Início / Destinos / Blumenau, Europa no Sul do Brasil com festas e chope!
Festa de rua na Oktoberfest em Blumenau, a maior do Brasil

Blumenau, Europa no Sul do Brasil com festas e chope!

Roteiro turístico e festas na cidade

Blumenau fica localizada no Médio Vale do Itajaí, área nobre do estado de Santa Catarina e é conhecida em todo o mundo por ser a cidade da Oktoberfest.

A fama foi conquistada pela alegria do povo que transforma a cidade em uma pequena Alemanha todos os anos, durante o mês de Outubro.

A Oktoberfest em Blumenau é a segunda maior versão da festa do mundo, perdendo apenas para sua homônima de Munique, e é a maior festa alemã brasileira.

Mas não é a apenas em outubro que o turismo blumenauense se destaca.

A cidade recebe, durante todo o ano, visitantes dos quatro cantos do planeta, que se encantam com a arquitetura típica enxaimel, a gastronomia, os roteiros turísticos, as belezas naturais da cidade e as ricas expressões de tradição e cultura dos Clubes de Caça e Tiro.

O que fazer em Blumenau, SC

Blumenau, uma cidade repleta de história – Dona de uma natureza exuberante, a cidade turística é berço de um povo hospitaleiro e que honra suas tradições.

Fundada em 1850, Blumenau relembra suas origens em cada canto da cidade – nas casas, parques e nos monumentos.

Apenas a Rua XV de Novembro concentra mais de 40 pontos turísticos que compõem a trajetória dos primeiros imigrantes da região.

Para quem está visitando a cidade de Blumenau neste mês de outubro e deseja dicas de atrações, passeios turísticos na cidade, trazemos um roteiro com muitas opções para aproveitar ainda mais a sua viagem!

Abaixo, um roteiro completo para mergulhar em um passado marcante de uma cidade que encanta em todos os sentidos.

Na arquitetura, além das diversas casas e estilo germânico espalhados por toda a cidade, seja no Centro ou nos bairros mais afastados, dois dos pontos mais fotografados do Estado merecem destaque, a Prefeitura de Blumenau e o Castelinho da XV.

A torre da Catedral São Paulo Apóstolo, as diversas praças e o Centro Histórico completam um passeio imperdível entre as construções arquitetônicas de Blumenau.

A cidade de Blumenau também conta com um roteiro industrial que apresenta aos visitantes a força da economia catarinense e um roteiro de dar água na boca, o das cervejarias artesanais.

A cidade é parada obrigatória para apreciadores da boa cerveja. Um verdadeiro paraíso onde além da degustação, o visitante pode acompanhar passo-a-passo todas as etapas de produção de cerveja artesanal.

Algumas roteiros ainda oferecem a chance de fazer cursos que ensinam a fabricação da sua própria cerveja.

Para quem gosta de natureza, os rios e ribeirões que cortam a cidade de Blumenau oferecem períodos de tranquilidade junto ao verde. Parques, ecomuseus e um banho nas águas dos ribeirões da Nova Rússia são a pedida para os dias mais quentes, além das visitas aos túneis das Minas da Prata, caminhadas, mountain bike, trilhas e a subida e vista do topo do Spitzkopf.

Blumenau é um pequeno pedaço da Europa no Sul do Brasil. Música, alegria, gastronomia, muitos passeios inesquecíveis e atrações que mostram que o povo blumenauense sempre te algo a comemorar. O povo traz um pouquinho da Europa com a alegria e o calor do povo brasileiro.

Onde ficar em Blumenau?

A cidade oferece opções limitadas de estadias, mas há desde pousadas mais baratas até bons hotéis sofisticados.

Não há uma oferta muito boa de hostels: na cidade não há, por exemplo, nenhum albergue filiado à rede da Hostelling Internacional. No total, segundo o Jornal de Santa Catarina, a cidade conta com 33 hotéis e pousadas e cerca de 4 mil leitos.

