Início / Destinos / Buenos Aires, Argentina / Dicas básicas antes de viajar para a Argentina
metro Plaza de Mayo

Dicas básicas antes de viajar para a Argentina

Quando fazemos uma viagem, especialmente uma viagem internacional, é preciso tomar alguns cuidados antes e durante a viagem para evitar gastos excessivos, transtornos desnecessários e economias safas para a sua viagem ficar ainda mais legal e barata!

Quem viaja para Buenos Aires precisa atentar-se primeiro para a questão dos voos e aeroportos.A cidade de Buenos Aires é servida por dois aeroportos – Aeroparque Jorge Newbery e Aeroporto Ministro Pistarini,Ezeiza.

O Aeroparque fica localizado a 8km do hostel em que ficamos hospedados, na Avenida de Mayo, uma das principais avenidos do centro da cidade. Já o Aeroporto de Ezeiza fica a 30km de distância do mesmo hostel.

Melhores dicas de Buenos Aires

Encontre os melhores hotéis, pousadas e hostels em Buenos Aires

Passagens aéreas para Buenos Aires

Na hora de comprar a passagem de avião para Buenos Aires, saiba que os voos que chegam ao aeroporto de Ezeiza são, em geral, mais baratos do que os bilhetes com destino ao Aeroparque.

Conheça as linhas aéreas que realizam voos para Buenos Aires.

Ambos aeroportos possuem serviço de transporte do Tienda León, que realiza o transfer até alguns pontos da cidade e para os principais hotéis. Os dois aeroportos  de Buenos Aires e o Terminal em Porto Madero tem pontos de embarque da Tienda León. Pagamos há alguns anos atrás 90 pesos pelo transfer Ezeiza até a porta do Hostel 1385, na Av. de Mayo.

Fique esperto com os táxis

Cuidado com notas grandes e conheça o caminho antes de usar o táxi

Cuidado com notas grandes e conheça o caminho antes de usar o táxi

Os táxis são um capítulo à parte na cidade. Apesar de o preço ser baixo, são notórias e constantes as histórias de golpes feitos pelos taxistas.

Quando estivemos por lá, na maioria das vezes o taxista andou mais do que precisava para chegar em um lugar. A ponto de ter bate-boca uns três tons acima do aceitável em plena 9 de Julio. Aprendemos alguns palavrões argentinos, ao menos.

Por isso, só use veículos autorizados e tenha noção do caminho a ser feito. Vale a pena perguntar no hotel mais ou menos o preço da viagem até o destino escolhido. E tenha sempre dinheiro trocado: dizem que muito dinheiro falso (um verdadeiro fantasma que apavora a cidade) circula nos táxis de Buenos Aires.

– Melhores hoteis de Buenos Aires por bairro

Táxi em Buenos Aires

Alguns lugares é difícil chamar o Uber, como na volta do EL Caminito | Diego Torres Silvestre

Sempre que pegar um táxi em Buenos Aires saiba mais ou menos qual será a distância percorrida para ter uma ideia de quando irá pagar. Gastamos entre 40 e 60 pesos em corridas de cerca de 10km. Ou seja, cerca de 4 a 6 pesos por km. Já o trajeto de Ezeiza até a Av. de Mayo pode custar até 250 pesos.

Entre no táxi sempre com notas de 10 e 20 pesos para trajetos curtos. Outra dica antes de pagar o táxi é contar o dinheiro alto e mostrar bem as notas antes de dar ao motorista. Confira o troco e cuidado com as notas falsas!

Notas falsas

Infelizmente quem está viajando para Buenos Aires deve ter cuidado ao lidar com o dinheiro porteño. A moeda oficial é o peso argentino e há muitas notas falsas em circulação. Seja nos aeroportos, lojas, com taxistas e em restaurantes é possível ser vítima deste crime. Evite receber de troco notas altas e, principalmente jamais troque seu dinheiro no rua com cambistas. Na Calle Florida, gritou câmbio, fuja! Há muitos assaltos com quem troca câmbio paralelo.

Para saber mais sobre as notas de pesos em vigência, acesse o site do Banco Central da Argentina > Billetes y Monedas > Emisiones Vigentes > Billetes.

