fbpx
Home / Viajei (relatos) / Diário do Brasil / Guia para descobrir uma São Paulo nada óbvia – Parte III
Drinks e ping pong no Cama de Gato

Guia para descobrir uma São Paulo nada óbvia – Parte III

Por Cristiane Salgado Nunes

Alguns meses já são o suficiente para São Paulo estar completamente reinventada! Por isso, aqui vão mais dicas de lugares nada óbvios — cafeterias, restaurantes, bares e lojas, para você explorar a cidade com outros olhos e continuar sempre um turista ainda que more na capital paulista.

O que fazer em SP: uma cidade nada óbvia – Parte 1

Cafés em SP

Não tem como ignorar como o número de cafés em São Paulo tem crescido.

E não se trata de qualquer café, pois todos aqui mencionados têm um diferencial e uma característica especial, e muitas vezes não sendo apenas um lugar para café.

Selecionamos aqui as novidades mais originais que tornam um cafezinho ainda mais interessante.

Jardim do Centro

Espaço coworking do Jardim, que funciona das 9h às 19h, durante a semana.

Após reforma, o Jardim do Centro ficou maior, com sofás e mesas, e ainda um espaço coworking, o que de fato carece na região.

Muito mais aconchegante, o Jardim é um dos cafés mais gostosos na região para passar a tarde. Fica a dica para o brigadeiro de churros!

Rua General Jardim, 490 – Vila Buarque
Instagram @jardindocentro

Coffee Stories

A ambientação do Coffee Stories com temática modernista é um dos destaques do lugar

O bairro vizinho de Santa Cecília e Higienópolis continua ganhando vida.

O Coffee Stories é um café que homenageia a história do Modernismo e do paisagista e artista plástico Burle Marx.

Com uma decoração bem “instagramável” – plantas, neon e o balcão curvilíneo – o lugar oferece cafés e opções bem apetitosas feitas a partir de produtos preferencialmente artesanais.

Rua Major Sertório, 92 – Vila Buarque
Instagram @coffeestoriessp

Café Bento 43

O charme do café Bento 43 é a varanda com as cadeirinhas de praia

No mezanino do prédio do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), o mesmo que abriga do Z Deli, um novo café com direito a cadeirinhas de praia na varanda e vista para a esquina da Rua Bento Freitas com a Rua General Jardim.

Cool e informal, o Café Bentro 43 é mais um estabelecimento que dá novos ares para a região central.

Rua Bentro Freitas, 306 – Instituto de Arquitetos do Brasil – República
Instagram @bento43cafe

Zel Café

Ambientação do café dentro do antigo casarão restaurado, na Bela Vista

Em um casarão paulistano dos anos 30, abriu o charmoso Zel Café. A casa é típica de época, com um espaço convidativo para passar a tarde.

No local, já funcionava a Livraria Comendador e a Fundação Instituto de Física Teórica.  Quanto ao café, a produção é bem cuidadosa, a partir da seleção dos grãos da Fazenda Talismã, em Ouro Fino, Minas Gerais.

Rua Pamplona, 145 – Bela Vista
Instagram @zel.cafe

Eugenia Café

Além de café, o Eugenia também serve bons drinks

Eugenia não é apenas um café. Também é um espaço para cultura, além de bons drinks para acompanhar.

Com uma bela biblioteca de livros feministas e um local dedicado à exposição de trabalhos artísticos de mulheres, o café busca incentivar o protagonismo feminino, tanto que só há funcionárias contratadas.

A casa é composta de três ambientes, com ar intimista, e seu nome é em homenagem à jornalista, atriz e diretora de teatro Eugênia Álvaro Moreyra (1898-1948), pioneira do feminismo no Brasil e uma das líderes da campanha sufragista no país.

Rua Cônego Eugênio Leite, 953 – Pinheiros
Instagram @eugeniacafebar

Isla Café

O deck do Isla é uma delícia para os dias mais calorentos

Um deck ao ar livre, local de estacionamento para bike, e pet friendly (aceitam animais de estimação). O Isla tem todo esse clima descontraído, perfeito para um café da manhã, brunch ou até mesmo um happy hour.

Com a proposta de cozinha consciente, o cardápio é mais focado em pratos preparados com vegetais e temperos orientais, ingredientes selecionados, mas também há com opções com carne.