Na rua Rua Paul Hering 67, no centro de Blumenau, há um hotel da rede Ibis, que oferece uma boa relação custo-benefício. Para quem quer pesquisar mais hotéis em Blumenau, uma boa dica é pesquisar no site do Booking.com opções de hospedagem.

Festivais e festas em Blumenau

Oktoberfest

A maior festa alemã do Brasil e a segunda maior Oktoberfest do mundo. A Oktoberfest Blumenau acontece há 30 anos e recebeu perto de 20 milhões de visitantes.

Há inúmeras atrações, entre bandas típicas, danças, gastronomia e muita cerveja alemã!

Quando? Em meados de Outubro, no Parque Vila Germânica.

Magia de Natal

Todo fim de ano um brilho especial ilumina e contagia Blumenau.

A cidade da Oktoberfest se transforma em um mundo encantado, destino ideal para viagem em família e com crianças para comemorar o espírito, o encanto e a alegria natalina.

Quando? Entre Novembro e Dezembro.

Dicas de destinos próximos: Natal Luz em Gramado, na Serra Gaúcha

Réveillon

Já é verão e as festas em Blumenau ganham o calendário de fim de ano e ano novo da cidade. Começando com a tradicional festa da virada na avenida Beira Rio e se estende até o carnaval.

O réveillon de Blumenau oferece um dos momentos mais sublimes de todo o ano.

A beleza dos fogos iluminando as margens do rio Itajaí é um espetáculo a parte. A festa da virada também reúne muita música, gente bonita e a animação tipicamente blumenauense.

O período também inclui uma programação turística com opções de lazer, cultura, compras, gastronomia – com o Festival Gastronômico de Blumenau, e descontos especiais no setor hoteleiro.

Ano Novo em outro lugar: Melhores festas de réveillon no Brasil

Sommerfest – festa de verão em Blumenau

Entre os meses de janeiro e fevereiro a alegria das festas alemãs toma conta das ruas de Blumenau. O legal desta época do ano é o calor, além da cordialidade do povo local.

A cidade da Oktoberfest também ganha animação nas noites de verão. Muita música típica, dança, gastronomia e cerveja para refrescar as noites das férias de verão.

Quando? Geralmente todas às quintas e sextas-feiras de Janeiro

Festival brasileiro da Cerveja

Blumenau reúne todos os anos o maior encontro cervejeiro do país. São os melhores do ramo em um só lugar e com apenas um propósito: levar ao público amante das boas cervejas uma diversidade de tipos, aromas, sabores e texturas nunca vista antes na região.

Cada nova edição do Festival brasileiro da Cerveja, turistas e visitantes à cidade, mergulham no universo cervejeiro com mais de 500 rótulos, junto a uma rica programação de shows musicais, palestras, workshops e ótimas opções de gastronomia.

Quando? Geralmente no início de Março, no Parque Vila Germânica.

Osteradorf

A magia da Páscoa também invade Blumenau e o Parque Vila Germânica.

A Osterdorf, Vila de Páscoa, vem com uma programação especialmente preparada para o feriado da Semana Santa e Páscoa, reunindo as diferentes culturas e práticas sociais da tradição pascal da nossa cidade.

Quando? Geralmente no mês de Março a Osterdorf contagia a Vila Germânica. O evento é ideal para viagem com crianças e casais em família.

Roteiro histórico em Blumenau

Blumenau é palco da maior Oktoberfest fora da Alemanha

Ponte Aldo Pereira de Andrade

Construída com material importado da Alemanha e inaugurada em 1931. Até meados de 1970, serviu de passagem para o trem que ia de Blumenau a Itajaí, transportando alimentos e produtos industrializados.

Próximo à ponte foi construído o Mirante, que marca o ponto de chegada dos 17 primeiros imigrantes. Local privilegiado para aqueles que querem captar belas imagens.

Monumento dos Imigrantes

Mirante que marca o ponto de chegada dos 17 primeiros imigrantes. Local legal para quem gosta de tirar fotos durante a viagem.

Praça da Paz

Inaugurada em 2006, em comemoração ao centenário do Rotary Club de Blumenau.

