Início / Viajei (relatos) / Diário do Brasil / Praia do Gunga: entre as barracas e as falésias
melhores praias do brasil gunga

Praia do Gunga: entre as barracas e as falésias

As paisagens da praia do Gunga não decepcionam quem chega para ver uma das mais famosas praias de Alagoas, que é sempre apontada como uma das mais bonitas praias do Brasil.

Já a invasão de barracas e de um turismo explorador do ambiente pode irritar.

Localizada a 40 km de Maceió, várias agências e vans fazem passeios diários para o Gunga.

Na praia de Pajuçara dá para agendar uma dessas viagens e também para outros destinos perto da capital de Alagoas.

foto – Dario Sanches

– Pajuçara, a melhor praia de capital do Brasil

– Viagens legais por Alagoas

O acesso à praia do Gunga é pela Barra de São Miguel, pequena cidade perto de Maceió. Dá para ir de carro (tem que passar por uma área particular gratuitamente) ou de barco, a partir da Barra.

O caminho até o Gunga reserva lindas paisagens. Quem vai de carro ou van tem que cruzar uma fazenda de coqueiros.

Antes, pode parar para ver do alto, do Mirante do Gunga, a ponta de areia branca quase engolida pelo imenso coqueiral da fazenda, a Barra de São Miguel e a Lagoa do Roteiro.

É uma visão espetacular e obrigatória.

Eu fui pelo mar, com uma lanchinha que sai de Barra de São Miguel e acompanha a maior segunda maior barreira de arrecifes do mundo que faz a fama do litoral alagoano.

O passeio é meio escroto e as lanchas param para que os turistas possam andar por cima dos arrecifes, alimentar os peixinhos das piscinas naturais, tirar fotos. Não tem instrução ecológica nenhuma. De resto, a travessia da Barra de São Miguel para a praia do Gunga é bem tranquila.

A praia do Gunga é uma ponta de areias brancas e mar verde-azulado e em um dos lados tem um barranquinho entre a areia e o mar, bem legal sentar perto para aproveitar a paisagem.

O Gunga tem barraquinhas em excesso, não é um paraíso intocado | foto - José Oliveira

O Gunga tem barraquinhas em excesso, não é um paraíso intocado | foto – José Oliveira

Ter onde sentar não vai ser um problema: o Gunga é um shopping de barracas de praia, um pouco exagerado até. Os preços eram tão salgados quanto o mar e as barracas não aceitavam cartão.

A natureza da praia do Gunga é linda, mas a ocupação humana já é bastante invasiva. É um típico destino de excursão, fui em uma terça-feira besta de novembro e tinha muita gente. Dizem que no fim de semana é filme de terror de multidão.

O mais legal da praia do Guunga é o passeio de bugue até as falésias. Não deixe de fazer com calma, para poder andar entre as coloridas argilas das falésias e aproveitar a lagoa que fica ao pé de um dos paredões.

O passeio de bugue até as falésias é a melhor coisa para fazer no Gunga | foto - Ana Paula Hirama

O passeio de bugue até as falésias é a melhor coisa para fazer no Gunga | foto – Ana Paula Hirama

– Viagens legais pelo Nordeste

Gustavo

Gustavo está em algum lugar da América do Sul, em um roteiro de mochilão que começou em março, no Equador.

3 Comentários

  1. Excelente ponto de vista. Gunga teria de tudo pra ser bem aproveitada. Já percebemos a exploração na própria chegada, no coluo entre guias turísticos e os donos das barracas e passeios. Mas ate hoje, pelo menos, a beleza se sobressai à essa bagunça comercial.

    Excelente site, por sinal!

    Abraços.

  2. Curti o vídeo. Muito lindo, alagoas.

Pergunta aí! Queremos saber

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*