Início / Vasto Mundo / África do Sul / Feliz viagem nova: Réveillon em 3 cidades diferentes
  • Ano Novo na África do Sul

    Na Cidade do Cabo, muita gente passa a noite de Réveillon na Table Mountain

Feliz viagem nova: Réveillon em 3 cidades diferentes

Por Sheila Moreira

Confira as dicas do Muita Viagem para curtir o Réveillon em lugares bem diferentes:

Ano novo em Cuzco, no Peru

Rodopie na Plaza de Armas

A Plaza de Armas em Cuzco, no Peru, na noite da virada do ano

A Plaza de Armas em Cuzco, no Peru, na noite da virada do ano

Na véspera do Ano Novo, as ruas de Cuzco cheiram Palo Santo, uma madeira aromática utilizada como incenso pelos povos andinos para purificar e limpar o espírito. Contrariando a tradição brasileira de usar branco, no réveillon cusquenho o amarelo é usado para atrair boa sorte para o ano que está chegando.

Conforme a noite vai caindo, a Plaza de Armas vai ficando cada vez mais cheia de turistas. O novo ano é recebido com queima de fogos e, além disso, os turistas seguem a tradição local: dar voltas na Plaza de Armas. Tudo regado a muita bebida, claro! É bem legal, e as pessoas parecem incansáveis dando milhões de voltas na praça. Mas cuidado: infelizmente, muitos batedores de carteira aproveitam esse momento para “fazerem a festa” (meu amigo foi roubado no meio do tumultuo).

A festa na praça dura quase a noite toda, mas na madrugada muita gente vai para os bares e casas noturnas da redondeza (muitas vezes, os preços são bem altos e podem ser cobrados em dólares). O Mama Africa Club é uma das baladas mais procuradas e caras nessa data. Eu optei por uma mais barata e também legal: Mushroom Bar.

Baladinho de mochileiro no Réveillon em Cuzco

Baladinho de mochileiro no Réveillon em Cuzco

Dicas: Reserve hotéis e hostels com antecedência porque a cidade fica lotada. Não deixe de experimentar o Pisco Sour (mistura de pisco, limão e clara de ovo batida), bebida genuinamente peruana.

– Como comprar passagens baratas no final do ano

Ano Novo na Cidade do Cabo, na África do Sul

New Year’s Eve nas alturas

Na Cidade do Cabo (também chamada de Mother City), na África do Sul, o agito fica no centro da cidade, na Long Street. Fora do centro não há muita gente na rua, as famílias comemoram em casa. Para os turistas, as opções são baladas (ano passado estavam cerca de 400 rands) ou a Table Mountain.

Isso mesmo, é possível dar boas vindas pra o novo ano em cima da Table Mountain! No New Year’s Eve, os horários dos bondinhos são especiais: os últimos sobem e descem, respectivamente, às 23h e a 01h. Muitos moradores de Cape Town vão para lá ver o ano novo nascer.

Dicas: Confira as condições climáticas antes de comprar os bilhetes para a Table Mountain. Se quiser, leve uma cesta com alimentos e faça um picnic na noite de ano novo (o Table Mountain Café fecha às 00h30). Não deixe de fazer reservas, todas as acomodações da cidade ficam cheias.

– Intercâmbio na África do Sul

Ano Novo em Calafate, na Argentina

Virada no frio patagônico

Na pequenina Calafate, no sul argentino, não há muitas opções para a passagem de ano, mas como a cidade é cheia de mochileiros (que estão por ali para visitar o Glaciar Perito Moreno ou de passagem para El Chaltén), bares e baladas lotam. A Avenida del Libertador é a principal e, por isso, concentra o comércio da cidade.

Na verdade, o agito nas ruas e as baladas começam bem tarde em Calafate. Os restaurantes/bares servem jantar até a meia noite, onde a galera também começa o famoso “esquenta” para depois cair na noite. Só por volta das duas da manhã as pessoas vão pras ruas.

Para os mochileiros que querem economizar no jantar (que não é barato em datas comemorativas) e só gastar com a balada, uma boa saída é comprar muitas guloseimas no supermercado La Anónima (também na Libertador) e fazer uma ceia de baixo custo e farta no hostel. Nós (eu e dois amigos) fizemos isso: compramos cerejas, queijos, salames e vinhos e fizemos nossa ceia particular.

Ceia de Ano Novo em Calafate só com delícias do mercado

Ceia de Ano Novo em Calafate só com delícias do mercado

Algumas opções para diversão noturna: cassinos, pub Don Diego de la Noche, La Toldería, Shackleton Lounge. Todos os estabelecimentos estão localizados na Avenida del Libertador. As baladas são engraçadas, tocam de tudo um pouco: música eletrônica, rock, axé e até funk carioca. Só vendo pra acreditar!

Pode parecer dica de vó, mas não deixe de levar uma blusa pra balada. Na hora de ir embora o frio é congelante e você provavelmente estará a pé, já que a cidade é minúscula (em Calafate os dias podem até ser quentes, mas as noites são bem frias). Tome vinho para esquentar!

– Mochilão pelo Paraguai: Missões Jesuíticas

– Viagens legais (e baratas) pelo Brasil

Pergunta aí! Queremos saber

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*