Nele consta um monumento artesanal, em aço inox, com 2m de diâmetro. O Globo com as mãos abertas é um convite à paz, simbolizando a união com todos os povos da Terra.

Praça Victor Konder

Inaugurada em 1928, contempla o Marco Comemorativo à Independência do Brasil, o Monumento da Poesia e o Busto Victor Konder.

Em 1930, o busto foi arrancado do pedestal e atirado ao Ribeirão da Velha pelos revolucionários getulistas. A recolocação só aconteceu em 1947, dezessete anos depois.

Prefeitura Municipal de Blumenau

Prédio inaugurado em 1982, no local onde funciona a sede da antiga Estação Ferroviária. A construção é uma imitação da técnica construtiva enxaimel, inspirada nas edificações do período colonial.

Locomotiva Macuca

A primeira locomotiva de Blumenau. Importada da Alemanha em 1908, chegou ao Brasil a bordo do Vapor Klobenz que também trazia oitocentas toneladas de material para a Estrada de Ferro Santa Catarina.

O apelido “Macuca” foi dado devido à semelhança com a ave macuco, pois o apito lembrava seu pio e o ruído da descarga de sua caldeira parecia com o som produzido pelas suas asas.

Relógio das Flores

Inaugurado em 2000, em comemoração aos 150 anos de Blumenau, o relógio funciona à energia elétrica. É o único no Estado.

No Brasil existem apenas mais 5 relógios de flores espalhados por cidades bonitas no Brasil.

Rua XV de Novembro

No início, era conhecida por “Wurtstrasse” (Rua da Linguiça), por ser estreita e cheia de curvas.

Com a expansão colonial, passou a denominar-se Rua do Comércio. Hoje é palco dos desfiles da Oktoberfest, das comemorações do aniversário de Blumenau e do Stammtisch. O curso de 1.590 metros de extensão da Rua XV de Novembro é de uma beleza incontestável.

Teatro Carlos Gomes

Construído em 1939, possui um dos quatro palcos giratórios do Brasil com plateia para 1.170 pessoas, ambiente climatizado, oferece também escola de balé, teatro, dança, orquestra de câmara e Centro de Convenções.

Castelinho da XV

Construído em 1978, pelo empresário Udo Schadrack, de família tradicional blumenauense, é uma réplica da prefeitura de Michelstadt, cidade localizada ao sul da Alemanha.

Praça Dr. Blumenau

Inaugurada em agosto de 1949, em homenagem ao fundador da cidade. Palco de grandes eventos políticos e culturais em terreno doado pela família Werner. A partir de 2001, um mosaico composto de cacos de pisos e azulejos, de autoria do artista Antônio Rozicki, retrata o fundador da cidade.

Fundação Cultural de Blumenau

Sede da Colônia de Blumenau (1875). A partir de 1939, com a remodelação e ampliação do prédio, passou a abrigar além da Prefeitura Municipal, o Fórum e as repartições Judiciais e Policiais.

Foi parcialmente destruída pelo incêndio em 1958, junto com os arquivos históricos do município.

O prédio foi reconstruído e inaugurado no ano de 2001. Hoje, nele também está o Museu de Arte de Blumenau, com acervo de mais de 400 obras e exposições o ano todo.

Praça Hercílio Luz

No tempos da colônia, o local era o principal ponto de reuniões da cidade que não parava de crescer.

Compreende o Marco dos Primeiros Imigrantes, o Monumento Voluntários da Pátria, o Museu da Cerveja, o Biergarten (Jardim da Cerveja) e o Monumento com Poema de Lindolf Bell. Ao entardecer, enquanto degusta cerveja artesanal, o visitante pode contemplar o pôr-do-sol e as belezas do Rio Itajaí-Açu.

Alameda Duque de Caxias – Rua das Palmeiras

Foi a primeira rua planejada da colônia, na época chamada de caminho do Stadplatz.

