Home / Antes da Viagem / Argentina além de Buenos Aires: da Cordilheira à Patagônia
Uma das melhores atrações de Salta é subir ao Cerro San Bernardo pelo teleférico

Argentina além de Buenos Aires: da Cordilheira à Patagônia

É possível sair do óbvio e planejar uma viagem pela Argentina seguindo por um roteiro muito além de Buenos Aires.

De cidades que bordam a Cordilheira dos Andes até o fim do mundo, na Terra do Fogo, a Argentina possibilita inúmero roteiros.

Em tempos de dólar alto, por vezes a cotação do peso argentino tende a se desvalorizar mais que o real, tornando a viagem à Argentina uma alternativa econômica, mas repleta de experiências e cenários deslumbrantes.

Pesquisar hotéis na Argentina

Buenos Aires

De início vale destacar a capital. Uma das cidades que mais recebe turistas brasileiros no mundo, Buenos Aires certamente oferece excelentes programas que passeiam pela culinária, vinhos, história e atrativos turísticos em uma das cidades mais importantes da América do Sul.

Dica de hotel em Buenos Aires

Fotos de Buenos Aires – Instagram @muitaviagem

O melhor de Buenos Aires: 27 dias de passeios

Contudo, para quem já conhece a capital portenha e deseja viajar para outras cidades, elencamos a seguir roteiros de viagens na Argentina e Uruguai.

Patagônia

El Chaltén e El Calafate

El Calafate fica pertinho do Glaciar Perito Moreno | Gabi Saraceni

Além de desfrutar de todas as iguarias dos nossos hermanos como a boa carne, o vinho e os alfajores, a Patagônia argentina tem uma paisagem incrível. Daquelas que não estamos acostumados a ver no Brasil com glaciares e montanhas.

A região de Santa Cruz abriga o Parque Nacional Los Glaciares e as principais cidades de passeios: El Calafate e El Chaltén.

O melhor da Patagônia Argentina: Perito Moreno e El Chaltén

Ushuaia

Perito Moreno

Por trilha ou por barco, é possível chegar bem perto da glaciar Perito Moreno | Gabi Saraceni

Ushuaia é a cidade mais austral (ao Sul) do mundo. Uma experiência única, que sempre acompanha o churrasco e o vinho argentino. A visão que terá da glaciar ficará para sempre na sua memória de viagem.

Roteiro por El Calafate e Ushuaia

A dica é viajar para a Patagônia Argentina no verão, especialmente para ver os desprendimentos das glaciares, e quando a temperatura mínima não chega negativo. No blog Para Onde Fomos é possível conferir dicas com as temperaturas nos destinos da Patagônia por meses do ano.

Puerto Iguaçu

Do lado brasileiro, a vista panorâmica das Cataratas impressiona

O exemplo típico de uma cidade turística argentina de fácil acesso para brasileiros é Puerto Iguaçu. A viagem combinada com a parte brasileira, possibilita para os mais aventureiros o macuco safari (passeio de barco até as quedas d’água das cataratas), em Foz do Iguaçu, e, claro, o mirante da Garganta del Diablo, do lado da Argentina.

Melhores hotéis em Foz do Iguaçu

A melhor época para viajar para Foz do Iguaçu é entre a primavera e o verão, quando as chuvas aumentam a vazão das cataratas.

O que fazer em Foz do Iguaçu

Quem gosta de compra pode arriscar uma caminhada nas tumultuadas e confusas ruas de Cidade del Este, já no Paraguay. Convém saber as melhores lojas perguntando antes ao concierge do hotel.

Rosário

dicas-rosario-2015

Vista do monumento do alto da Torre Central

Rosário é uma cidade de estudantes, com diversos bares, restaurantes e boates. Um bar que indicamos é o Johnny B. Good, com boa música, cerveja e aperitivos. É bom chegar cedo, pois chega a formar lista de espera.

Durante o dia uma caminhada pelo Centro Cívico, na Plaza 25 de Mayo. É um lugar importante na história da Argentina por ter sido o local inicial do assentamento do exército que lutou na Revolução de 25 de Maio de 1810, quando a Argentina iniciou o seu processo de independência do Reino da Espanha.