Câmbio em Buenos Aires

A capital argentina vive sob a sombra de quatro tipos de dinheiro: o peso, o dólar, o real e as notas falsas.

A maioria dos lugares aceita o real e o dólar com um câmbio mais vantajoso do que o oficial. Quando estivemos lá, encontramos mais de um restaurante que trocava um dólar por nove pesos, enquanto o câmbio oficial era de 5,5 pesos.

Com os reais, era a mesma coisa: enquanto o câmbio oficial era de 1 real para 2,5 pesos, a maioria dos lugares pagava 3 pesos por real.

Ou seja: apesar de ser necessário ter pesos na carteira, a viagem fica mais barata pagando com real ou dólar sem fazer o câmbio em uma casa oficial.

Mesmo que o lugar que você vá não tenha plaquinha na porta dizendo “Aceitamos real”, vale a pena perguntar. Sempre questione quanto está o câmbio e avise caso for usar uma nota muito grande para pagar. O troco é normalmente em pesos. Dê preferência a lugares com conhecidos e com credibilidade.

Caso for trocar em casas de câmbio oficial, a Calle Florida tem várias opções.

– San Telmo, o melhor bairro de Buenos Aires

Resista à tentação de trocar com as pessoas na rua (dezenas de homens ficam oferecendo câmbio ao longo da Florida). Você corre vários riscos, de pegar uma nota falsa a ser roubado depois da troca.

Notas falsas são realmente um problema para os turistas em Buenos Aires.

Há relatos de pessoas que chegam ao cúmulo de trocar a nota que você deu por uma falsa e exigir que o pagamento seja feito de novo. Muita gente sugere que você grave os últimos números de identificação do dinheiro para poder argumentar com convicção. Por toda Buenos Aires, folhetos explicam como não ser trapaceado.

Câmbio – onde trocar dinheiro?

O câmbio na Argentina é um lance desafiador e há vários macetes para economizar e fazer uma viagem barata utilizando real, dólar e peso.

A dica é ir com real, levar alguns dólares caso tenha de uma viagem anterior e ir trocando os pesos aos poucos, conforme necessidade da viagem e dos programas. O real é bem visto nos restaurantes e lojas de souvenirs. O peso trocado evita golpes em taxis, etc.

Nas casas de câmbio é fácil trocar todas as moedas e a cotação do real é boa, mas muitas vezes vale a pena fazer o câmbio pegando o troco em um restaurante, por exemplo.

As principais ruas e avenidas com casas de câmbio são Corrientes, San Martin, Florida, Sarmiento e Calle Florida, entre outras.  As quatro abaixo são uma opção.

  • Unicam Cambio (Avenida Corrientes, 571)
  • Transcambio (San Martin, 140, piso 17)
  • Pasamar (San Martin, 580/4)
  • Montevideo Cambio (Calle Florida, 580)

Andando em Buenos Aires

Pode parecer uma dica tola dizendo que andando a pé você irá economizar, mas, especialmente para quem gosta de conhecer cada cantinho, ruas em bairros e pontos menos explorados da cidade, andar a pé em Buenos Aires é  fácil pela organização das ruas e avenidas. A cidade é plana e as ruas metricamente numeradas e bem planejadas.

Utilize o metrô para percorrer distâncias entre bairros. Por exemplo, se for do centro até Palermo, conhecer La Boca ou ir da Recoleta até  Palermo. Ou quiser conhecer no mesmo dia o bairro Recoleta, Retiro e Puerto Madero, a linha verde e linha azul do metro pode ajudar no roteiro.

Aluguel de bicicleta é outra opção para quem quer andar ao ar livre.

Mapa de Buenos Aires

Mapa do metrô de Buenos Aires

Subte Buenos Aires - Metro - Subway

http://www.subte.com.ar/

Como andar por Buenos Aires

Como dissemos, Buenos Aires é um paraíso para quem gosta de andar a pé. A cidade é plana e com quadras simétricas, como um tabuleiro de xadrez. Ou seja, até uma pessoa perdida consegue se encontrar nas ruas com um mapa.

É tão fácil andar pela cidade que ao pedir informação na rua as respostas normalmente são bastante precisas: ande cinco quadras em frente, vire a direita e ande mais três quadras.