Rua Simão Álvares, 97, Pinheiros
Instagram @isla_cafe

BotaniKafé

Um brunch bem servido com direito a drinks ou sucos é o que você pode esperar no BotaniKafé

Se você curte bowls e toasts, vai adorar conhecer o BotaniKafé, ainda mais pelo seu espaço bem agradável, que divide junto com a loja Casa Tropi.

É um ótimo lugar para se deliciar com um brunch, mas durante a semana também é servido almoço, como o Nasi Goreng, prato típico da Indonésia.

Agora, melhor do que descrever os pratos é se saborear pelo o visual deles no Instagram do estabelecimento!

Rua Padre Carvalho, 204 – Pinheiros
Instagram @botanikafe

Restaurantes em São Paulo

Alguns se destacam mais pelo estilo e proposta do que pelo cardápio, outros pela seleção gastronômica.

Aqui vão algumas novidades de restaurantes na cidade e outros nem tão recentes assim, mas que merecem sua atenção e apetite!

Restaurantes em SP: lugares legais para comer na cidade

Capivara

O charme do Capivara está no ambiente informal, mas com gastronomia de primeira | Cristiane Nunes

Como já foi dito no guia anterior, a Barra Funda vem ganhando cada vez mais destaque e novidades.

Para abrir a lista dos novos pontos gastronômicos da região, o Capivara é um com estilo único. O ambiente é semelhante ao de um boteco, mas com móveis com “quê” de vintage, e uma gastronomia de primeira.

Um detalhe é que o restaurante só abre de segunda a quinta-feira (aliás, já reparou que durante a semana é bem melhor para sair em São Paulo?!).

O cardápio, que sempre muda, pode ser acompanhado pelo Instagram.

Rua Dr. Ribeiro de Almeida, 157- Barra Funda

Instagram @capivarabar

Komah

Na dúvida em qual prato experimentar, vá de menu degustação no Komah

Próximo ao Capivara, fica o Komah, um restaurante coreano com ambientação clean, fugindo à regra desses típicos estabelecimentos, e um cardápio para quem gostar de experimentar novos paladares.

Os pratos são inspirados nos clássicos coreanos, mas com um toque contemporâneo, como o chef da casa Paulo Shin gosta de definir.

Rua Cônego Vicente Miguel Marino, 378 – Barra Funda
Instagram @restaurantekomah

Escandinavo

Ambientação minimalista, mas com elementos nórdicos na decoração do Escandinavo

Inspirado na culinária nórdica – algo um tanto inédito em São Paulo – o restaurante traz o clima dessa gastronomia pela ambientação minimalista e itens típicos dos países nórdicos.

A mesa do salão é compartilhada e o menu rotativo, mas sempre com salmão, peixe típico da região. Vale a visita!

Rua Deputado Lacerda Franco, 141 – Pinheiros
Instagram @o.escandinavo

Quincho

Reforçando o time de vegetarianos na cidade, o Quincho apresenta pratos criativos e com muito sabor

A culinária vegetariana ganha cada vez mais espaço em São Paulo, mas com um toque gourmet, o que dá ainda mais sabor para os pratos. E o que de bom e de diferente você pode encontrar por lá?

O Kimchi Burguer, a coxinha de cogumelo ou o bolovo caipira feito com massa de pupunha e palmito são apenas algumas das opções. Ah, e ainda vale ressaltar que as opções de drinks são ótimas!

Rua Mourato Coelho, 1140 – Vila Madalena
Instagram @quincho.sp

Purana

Seguindo a filosofia de alimentos que curam, o Purana oferece um cardápio com o melhor do plant based

O lema é “alimento que cura”. O restaurante da apresentadora Alana Rox, do “Diário de uma Vegana” do GNT, oferece um cardápio totalmente vegano, orgânico e sem glúten.

O espaço é bem clean e minimalista. Para quem ainda tem reticências com a culinária vegana, fica a dica para provar que tem muito sabor!

Rua Cônego Eugênio Leite, 840 – Pinheiros
Instagram @purana.co

Casa Raw

O jardim do Casa Raw é um espaço incrível para um almoço ou jantar

O Casa Raw foi o primeiro restaurante vegano em São Paulo, baseado na gastronomia funcional, plant based, raw food e sem glúten. O ambiente é bem despretensioso, com um pequeno terraço com plantas, que é uma delícia de ambiente!

