Início / Vasto Mundo / Camboja / Templo de Angkor Wat, em Siem Reap, Camboja
templos-e-ruinas-asia

Templo de Angkor Wat, em Siem Reap, Camboja

Por Sani Hadek

Após algumas andanças em Siem Reap, no Camboja, fui em busca de novas aventuras neste país pelo qual fiquei apaixonada.

sani-na-asia

Sani no Camboja!

Com minha pontualidade quase britânica, 7:50 AM eu já esperava pelo tuk tuk que agendei com a equipe da guest house, onde fiquei hospedada, para me pegar às 8:00 AM. Depois descobri que deveria ter ido até mais cedo. Fica a fica!

O roteiro do dia seria visitar os famosos templos Khmer e o complexo arqueológico de Angkor, um dos pontos turísticos mais procurados e visitados no Sudeste Asiático, e apenas 20 minutos de táxi do centro de Siem Reap.

E digo de antemão: se pretende visitar os templos com um pouco mais de calma e tranquilidade, vá cedo.

Prepare-se também para uma multidão de turistas, viajantes e mochileiros, principalmente grupos de japoneses com seus chapéus de palha, mini-ventiladores de pilha, e que param a cada dois passos para um nova foto.

Outra dica importante para o roteiro é vestir roupas confortáveis. Leve apenas uma pochete, bolsa ou pequena mochila com algum dinheiro para passar o dia, sua máquina fotográfica, uma garrafa de água, além de muita disposição.

Muitos visitantes dedicam de 2 a 3 dias para explorar o complexo, mas se você não tem todo esse tempo ou disposição para apenas um ponto turístico, é possível visitar os templos em apenas um dia, mas vale a pena dedicar algumas hora, senão o dia inteiro, para explorar cada cantinho. Vale muito a pena e você certamente terá muitas fotos bonitas do Camboja.

– Como chegar no Camboja, saindo da Tailândia?

– Dicas de mochilão na Ásia, de Ayutthaya a Chiang Mai

Templo de Angkor Wat

o-que-fazer-cambodja

As ruínas do templo Angkor Wat dão uma dimensão da grandeza do império Khmer.

A estrela do parque arqueológico é o famoso Angkor Wat, construído no início do século XII, e considerado um dos maiores monumentos do império Khmer, mas ao todo são cerca de 73 templos acessíveis ao turista.

Templos fascinantes, monumentos esplendorosos, ruínas, esculturas e rostos esculpidos em pedra são algumas das coisas que você vai encontrar neste símbolo do império Khmer, e patrimônio tombado pela Unesco desde 1992.

– Dicas para quem pretender fazer um mochilão pela Ásia

templo-angkor-wat-asia

As ruínas e os templos no Camboja causam uma impressão de grandeza e destruição…

As crianças no Camboja

viagem-mundo-asia

Em um dos templos, conheci a menina Huá, que puxou papo na intenção de me vender uma pulseira, mas acabou me fazendo companhia por boa parte do passeio. Ela disse ter 15 anos, mas aparentava ter entre 11 e 12 aninhos apenas.

Huá caminhou o tempo todo descalça. Super falante, em um inglês muito bom que disse ter aprendido com turistas, derreteu meu coração diversas vezes, inclusive quando me perguntou se eu tinha alguma irmã, e eu disse que não, apenas quatro irmãos, e disse que provavelmente a mãe dela não se importaria em dar uma das filhas, já com outros quatro.

Entre uma parada e outra, fomos conversando, e foi interessante ver a visão tão madura de uma menina tão nova. Ela me disse que não gostava muito do rei do Camboja, pois achava que ele não ligava para as pessoas que moram no subúrbio, que não gostaria de morar ali para sempre, mas que no momento não tinha outra opção senão ficar por ali.

Num papo menininha, perguntei se ela tinha algum namorado, no que ela me respondeu ser muito nova para isso, e não desejava levar a mesma vida da mãe, batalhando sozinha para criar os filhos. Queria apenas estudar.

onde-ir-cambodja

Posso falar que o Camboja mudou muitos conceitos sobre o meu sentido da vida…

Antes de ir embora, acendi um incenso e fiz uma prece junto a uma senhora cambojana, que me “benzeu” em Khmer, e me amarrou no pulso direito uma linha vermelha, e depois me disse para fazer um pedido. Orou novamente, sorriu e eu segui o meu caminho.

Dicas práticas na hora de visitar os templos no Camboja

  • Melhor época do ano: de Novembro a Março, quando as temperaturas são mais amenas e agradáveis;
  • Vá cedo para evitar as multidões. O parque arqueológico abre para visitas as 5:30am, e você vai precisar de um bilhete para adentrar o completo. É possível comprar passes de 1, 3 ou 7 dias. Optei pelo passe de 1 dia a U$20;
    cidade-na-asia

    Ruínas no Camboja.

  • Contrate um guia (tuk tuk) para o dia inteiro. Desse modo, facilita o tour de um templo ao outro, uma vez que as distâncias são muito grandes para serem feitas a pé sob um sol escaldante. Um guia também vai lhe ser extremamente útil na hora de entender melhor a história dos templos. Paguei U$20 por um dia inteiro de guia + tuk tuk;
  • Lembre-se que são templos budistas, por isso procure respeitar os costumes e a religião e não use roupas curtas, ou que firam os costumes religiosos do Camboja;
  • O roteiro seguido pela grande maioria inclui: ver o sol nascer no portão Oeste de Angkor Wat, seguido por uma visita aos templos de Angkor Thom, Ta Phrom, Banteay Srei, Angkor Wat (um enorme complexo a ser explorado com calma!), terminando com o pôr do sol em Phnom Bakheng;
  • Vai ser inevitável encontrar crianças pedindo dinheiro ou vendendo souvenirs, e a maioria delas usam discursos bem praticados e usam pequenas chantagens emocionais, como frases do tipo “Você diz que não pode me dar dinheiro porque não tem, mas você tem dinheiro para visitar o meu país e eu não tenho dinheiro para visitar o seu”. Esteja preparado para lidar com isto sem ser ofensivo, e caso desejem ajudar financeiramente, turistas são encorajados a fazerem suas doações a entidades não-governamentais cadastradas.

About The Author

Sani Hadek já morou em 4 países e ama viajar desde criança. Em 2004 deixou tudo para trás e aventurou-se no mundo atrás de respostas para suas tantas perguntas. Desde então, roda o mundo com sua mochila suja e não desgruda da câmera fotográfica. Escreve sobre suas aventuras no Muita Viagem e sobre vida saudável em Raw4Happiness.

Pergunta aí! Queremos saber

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*