O Parque Nacional da bandeira é o lugar preferido de muitos argentinos e turistas. O Monumento da Bandeira fica a poucos metros da praça. Foi lá o lugar onde pela primeira vez ergue-se a bandeira argentina como nação livre, em 1812. Ainda vale a pena subir na Torre Central do monumento para ter uma visão panorâmica da cidade de Rosário.

Rosário, Argentina: o que fazer na cidade

La Cumbrecita

La Cumbrecita tem lindas paisagens e fica próximo de Córdoba

La Cumbrecita está encravada no vale das Grandes Serras de Córdoba. É uma pequena vila onde carros não são permitidos (pueblo peatonal). Tudo é feito a pé, por isso há muitas trilhas e caminhos. A região tem belas paisagens com rios e montanhas. E, apesar de ser um destino de inverno por conta do clima frio e neve, é bacana conhecer em qualquer época do ano.

Em termos místicos podemos comparar à São Tomé das Letras, em MG. Há vários gnomos e duendes espalhados pela cidade. Certamente um lugar mágico na América do Sul.

La Cumbrecita, vila pedestre a 120 km de Córdoba

Vila General Belgrano

Vila General Belgrano tem a maior Oktoberfest da Argentina | Muita Viagem

Entre Córdoba e La Cumbrecita é possível fazer uma parada para conhecer a Vila General Belgrano.

Festa da Cerveja é um dos principais atrativos da região. O número de turistas que visita a Vila General Belgrano aumenta no mês de Outubro por conta da Oktoberfest.

Lugares para viajar em Outubro (ou evitar)

Seguindo a tradição alemã, a Oktoberfest é animada com dança, música e trajes típicos. A cidade tem uma praça fixa, onde todos os anos acontece a festa.

Córdoba, Argentina: roteiro de um dia

Salta

O Trem das Nuvens é para quem quer fazer uma viagem de trem com emoção

Com mais de 600 mil habitantes, Salta fica na base da Cordilheira dos Andes e mistura a influência indígena com a presença colonial espanhola.

Um dos passeios mais desejados pelos turistas para fazer em Salta é o Trem das Nuvens, com um dos roteiros de trem mais altos do mundo. O trajeto do Trem das Nuvens parte de Salta (1200 metros de altitude) e termina no Viaduto La Polvorilla (a 4.220 metros).

É possível perceber que uma viagem na Argentina pode ir muito além de Buenos Aires. No roteiro de trem pela noroeste da Argentina, é possível ver várias paisagens, desde o Valle de Lerma, cercado por morros verdes onde fica Salta, Puna, com seu aspecto de deserto andino.

O que fazer em Salta

Viagens no Uruguai

Quem faz a viagem para Buenos Aires pode facilmente conhecer Colonia del Sacramento, a antiga cidade portuguesa, localizada a um trajeto marítimo em ferry pela Bacia do Prata.

Colonia del Sacramento

A Rua dos Suspiros, um dos pontos turísticos mais fotografados do Uruguai

Colônia do Sacramento fica a uma curta distância de barco pela Bacia da Prata a partir de Buenos Aires. É uma viagem comum tanto para quem está em Montevidéu, no Uruguai, quanto para quem sai da Argentina. É possível fazer a viagem bate-volta ou passar uma noite na charmosa vila colonial.

Como chegar em Colônia do Sacramento

Montevidéu

Centro de Montevidéu, Uruguai | Muita Viagem

Localizada às margens do Rio do Prata, a capital do Uruguai, Montevidéu, é uma cidade bonita e romântica. O ar nostálgico é reforçado pela arquitetura européiaedifícios históricos.

A capital uruguaia está entre as cidades com melhor qualidade de vida da América do Sul, à frente de Santiago e Buenos Aires.

Roteiro de viagem em Montevidéu

Punta del Este

Punta del Este fica a 130km de Montevidéu | Muita Viagem

Com alguns dias a mais nas férias é possível combinar uma viagem de Montevidéu até o litoral do Uruguai, onde fica o famoso balneário de Punta del Este e outras praias, como Punta del Diablo.

A melhor época para viajar para as praias do Uruguai é após o carnaval. As festas de fim de ano e o verão deixam as praias lotadas e tudo fica mais caro.

About Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Comente aqui

O seu e-mail não é publicado. Preenchimento obrigatório *

*