Em 1942, recebeu a denominação atual, Rua Alameda Duque de Caxias. Curiosidade: As primeiras palmeiras imperiais, trazidas do Rio de Janeiro, foram plantadas no centro da via, em 1876. Em decorrência deste fato, a principal rua da época, passou a chamar-se Palmenallee, (palmeira em alemão).

Parque Horto Botânico Edith Gaertner

Área do complexo do Museu da Família Colonial. Neste espaço, o visitante conhece o laboratório de experiências botânicas, com várias espécies plantadas pelo Dr. Blumenau.

Cemitério dos Gatos

Edith Gaertner, sobrinha-neta do Dr. Blumenau, tinha grande afeto pelos gatos. Ao morrerem, os felinos eram enterrados com direito a funeral e cortejo fúnebre. Com o passar do tempo, o local acabou se tornando atração turística.

Roteiro das Cervejarias

bierland-blumenau-roteiro-cervejarias

Os apreciadores da boa cerveja encontram em Blumenau um verdadeiro paraíso.

As cervejarias artesanais recebem visitas de apreciadores e curiosos que, além de provar, podem conhecer o processo de fabricação das melhores cervejas da região.

As visitas devem ser agendadas diretamente com cada cervejaria.

Cervejaria Wunder Bier

Fundada em outubro de 2007, a cdervejaria oferece aos visitantes vários tipos de chopes; Hefe-Weizenbier (trigo), Schwarzbier (escuro) e Lager Hell. O chope Lager é um pilsen primitivo de origem, que resulta em uma cor mais acentuada e sabor mais intenso.

Rua Fritz Spernau, 155 – Fortaleza | Agendamentos: (47) 3339-0001

Cervejaria Bierland

Bierland significa terra da cerveja, uma homenagem à Blumenau. A fábrica possui um bar anexo, assim os visitantes podem visitar e degustar os sabores dos chopes e cervejas nas variedades Pilsen, Bock, Weisen e Pale Ale.

Rua Gustavo Zimmermann, 5361 – Itoupava Central | Agendamentos: (47) 3337-3100

Cervejaria Eisenbahn

Fundada em 2002, a Eisenbahn buscou a melhor matéria prima disponível na Europa e um mestre cervejeiro alemão com 30 anos de experiência, formado na mais conceituada Universidade de Cervejeiros do mundo, a Weihenstephan, na Alemanha.

Produz uma variedade de 11 cervejas, entre elas a Lust, cerveja feita pelo método champenoise, um licor feito de cerveja, único no Brasil. A Eisenbahn produz aproximadamente 200 mil litros de cerveja/mês, vende para 17 estados brasileiros e exporta para os EUA e Suiça.

Rua Bahia, 5181 – Salto Weissbach | Agendamentos: (47) 3488-7371

Fotos: Vitor Pamplona / Ed Pichler

Oktoberfest em Blumenau e outras 6 cidades de SC

Roteiro histórico de cervejas nas praças e ruas de Blumenau (SC) Rota das cervejarias: Wunder Bier, Bierland, Eisenbahn na Oktoberfest.

Depois de Munique, na Alemanha, a maior festa alemã do planeta acontece em Blumenau.

A Oktoberfest da cidade catarinense é uma das festas mais aguardadas do calendário de eventos no Brasil. Turistas de todos os cantos do País voam para curtir a Oktoberfest em Blumenau.

Comidinhas típicas, muitas pessoas bonitas animadas pra valer, bandas alemãs e uma grande variedade de cervejas artesanais e chopes para deixar até o turista mais tímido tão eufórico que acredite que esteja mesmo falando alemão!

Outubro é um mês em que não apenas Blumenau, mas muitas cidades brasileiras comemorem a Oktoberfest e outros eventos que resgatam a cultura dos descendentes de imigrantes europeus, no melhor estilo brasileiro.

