Início / Destinos / O que fazer em Córdoba, a 700 km de Buenos Aires
Catedral de Córdoba, Argentina

O que fazer em Córdoba, a 700 km de Buenos Aires

Roteiro de um dia em Córdoba

Córdoba é a segunda maior cidade da Argentina.

Uma das dicas de cidades para conhecer em viagem pela Argentina, além de destinos mais famosos, como Buenos Aires (BsAs) e Bariloche, é a cidade de Córdoba.

Como chegar em Córdoba?

Localizada entre Rosário e Mendoza, a segunda maior cidade argentina, fica a uma distância de 700 km da capital Buenos Aires. Do Brasil há voos da GOL, Latam, Turkish, Copa e Aerolineas Argentina entre o Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU) e o Aeroporto Internacional de Córdoba (COR).

Como é comum nas cidades argentinas, Córdoba é um destino tranquilo, com boas opções de restaurantes e roteiros a pé. Tanto Córdoba, no interior da Argentina, como a Villa General Belgrano (90 km de distância) – agitada em outubro quando acontece a melhor Oktoberfest da Argentina, e a bucólica e romântica La Cumbrecita (120 km) – ideal para uma viagem de lua de mel barata.

Quando ir?

É possível fazer uma viagem à Córdoba, na Argentina, e aproveitar as atrações turísticas durante o ano todo. O verão é agradável, com dias quentes de novembro a janeiro com temperaturas que chegam a 30 °C. Já o o inverno tem dias frios e ar seco, com mínima de 5 °C, dificilmente você verá neve em Córdoba.

Conforme elencamos acima, uma dica é viajar em outubro para aproveitar o clima de quase verão e as festas nas cidades próximas.

>>Cidades para viagens na Argentina

O que fazer em Córdoba

Roteiro no centro de Córdoba – Argentina

Fizemos viagem rápida para Córdoba, na Argentina, e conhecemos o centro da cidade com caminhada de poucos mais de 2 horas, descobrindo pontos turísticos, monumentos, parques, ruas, museus e igrejas que oferecem ao viajante experiências históricas e arquitetônicas de uma cidade tranquila e organizada.

Mapa de Córdoba

Confira mapa com roteiro:

Uma referência para o deslocamento a pé no centro é o Rio Suquia que divide a cidade. A sugestão é começar o roteiro se deslocando até Mercado Norte, na esquina entre as calles Rivadavia e Oncativo.

Mercado Norte, El Mercado de La Ciudad

Como eu estava hospedado no Hotel NH Córdoba, segui na calle Belgrano na mesma direção dos carros até ela se transformar em calle Tucumán.

Logo ali, na esquina da Av. Sarmiento, virei à esquerda para em seguida entrar à direita na Rivadavia, onde está localizado o mercado.

Lá no mercadão de Córdoba, também conhecido como Mercado de la Ciudad é possível tomar um café no El Bar De La Ciudad, almoçar em alguns dos restaurantes – Bar Hermanos, La Cocina de Fazzio (restaurante bacana com som), El Rei Del Cabrito “La Parrilada Estación (restaurante mais formal, frequentado por executivos), restaurante Duran (comida árabe), ou ainda, simplesmente fazer a visita, apreciar as lojinhas e comprar vinhos na vinoteca.

Plaza San Martín

plaza-san-martin-cordoba

Monumento no Plaza San Martín.

Após a visita ao Mercado Norte siga pela Av. San Martín até a área central da cidade para conhecer a Plaza San Martín e a Catedral de Córdoba, no entorno da praça, que possui o monumento a José de San Martín (foto).

Há sempre artistas de rua no entorno da praça e algumas exposições.

No dia que fui havia uma Feira de Livros na calçada entre a praça e o edifício El Cabido, importante museu da cidade, colado à Catedral. Leia opiniões sobre o local no TripAdvisor.

Córdoba recebe bem menos turistas do que Buenos Aires, tornando-se um ótimo destino para compras na Argentina. Há várias opções de lojas, em especial no quarteirão entre o número zero até o 300 da Av. San Martín.

Portanto, se a ideia for comprar calçados e roupas baratas (moda feminina, masculina e infantil), vale a pena caminhar nas ruas do entorno da Plaza San Martín.