A dica vai para o ceviche feito de banana da terra e a torta mousse de chocolate totalmente vegano como sobremesa.

Rua Dr. Franco da Rocha, 515 – Perdizes
Instagram @casaraw

Bares em SP

Kitsch, cool, despretensioso ou subterrâneo… esses são apenas alguns adjetivos para classificar algumas novidades de bares na cidade.

Bares em SP: Onde sair para beber

Fiel Discos

Boa música e drinks clássicos em um amplo espaço com vista para o Largo da Batata | Cristiane Nunes

Surgiu como loja online de vinil, e agora virou um bar e loja física em Pinheiros. Subindo uma escada em uma portinha, um espaço amplo com vista da sacada para o Largo da Batata.

Não precisa nem comentar que a discotecagem do local é de primeira, né?!

Rua Fernão Dias, 634 – Pinheiros
Instagram @fieldiscos

Cama de Gato

Drinks e ping pong no Cama de Gato

Dos mesmos donos do Buraco e do Mandíbula, já citados aqui no Guia anterior, o bar se localiza na região central, bem em frente ao Minhocão.

Com mesa de ping pong e uma seleção musical impecável, o Cama tem uma decoração industrial e um clima perfeito para reunir amigos.

Rua Amaral Gurgel, 453 – Vila Buarque
Instagram @camadegat0

Caracol

Área externa do Caracol, com mesas e deck | Cristiane Nunes

Acrescentando na cena noturna da Vila Buarque, o Caracol é bar do DJ da festa Selvagem, e fica próximo ao Cama de Gato.

Com uma decoração industrial, som analógico e um deck externo, o lugar é ótimo para curtir a noite começando cedo e encerrando até as 2h.

Rua Jaguaribe, 76 – Vila Buarque
Instagram @caracolbar

Heute Bar

Decoração vintage do Heute Bar que lembra os bares de Berlim

A sensação inicial é de ter entrado em algum bar em Neukölln, em Berlim. Com móveis vintage e proposta informal, o Heute é especializado em brunch e drinks à noite.

A dica do cardápio é a tostada de salmão defumada com burrata.

Rua Aureliano Coutinho, 26 – Santa Cecília
Instagram @heutebar

Jaguar

O “instagramável” Jaguar bar com cor millennial pink e decoração vintage

Millennial pink e vintage. Definitivamente, é um daqueles bares que você entra já querendo bater uma foto!

Ocupando um antigo hotel da década de 40 no centro de SP, o bar oferece milanesas e bons drinks. Funcionamento em horário de almoço ou à noite.

Av. Duque de Caxias, 421 – Campos Elíseos
Instagram @jaguar.bar.sp

Sertó

Cheia de detalhes, decoração do Sertó é inspirada em cortiços do fim do século XIX

A decoração é um dos pontos fortes do bar, que se inspirou em estabelecimentos do final do século XIX, para compor um ambiente com clima mais intimista e com móveis vintage.

Além dos drinks, o bar oferece hambúrgueres no cardápio.

Rua Major Sertório, 106 – Vila Buarque
Instagram @serto.sp

Boteco Mano do Céu

Mano do Céu sintetiza o melhor que um boteco paulistano poderia ter: bebidas clássicas e
hambúrguer

Simplicidade é o lema do bar, mas nem por isso significa menos qualidade.

Com um cardápio de bebidas clássicas, incluindo as mais populares, como bombeirinho e rabo de galo, mas com ingredientes e marcas de primeira. Quanto aos hambúrgueres, o bar investiu nas opções mais básicas – x-salada, x-bacon, x-burger – porém, bem apetitosos.

O ambiente é ótimo para um happy hour ou uma tarde despretensiosa com os amigos.

Rua Ferreira de Araújo, 1007 – Pinheiros
Instagram @botecomanodoceu

Bar Botânico

O charmoso quintal do Bar Botânico, em Pinheiros

Uma portinha com um longo corredor que dá para um bar e nos fundos revela um jardinzinho delicioso e super agradável.

Esse é o Bar Botânico, que oferece drinks com um toque diferente, como mojito com manejericão roxo ou a gin tônica com capim santo, e ainda com um clima bem aconchegante e também encantador!

