Início / Souvenir / Fundo da Mala / 5 malas típicos que você encontra em viagens

5 malas típicos que você encontra em viagens

Viajar é super-legal e até as partes chatas se tornam engraçadas (depois da viagem). Eu e meus companheiros de estrada sempre damos risadas dos tipos malas e marcantes que encontramos por aí, enquanto eles, com certeza, riem da gente.

Vamos a uma listinha típica de gente rabugenta. Conheça típicos malas que sempre vejo em viagens (às vezes, olhando no espelho). Já conheceu alguém assim?

– 5 águas estranhas que bebi

5 malas que você conhece em viagem

O phd em estrada
“Nada te ensina tanto quanto viajar. Viajando você aprende mais do que com livrozzzzzzzzzzzzzz…”.

Amigo, você pode aprender muito carpindo um terreno, na aula de matemática ou, juro, lendo um livro.

Dizem que Newton descobriu a gravidade quando uma maçã caiu da árvore na sua cabeça. E ele nem estava viajando. Estava lendo.

O bactéria

É um clássico: ele suga sua cerveja, fuma mais do seu cigarro que você e dá em cima das suas amigas e de modo inconveniente e infrutífero. Amanhã ele vai tentar de novo. Normalmente, mistura um discurso de phd em estrada com o da importância de socializar as coisas. Alheias.

O negociador

Pechinchar é uma arte quando você está viajando; querer comprar cerveja gelada na praia pelo preço de custo é apenas mesquinharia. Está sol, está pesado, o gelo não chega fácil ali e ele tem que fazer uma grana na temporada. Conforme-se ou não beba.

O cheio de contatos

A proporção de pessoas que conhecem algum segredo do Lula em viagens cresce assustadoramente em relação ao mundo cotidiano. Não dá para contar nos dedos de uma mão as versões que conheci em viagens de como o ex-presidente perdeu o dedinho.

Parece que, em viagens, as pessoas não têm medo de dizer que o primo é espião da CIA. Ou mentir.

O rabugento

É todo melindrado. Quando tá de bom humor, vá lá. Mas quando dá os cinco minutos, fecha a cara e sai andando para escrever sobre malas de viagem. Uma dica para esse tipinho: conte até 10 ou faz como na ioga, respira florzinha e expira velinha. Pena que não funciona.

Gustavo

Gustavo está em algum lugar da América do Sul, em um roteiro de mochilão que começou em março, no Equador.

1 Comentário

  1. Respire florzinha, expire velinha :-D

Pergunta aí! Queremos saber

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*