Cripta Jesuítica

cripta-jesuitica

A Cripta Jesuítica foi um dos legados arquitetônicos dos Jesuítas na Argentina. Foto: Dia-a-dia

Para quem gosta de história e arquitetura, o local é um dos segredos da viagem cultural que Córdoba reserva ao turista. Além de obras modernas, a cidade abriga importantes obras coloniais, um legado considerado Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco.

Quando os primeiros jesuítas chegaram em Córdoba, ainda no século XVI, passaram a construir inúmeras construções, entre elas a Manzana Jesuítica e a Cripta Jesuítica.

Esta última permaneceu oculta por décadas devido a construção de uma casa em cima da obra. Porém, foi redescoberta durante obras na cidade e hoje é local turístico e centro cultural. Leia mais dicas sobre Córdoba no Lonely Planet.

Catedral de Córdoba

A Catedral de Córdoba demorou quase 200 anos para ser construída, quando foi finalizada em 1784. Hoje é um dos símbolos em destaque da incrível arquitetura colonial argentina.

A igreja fica localizada na Plaza San Martín, entre as ruas Independencia e 27 de Abril, bem no coração do centro histórico de Córdoba. Vale muito a pena entrar para admirar as pinturas da cúpula, as esculturas de santos do catolicismo, além de obras de arte da catedral.

Manzana Jesuítica

manzana-jesuitica-cordoba-argentina

A Manzana Jesuítica é um dos principais pontos turísticos em Córdoba. Foto: R. Sheppard

A construção histórica fica localizada entre as ruas Obispo Trejo, Duarte Quirós, Caseros e a avenida Velez Sarsfield, bem no centro de Córdoba. É o coração do centro histórico da cidade.

A Manzana Jesuítica nos convida a uma viagem pela expressão artística e arquitetônica da época da chegada dos primeiros jesuítas na América do Sul. Além de tirar fotos, aproveite para refletir sobre religião, história e arte.

Palácio da Justiça – Praça 6 de Julho

palacio-justica-6-julho-cordoba

Córdoba, na Argentina, é assim… simplesmente calma e linda!

O Palácio da Justiça tem arquitetura imponente. Fica localizado entre as ruas Duartes Quirós, Arturo M. Bas, Bolívar e Caseros, logo em frente à Praça 6 de Julio. É um lugar gostoso para fazer uma pausa no roteiro e admirar a arquitetura de Córdoba.

Logo ali na frente, na rua Arturo M. Bas, 126, tem um Resto Bar bacana para comer ou beber algo. O restaurante e bar El Amparo fica aberto 24 horas com shows de stand up comedy à noite.

Paseo El Buen Pastor

paseo-buen-pastor-cordoba

Lugar romântico em Córdoba para curtir o fim de tarde…

O Paseo El Buen Pastor é um centro cultural que abriga uma galeria de arte, um resto bar e uma capela e há sempre muitas atividades artístico-culturais.

É, sem dúvida, um dos must see em Córdoba. Vale a pena chegar por volta das 17:00 quando começa o show das águas dançantes no chafariz da praça em frente ao prédio. Exibição que ocorre de segunda a domingo de hora em hora a partir das 17:00 até às 22:00.

Museu Evita de Bellas Artes – Palácio Ferreyra

museu-evita-cordoba

Para inspirar a tarde, vale a pena visitar o Museu Evita de Belas Artes

A cena cultural em Córdoba é muito rica e uma das dicas de viagem na segunda maior cidade da Argentina é o Museu de Bellas Artes, mesmo local onde está localizado o Palácio Ferreyra.

Boa parte das obras do museu são de artistas argentinos. É uma boa forma de se aprofundar melhor na expressão artística do país, admirando a arte argentina de décadas passadas.

As visitas guiadas acontecem de terça-feira à sexta-feira, às 13:00 ou às 17:00; e aos finais de semana às 11:00, 15:00 ou às 17:00. O ingresso para visitar o museu custa 15 pesos.

Uma dica é comprar o ingresso duplo que dá acesso também ao Museu Carrafa, ao lado. Desse modo, por 20 pesos você visita os dois a hora que quiser (vale por mais de um dia de visita).

Paseo del Bicentenario

bicentenario-cordoba

Palmeira e alguns dos 201 arcos do Paseo del Bicentenario

Inaugurado em 2010, é um amplo espaço verde localizado entre a Praça de Espanha e o monumento ao General Juan Bautista Bustos, no Parque Sarmiento. No local estão fincados 201 anéis (como aqueles arcos olímpicos), que representam marcos da história da Argentina.