Blumenau, Brusque, Rio do Sul, Jaraguá do Sul, Rio Negrinho e Treze Tílias entram no clima de Oktoberfest e proporcionam para os mais animados um “Roteiro Oktoberfestas”:

Oktoberfestas no sul do Brasil

Oktoberfest em Blumenau

A Oktoberfest de Blumenau é a segunda maior festa da cerveja do mundo. Só perde para Munique, na Alemanha, na qual foi inspirada.

A festa nacional dura mais de duas semanas em mais de 450 horas de música e atrai milhares de pessoas. Para quem é de lá, representa a cultura e os valores preservados desde 1850, quando chegaram os primeiros colonizadores alemães no Vale do Itajaí.

Quando? Em Outubro de 2021. | Programação em www.facebook.com/oktoberfestblumenau

Oktoberfest em Brusque

A cidade de Brusque entrou no “Roteiro Oktoberfestas” em 1986 com a Fenarreco que tem como atrativo um prato muito apreciado entre os descendentes de alemães do Vale do Itajaí: o “Ente mit Rotkohl“, ou seja, marreco recheado com repolho roxo.

O prato acompanha ainda purê de batatas, chucrute, molhos fortes e, claro, cerveja artesanal premium gelada!

Quando? a confirmar, em Outubro de 2021. | Programação no site oficial da cidade.

Oktoberfest Kegelfest em Rio do Sul

O evento é uma atração turística. Trata-se de uma típica competição esportiva, comemorada no estilo que os descendentes dos imigrantes europeus mais gostam, ou seja, com muita festa, comida e bebida.

Para incentivar a participação, foi criado o concurso de tomadores de chope no pino e a Copa Kegelfest de Bolão, envolvendo balonistas de todo o Sul do País.

Quando? a confirmar, em Outubro de 2021. | Programação no site oficial da cidade.

Oktoberfest Schützenfest em Jaraguá do Sul

A festa dos Atiradores é o principal instrumento de resgate das tradições germânicas de Jaraguá do Sul e Vale do Itapocu.

Durante dez dias são realizados campeonatos de tiro ao alvo entre clubes aficionados de todo o País. Mas o visitante também poderá treinar a pontaria, e com um pouco de sorte, ser coroado “rei” ou “rainha” do dia.

Quando? em Novembro. | Programação na página do Facebook do festival.

Oktoberfest Oktoberlandfest em Rio Negrinho

Tendo como lema “A cultura de um povo é o resultado de sua tradição”, o grupo folclórico germânico Oberland, criou a festa tipicamente alemã com o objetivo de manter as tradições dos colonizadores de Rio Negrinho, cidade localizada no Planalto Norte de Santa Catarina.

O evento acontece no Pavilhão dos Imigrantes e envolve toda a comunidade que se diverte à noite nos animados bailes a muito chope e cerveja artesanal.

Quando? a confirmar

Oktoberfest Tirolerfest em Treze Tílias

Homens e mulheres de estatura alta, crianças loiras de olhos azuis, sotaque carregado, trajes típicos com cores vibrantes e bordados primorosos. Assim são os habitantes de Treze Tílias, no meio-oeste catarinense, que promovem todos os anos a Tirolerfest, a mais bela festa do gênero, fora do Tirol.

Quando? em Outubro de 2021. | Programação no site oficial do evento.

Oktoberfest Festa do Imigrante em Timbó

A Festa do Imigrante de Timbó já vem sendo realizada a 22 anos.

Criada para resgatar e preservar as tradições germânicas dos habitantes da cidade oferece durante quatro dias, a oportunidade de contato com as mais autênticas expressões da herança dos imigrantes, como a música, a dança, o folclore, a gastronomia e o chope.

Quando? em Outubro de 2021. | Programação no site oficial da festa.

A Oktoberfest e outros eventos nas cidades de SC celebram e resgatam a cultura e as tradições herdadas dos imigrantes alemães, mas também dos italianos, portugueses, açorianos, austríacos, entre outras etnias, que formam a base do povo catarinense.

Foto: Vitor Pamplona

Post atualizado em 9 de setembro de 2021.

Sobre Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Um comentário

  1. Favor enviar mais informaçoes da Oktoberfest. Obrigado

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.