preciso pagar R$5,00 em dinheiro aos canoeiros. Eles não aceitam cartões!

gruta-talhado-aracaju

Para relaxar e banhar-se no Rio São Francisco são oferecidas boias espaguete e/ou coletes salva-vidas para os turistas, que curtem as belezas naturais da região flutuando e nadando no rio.

O local tem pouca infraestrutura, apenas algumas espreguiçadeiras, cadeiras e mesas, além de uma pequena tenda onde uma senhora vende artesanatos, cigarros, balas e salgadinhos. A dica é comer uma espiga de milho-verde na manteiga, tomando uma água de coco verde geladinha. O coco custa R$3,00 e o milho R$2,50. Vale a pena!

A parada no Porto de Brogodó tem duração de apenas uma hora, então a dica é tirar muitas fotos e fazer o passeio de barquinho pela Gruta do Talhado antes de entrar no rio para banhar-se. O resto do tempo você tira para curtir as águas do rio São Francisco.

A volta do passeio do catamarã ocorre contra o vento, então cuidado com chapéus, óculos e toalhas, bem como copos de plásticos e papéis!

Na volta à Aracaju, o ônibus da agência de viagens (excursão) faz uma parada na loja de doces caseiro da Dona Nena (Telefone +55 79 9986-7251). Vale a pena experimentar e levar para casa de lembrança. Tem doce de banana, queijadinha e cocada a partir de R$1,00.

Outros passeios na região do Complexo do Xingó

  • Rota do Cangaço: custa R$50,00 e tem duração de cerca de 6 horas, mas é preciso pernoite em Monte Alegre de Sergipe;
  • Delta do São Francisco: custa R$130,00 com almoço incluso e tem duração aproximada de 10 horas;
  • Mangue Seco: custa R$90,00 e dura aproximadamente 4 horas;
  • City Tour: custa R$55 e inclui passeio à orla do litoral de Aracaju, Mercadão, Colina, Parque e Centro Turístico;
  • Cidades históricas: passeio turísticos às cidades de Laranjeiras e São Cristóvão (primeira capital de Sergipe);
  • Oceanário de Aracaju: em forma de tartaruga gigante, possui 18 aquários e 4 tanques.

Qual a melhor praia de Aracaju? A dica é escolher as praias do litoral Sul. Além de mais bonitas, possuem mais estrutura para os turistas e famílias, com restaurantes, bares e opções de passeios.

Onde ficar?

Para quem não pensa em fazer o passeio bate-volta de Aracaju, a dica é ficar na Pousada Mirante do Talhado, na região da cidade de Piranhas, em Alagoas. São três chalés com uma vista singular para os cânions do Rio São Francisco.

Booking: ver fotos e faça reserva

O hotel é um oásis no meio da catinga, com um imenso potencial turístico, próximo da cachoeira de Paulo Afonso. A Pousada Mirante do Talhado oferece escaladas, rapel, caiaque, passeio de charrete, trilhas ecológicas, tirolesa e muito mais…

Sobre Dan

Dan já foi Comissário de Voo e Relações Públicas. Hoje é um viajante. Conhece 20 países e todas as capitais do Brasil. Já viveu no Canadá, fez road trip pela Califórnia e mochilão na Europa. Quer dar a volta ao mundo!

8 Comentários

  1. como faz pra fazer esse passeio?

    • como tive pouco tempo em Aracaju, logo que cheguei pedi indicação na recepção do hotel para uma agência de viagens. agora, dá para arriscar e alugar um carro e ir até o porto e de lá paga apenas o passeio de barco por entre os canyons.

  2. Quero saber os dias e horários que saem os barcos para os cânions e para croa do gore!!e a que horas e a volta?obrigada

    • Para ir a Croa do goré precisa ir para a Orlinha do Pôr do Sol, a saída é de lá. Precisa chegar cedo ou via ficar muito tempo esperando. Se for até lá de carro, arrume um bom local pra estacionar pq é lá que seu carro vai ficar.

  3. boa tarde, qual o melhor lugar para ficar hospedado para fazer um bate volta do XINGÓ/CANYON DO RIO SÃO FRANCISCO, ou seja para retornar ao hotel seria ficar hospedado em sergipe ou maceio?

Comentar

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios *

*