A cidade de Buenos Aires conta com metrô desde o começo do século 20. As estações e os trens não são novos como as de São Paulo, mas o metrô (ou subte, como chamam na cidade) é ótimo para percorrer longas distâncias. Em junho, custava apenas 2,5 pesos. Fique atento ao lado que você entra do metrô: só dá para trocar de sentido em algumas estações.

Os ônibus também são uma boa opção, mas fique atento ao preço: se você não tem o cartão de transporte público, tem que colocar o dinheiro trocado, com moedas, na máquina-caixa. Não existem cobradores.

Se a ideia é andar por muitos pontos turísticos sem perder muito tempo e gastar muito dinheiro com táxi, vale a pena pensar em comprar o bilhete do ônibus de turismo da cidade.

O ônibus percorre as principais atrações turísticas de Buenos Aires, com 20 paradas no total. Com o cartão, você pode descer e subir em outro ônibus. Os carros passam de 20 em 20 minutos, do começo da manhã ao começo da noite e têm fones de ouvido para ouvir a história dos lugares, inclusive com narração em português. É possível comprar pela internet o bilhete de 24 horas ou de 48 horas. Para quem vai ficar apenas um fim de semana em Buenos Aires, é uma boa opção para conhecer muita coisa.

– Roteiro por La Boca e El Caminito

Buenos Aires, a capital argentina, é uma das cidades mais encantadoras e dinâmicas da América do Sul.

De prédios históricos com influências arquitetônicas espanhola, britânica e francesa a casas de tango que reúnem jovens; das famosas bibliotecas e teatros às baladas, são muitas as opções de diversão e passeio em Buenos Aires.

– Onde ficar em Buenos Aires? Encontre os melhores hotéis e pousadas baratas na capital argentina

A capital argentina ainda é famosa pelas lojas de roupas, bons vinhos e doces, entre outras delícias, além de bons restaurantes de carne e peixe por preços relativamente baixos.

Já os cafés são uma verdadeira instituição argentina. Aproveite a hora do almoço para ver o interminável fluxo de pessoas nessas simpáticas atrações de Buenos Aires.

O tradicional Café Tortoni, na Avenida de Mayo (foto abaixo), é um desses estabelecimentos que fazem a fama da cidade.

O charmoso Gran Café Tortoni é um dos lugares mais tradicionais de Buenos Aires

O charmoso café é um dos lugares mais tradicionais de Buenos Aires

Um dos destinos mais buscados por brasileiros no exterior, a capital Argentina fica a menos de três horas de avião de São Paulo.

A facilidade e baixo custo para os padrões brasileiros atraem muitos turistas do país e não são poucas as pessoas que fazem viagens de um fim de semana para Buenos Aires.

Um programa diferente e barato em Buenos Aires é um passeio na gigantesca livraria El Ateneo, uma das maiores do mundo, em um prédio que já foi um teatro (o charmoso café da livraria é no palco).

Também vale a pena conhecer o Cemitério de La Recoleta, um dos mais famosos do mundo. De terça a domingo, tem até guia para os turistas percorrerem as ruazinhas do lugar. E em frente, fica a Plaza Francia, que no fim de semana recebe uma feirinha de artesanatos de artistas locais.

E outra feirinha imperdível em Buenos Aires é a de San Telmo, no bairro de mesmo nome, nos domingos pela manhã. Na feira de San Telmo, a especialidade são as antiguidades, de talheres a lustres (o bairro tem muitos antiquários). Dá para comer e beber por lá.

Buenos Aires – hospedagem

A região central da cidade é uma ótima escolha para quem quer ficar perto das atrações turísticas de Buenos Aires e ter acesso fácil a diversos bairros que valem a pena conhecer, como Puerto Madero e San Telmo.

Quem está no centro de Buenos Aires tem chance de caminhar a pé pelas largas avenidas da cidade e pelas calçadas arborizadas para passar por lugares como a Casa Rosada, sede do governo da Argentina, e a Plaza de Mayo.

Também vale a pena passear pela Calle Florida, a mais extensa rua exclusiva para pedestres da cidade. A Calle Florida é uma importante via de comércio popular com artigos por preços baixos.