Rua Deputado Lacerda Franco, 344 – Pinheiros
Instagram @barbotanico

Bar dos Arcos

As mesas comunitárias e iluminadas do Bar dos Arcos

No subsolo do Theatro Municipal, um bar que aproveita a estrutura do centenário Salão dos Arcos, que era aberto apenas para visitação em tour.

Com mesas comunitárias luminosas, espaço para show e sofás numa ambientação arrojada, o Arcos oferece uma experiência inusitada e bem interessante.

Praça Ramos de Azevedo, s/n – centro
Theatro Municipal
Instagram @bardosarcos

Bar do Cofre

Bar do Cofre mantém toda a estrutura original criando uma experiência única

Seguindo a tendência dos bares subterrâneos, o bar ocupa o cofre do antigo Banespa, atual Farol Santander, preservando toda a estrutura original, já que é tombado.

Administrado pelo bar SubAstor, além dos bons drinks, o Bar do Cofre oferece uma experiência visual incrível, com uma parede de gavetas, onde era guardado objetos de valor, móveis antigos restaurados e um balcão iluminado logo na entrada.

Onde: Rua João Brícola, 24 – Centro
Farol Santander
Instagram @subastor

Shows em SP: Lugares para ver e ouvir boa música

Lojas e ateliers em SP

Botânica e curadoria de produtos definitivamente estão em alta em São Paulo!

Selecionamos algumas lojas que valem a sua visita e também umas comprinhas.

Parque do Ibirapuera: natureza e cultura em SP

FLO Atelier

Espaço do FLO Atelier, na Vila Madalena, é o paraíso das plantas

Botânica é tendência em São Paulo. E o FLO Atelier é uma das lojas mais encantadoras de botânica.

Tudo é perfeitamente posicionado e decorado, entre cristais e outros detalhes, com diversos tipos de plantas e flores. Se você ama plantas, aqui é um lugar que você precisa conhecer!

Rua Delfina, 115 – Vila Madalena
Instagram @floatelierbotanico

Selvvva

A Selvvva vende vários tipos de plantas, vasos e itens para jardinagem

Mais uma loja de plantas e produtos para jardinagem, que é uma graça! O espaço chama atenção pelas cores, principalmente, pelo millennial pink.

A loja ainda funciona junto com uma escola de botânica, com cursos e workshops voltados ao assunto.

Av. Angélica, 501 – Santa Cecilia
Instagram @selvvva

Casa Fuerte

Entre plantas e arte, um show na Casa Fuerte, na Vila Romana

Fora do circuito trendy de São Paulo (Centro e Pinheiros), a Casa Fuerte é um dos novos espaços da cidade mais interessantes.

Dedicado à cultura latina, com arte, design e botânica, o local é uma casa restaurada dos anos 40.

A proposta da ideia é promover o intercâmbio cultural, com workshops, oficinas e shows. Tem que conhecer!

Rua Tito, 1469 – Vila Romana
Instagram @casafuerte1469

Casa Diária

Casa Diaria é um espaço voltado à arte e design em Pinheiros

Com uma curadoria de diferentes tipos de produtos voltados à arte de design, a loja segue um lema de vacation lifestyle, ou seja, estar mentalmente de férias como estilo de vida.

No mesmo local ainda funciona a Galeria Lime que dá espaço à cena artística independente.

Rua Artur de Azevedo, 1315 – Pinheiros
Instagram @casa.diaria

Supergrama

A curadoria de marcas e objetos é o forte da Supergrama

A loja define-se como multicoisas.

Uma parceria entre as marcas de roupa A Mulher do Padre e Pavlon, que fabrica mobiliário de design customizado, resultou na Supergrama, que faz uma curadoria de objetos e roupas de forma inusitada e bem descolada. Vale a visita!

Rua Cônego Eugênio Leite, 595 – Pinheiros
Instagram @supergramaoficial

Spa no interior de SP: relaxe a mente e descanse o corpo!

About Cris

Cristiane Salgado Nunes é jornalista, curiosa nata, e adora descobrir novos lugares. É apaixonada por fotografia, moda e street art. Trabalhou no Estado de S. Paulo e na Discovery Channel.

Comente aqui

O seu e-mail não é publicado. Preenchimento obrigatório *

*