Parque Sarmiento

parque-sarmiento-cordoba

Além de um lugar romântico em Córdoba, o parque é perfeito para longas caminhadas

O Parque Sarmiento, em Córdoba, é um dos lugares ideais para passar a tarde na cidade. Caminhar, fazer atividades esportivas ou simplesmente sentar na sombra para um piquenique no local parece ser algo que os cordobenses gostam.

O parque possui quadras de tênis, pista para corrida, zoológico, lagos e museus, como o espaço anexo Ciudad de las Artes, além de alguns lugares para comer. Passei pelo restaurante e pizzaria Zeta. O local tem wi-fi e você pode degustar uma Quilmes. Parece perfeito para um happy hour após o extenso roteiro de um dia em Córdoba, Argentina.

Vale a pena, mas não fui…

grumen-passeo-artes-cordoba

Passeo de las Artes, uma feirinha de antiguidades em Córdoba. Foto: Edu Weyenbergh

O Passeo de las Artes abriga uma feirinha de artesanatos no bairro Güemes. Quando? Todos os Domingos à tarde. Semelhante à feira de San Telmo, em Buenos Aires, dizem que lá encontra-se de tudo.

Onde comer em Córdoba

Uma das vantagens para os brasileiros que viajam à Argentina é que o câmbio favorável torna a viagem bem barata. Já estive algumas vezes em Buenos Aires e o que é legal é que a grande maioria dos restaurantes aceitam pagamento em reais (R$) com câmbio ainda mais vantajoso.

Adoro comer em restaurantes argentinos. A carne é muito macia e você pode sempre pedir um vinho para acompanhar que o jantar não ficará muito mais caro por isso. Os vinhos argentinos são ótimos e baratos, inclusive na carta de vinhos dos restaurantes.

Alcorta Carnes y Vinos

Realizei a viagem em agosto, conforme relatei acima no meu roteiro de um dia na cidade. Durante a viagem tive a chance de experimentar um dos melhores restaurantes de lá – Alcorta Carnes y Vinos. Gastei cerca de R$ 100,00 em um prato delicioso com direito a uma garrafa de vinho. Recomendo!

O melhor ainda é que o restaurante Alcorta Carnes y Vinos fica bem perto do hotel onde fiquei hospedadoHotel NH Córdoba, não sendo necessário, portanto, gastar com táxi para ir até lá!

Restaurantes na calle Figueroa Alcorta

Ali, na mesma rua do restaurante Alcorta, há pelo menos outras duas opções de lugares para comer bem e barato em Córdoba, na Argentina – Patio de La Canada, Las Chilcas Grill & Wines e La Mamma, além do Alcorta Carnes y Vinos.

Alcorta Carnes y Vinos

alcorta-carnes-vinos-cordoba

Como já disse, fiz uma refeição neste restaurante e recomendo. Pedi um cordeiro patagônico com legumes + um vinho Fond de Cave Malbec. Saí de lá satisfeito e contente. É um ótimo custo benefício!

Certamente eu gastaria pelo menos o dobro para comer o mesmo prato em restaurante similar em São Paulo, Rio de Janeiro ou Porto Alegre. Para o viajante independente pode até não ser uma refeição econômica, mas há opções de pratos mais baratos no restaurante. Se você quiser comer bem e gastar pouco pode pedir uma massa com valores mais acessíveis.

Há ainda opções de carnes mais baratas como um frango desossado + acompanhamento ou ainda um prato vegetariano. São opções mais baratas.

onde-comer-cordoba

O prato que pedi no restaurante Alcorta Carnes y Vinos.

Las Chilcas Grill & Wines

Localizado nesta mesma rua, o Las Chilcas Grill & Wines tem os preços parecidos com o Alcorta. O interior do restaurante é bem romântico, e tem uma área externa bacana para comer na hora do almoço ou mesmo em dias mais quentes do verão.

Alguns amigos almoçaram no restaurante e gostaram, apesar de um deles terem tido problemas com o pedido. Ela pediu um prato e serviram outro. Problemas com o “portunhol” talvez… O blog Destinos Desconhecidos dá boas dicas de restaurantes em Córdoba.