 Onde ficar em Buenos Aires?

Calle Defensa, no bairro de San Telmo, uma das ruas mais charmosas de Buenos Aires

Calle Defensa, no bairro de San Telmo, uma das ruas mais charmosas de Buenos Aires

Voos para Buenos Aires

Buenos Aires, a capital argentina, é um dos principais destinos turísticos da América do Sul. 

A cidade é famosa pelos bons restaurantes, pela arquitetura, pela noite agitada, pelos shows de tango, pelo futebol, pelo charme de seus cafés. São muitos os motivos que fazem com que a cidade receba milhões de turistas todos os anos.

E além de tudo o que a cidade oferece, Buenos Aires é considerado um destino barato para brasileiros, já que o câmbio entre o real e o peso, a moeda argentina, faz nosso dinheiro valer bastante por lá. E o voo é bastante rápido: do Aeroporto de Guarulhos em SP ao Aeroporto de Ezeiza, são apenas 2h40min no avião.

A região central de Buenos Aires tem muitos hotéis baratos, hostels e hotéis mais sofisticados. Na Avenida de Mayo e nas ruazinhas que cruzam, dá para encontrar estadias por bons preços (quando estivemos lá em junho, achamos hotéis baratos por 190 pesos por dia).

A cidade é plana e com quadras simétricas de 100 metros por 100 metros. Da região central dá para andar tranquilamente para bairros como San Telmo e Puerto Madero ou ir rapidamente de transporte público ou táxi para Recoleta ou Palermo.

Se você procura um lugar mais sofisticado e menos agitado que o centro, vale a pena procurar hospedagem em San Telmo. O bairro tem uma famosa feirinha de artesanato aos domingos, muitas lojinhas de roupas de marcas argentinas, antiquários e restaurantes charmosos. San Telmo é o bairro ideal para quem está em uma viagem de casal ou quer curtir a cidade com mais tranquilidade.

Quatro capitais brasileiras tem voos diretos para a capital argentina: São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis e Porto Alegre. De Porto Alegre a Buenos Aires, a viagem dura apenas 1 hora e 40 minutos.

Ir de ônibus é uma opção não muito boa: de São Paulo, a viagem de busão dura 36 horas com diversas paradas em cidades pelo caminho. E, o pior: muitas vezes, a passagem rodoviária para Buenos Aires fica mais cara do que a passagem de avião.

Quem está pensando em viajar para a Argentina, com voos saindo do Brasil, encontra diversas opções de linhas aéreas nacionais e internacionais que realizam voos baratos para Buenos Aires – LATAM, GOL, Qatar, Copa, Aerolineas Argentinas e Turkish.

Como a concorrência de voos é alta, não é raro encontrar ótimas promoções com passagens aéreas baratas para Buenos Aires, com destaque para os voos diretos, sem escala.

Ou seja, as passagens aéreas para Buenos Aires costumam ser mais baratas quando o voo é direto, saindo de São Paulo (via aeroporto internacional de Guarulhos), sem escalas.

Em condições normais, os voos da Aerolineas Argentinas costumam ser mais baratos do que as demais linhas aéreas. As passagens aéreas da Gol Linhas Aéreas também costumam estar sempre baratas. Os melhores preços das viagens do Brasil são dos voos saindo de Porto Alegre para a capital Argentina.

Como são muitas as ofertas de viagens de avião para Buenos Aires, sempre acontece promoção de passagens relâmpago e descontos especiais.

Buenos Aires foi, por exemplo, uma das cidades contempladas na promoção Cidades em Festa da Gol. A LATAM costuma oferecer passagens aéreas promocionais na Mega Promo LATAM. A Aerolineas Argentinas às vezes tem ofertas que permitem conhecer mais de uma cidade argentina por bons preços.

Sobre Danilo Hadek

Antes de começar o Muita Viagem, fui Relações Públicas e Comissário de Voo. Vivi no Canadá, fiz longas viagens nos Estados Unidos e alguns roteiros na Europa. Já estive em todas as capitais do Brasil, e em mais de 20 países pelo mundo. Quero conhecer o Oriente Médio, África e Ásia.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*