Início / Vasto Mundo / Argentina / San Telmo, o melhor bairro de Buenos Aires
San Telmo: onde comer bem e barato em Buenos Aires no melhor bairro para ficar na capital argentina
San Telmo: onde comer bem e barato em Buenos Aires no melhor bairro para ficar na capital argentina

San Telmo, o melhor bairro de Buenos Aires

San Telmo, um polo boêmio, gastronômico e cultural, é o melhor bairro para ficar em Buenos Aires.

O bairro batizado em homenagem a São Pedro González Telmo é a vizinhança mais antiga da capital argentina e suas ruazinhas são marcadas por lojas descoladas, antiquários, galerias de arte, restaurantes charmosos e prédios bem conservados do período colonial de Buenos Aires.

– Melhores hoteis de Buenos Aires por bairro

O bairro de San Telmo é o melhor para ficar em Buenos Aires porque oferece muitas atrações típicas da capital argentina, além de ter um jeito próprio e encantador. Você não encontra uma vizinhança como San Telmo em outro lugar do mundo. 

Muitas artistas moram em San Telmo, e por todo o bairro há galerias de arte e lojas de designers argentinos muito procurado pelos fashionistas que visitam Buenos Aires.

San Telmo é um dos berços do tango argentino e hoje é palco constantes de shows, aulas e eventos que marcam o renascimento do tango na cena jovem e alternativa.

No bairro, há desde hotéis-boutique para ficar até hostels baratos. Se hospedar na região da Defensa é uma ótima opção de lugar para ficar em Buenos Aires. Além de aproveitar o ótimo bairro de San Telmo, a região é perto da Casa Rosada, da Avenida de Mayo e dá para ir a pé ao centro antigo e também a bairros como Puerto Madero.

Além de tudo, San Telmo é o bairro onde nasceu Mafalda, a questionadora personagem do cartunista Quino.

– Onde  ficar em Buenos Aires? Encontre pousadas baratas e os melhores hostels

Foto: Mariano

Atrações de San Telmo

Na feira de San Telmo, artistas de Buenos Aires expõem sua produção original

Na feira de San Telmo, artistas de Buenos Aires expõem sua produção original

Feira de artesanato de San Telmo

A principal atração de San Telmo é a feirinha de artesanatos e antiguidades, aos domingos. Artistas e colecionadores tomam a Plaza Dorrego e a Avenida Defensa com dezenas de barraquinhas que vendem produtos originais e muito legais.

A feirinha de San Telmo também é uma boa oportunidade para comer comida de rua em Buenos Aires e comprar lembranças diferentes da Argentina.

Plaza Dorrego e um lugar bom e barato para comer

A Plaza Dorrego é um ótimo lugar para almoçar ou tomar uma cerveja (ou chá) no final da tarde em Buenos Aires. É uma pracinha agradável, cercada de bons reaturantes (e baratos).

O hambuguer do Café Arbol é muito bom e barato

O hambúguer do Café Arbol é muito bom e barato

Um lugar bom e barato para comer em Buenos Aires é o Café del Árbol. O hambúrguer caseiro do acolhedor lugar é o melhor que nós comemos na capital argentina. Por cerca de R$ 50, comemos dois hambúrgueres desses aí e tomamos algumas cervejas tiradas no copo em junho de 2013.

O café esse nome porque suas mesas na Plaza Dorrego ficam sob uma árvore. Eventualmente tem música ao vivo no Café del Árbol (Humberto Primo 424), mas não tivemos a sorte de ver.

Avenida Defensa, dos antiquários às tendências da moda

A Avenida Defensa também merece ser percorrida nos outros dias da semana, além do domingo, quando recebe a feirinha de San Telmo. E sem pressa.

A rua mais famosa de San Telmo tem muitos antiquários, bons e baratos restaurantes e lojas de roupas de marcas próprias que apontam as tendências da moda argentina e da moda urbana.

Muitos antigos casarões de San Telmo foram transformados em galerias de arte, também vale a penal dar uma olhada.

O que ver em San Telmo – Atrações turísticas e culturais

Vídeo conta a história e mostra as atrações do bairro

Mercado de San Telmo – Inaugurado em 1897, o mercado ocupa um quarteirão entre quatro ruas: Bolívar, Carlos Calvo, Defensa, Estados Unidos.

Parroquia de San Pedro Telmo – A igreja, um Monumento Histórico Nacional da Argentina, começou a ser construída no final do século 18. )Humberto Primo, 340)

Museo Histórico Nacional – O acervo desse museu argentino conta com muitos itens referentes à Revolução de Maio e às Guerras de Independência. (Defensa, 1600)

Museo de Arte Moderno – Uma antiga fábrica de cigarros, o Museu de Arte Moderna de Buenos Aires sempre tem exposições de artistas plásticos. (Av. San Juan, 350)

Iglesia Ortodoxa Rusa de la Santísima Trindad – A Catedral Ortodoxa Russa tem um estilo que remete aos edifícios de Moscou do século 17. Foi inaugurada no bairro de San Telmo no começo do século 20.

Gustavo

Gustavo está em algum lugar da América do Sul, em um roteiro de mochilão que começou em março, no Equador.

1 Comentário

  1. Sugiro visitar tambem a loja de vinhos sensacional! http://www.verawines.com.ar, em plena Av. de Mayo 769, a metros do Cafe Tortoni… ali os precos sao otimos e o lugar lindisimo!

Pergunta aí! Queremos saber

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*