La Mamma

Acredito que pode ser uma opção para quem gosta de comida italiana. Vi o cardápio e achei o preço dos pratos um pouco caro, com exceção da promoção na hora do almoço com uma opção de entrada + prato + sobremesa por 75 pesos.

A lasagna vegetariana sai por 130 pesos; uma lasagna de salmão por 160 pesos. Outras massas, como gnocchi ou spaghetti são pratos mais econômicos e saem por cerca de 115 pesos.

Não comi e não posso falar, mas se quiser economizar acho que outros restaurantes na rua também oferecem opções de massas com preços mais baratos. Leia avaliações do restaurante no TripAdvisor.

Patio de La Cañada

restaurante-canada-cordoba

Uma outra opção de restaurante na calle Figueroa Alcorta. Acabei não tendo a oportunidade de conhecer melhor o restaurante, mas parece ter um ambiente aconchegante ao estilo do Alcorta Carnes y Vinos. Leia avaliações do restaurante no TripAdvisor.

Caso fique mais de um dia em Córdoba, na Argentina, acredito que valha a pena experimentar mais de um dos restaurantes acima, mesmo que tenha gostado de um deles.

Agora, se tiver só um dia e quiser seguir nossas dicas, vá ao Chilcas Grill & Wine na hora do almoço e no Alcorta Carnes y Vinos no jantar, você certamente não irá se arrepender!

Onde comer no Mercado de la Ciudad, em Córdoba?

Para quem estiver caminhando pela cidade e passar pelo mercadão de Córdoba na hora do almoço, vale a pena experimentar também uma das várias opções de restaurantes do local.

Você pode simplesmente tomar um café no El Bar De La Ciudad ou fazer uma refeição boa e barata em um ambiente bastante descontraído em algum dos restaurantes localizados no mercado, como o “bacaninha” e animado La Cocina de Fazzio; o mais formal El Rei Del Cabrito; ou uma comidinha árabe no Duran.

Sobre Danilo Hadek

Antes de começar o Muita Viagem, fui Relações Públicas e Comissário de Voo. Vivi no Canadá, fiz longas viagens nos Estados Unidos e alguns roteiros na Europa. Já estive em todas as capitais do Brasil, e em mais de 20 países pelo mundo. Quero conhecer o Oriente Médio, África e Ásia.

24 comentários

  1. Alguém me indica uma agência de viagens que faça translado (aeroporto -hotel, hotel-aeoporto?)
    whatsapp omitido

  2. Vanilda Costa

    Eu passei por isso em Mendoza, quase perdi meu voo. Atendentes super mal educados.

  3. Muita Viagem

    Olá Adriana,

    Faz bastante frio em julho, mas não chega a nevar. Bariloche pode ser uma opção de cidade para ver neve na Argentina.

  4. Adriana Bittencourt

    Gostaria de saber se em meados de Julho consigo ver neve nesta cidade. Desejo da minha filha de 9 anos.

  5. Muita Viagem

    O Hotel NH Panorama, que indicamos, tem ótimo custo-benefício e fica na região central. Uma outra opção de hotel barato em Córdoba é o Caseros 248 ou o Amérian Cordoba Park Hotel.

  6. maria de lourdes bastos

    Tem hotéis baratos no centro? fiquei com vontade de conhecer! Qual o clima no mês de setembro? e qual o valor do peso?

  7. Gostei muito de todas as dicas. Mas tenho uma dúvida: tem vinícolas próximas a Cordoba, que não sejam tão longe quanto Mendoza?

  8. Ótima notícia, Carmen!

    Aproveite e já explore a Vila de General Belgrano, que fica no caminho, é lá que acontece a maior festa Oktoberfest da Argentina, e já me disseram que o clima é bem animado. Espero que goste!

  9. obrigada pela dica adorei! mas irei no fim de outubro. mesmo assim irei para esse destino que vc recomendou 😉

  10. Oi Carmen,

    Com certeza na rodoviária de Buenos Aires é possível embarcar para Cordova (ou Córdoba). Devem ser 12 horas de viagem. Já vi promoções de passagens aéreas para Córdoba na Gol e na Latam. O que recomendo mesmo é a vila de La Cumbrecita, nesta época então, fica ainda mais charmosa.
    Vale conferir as dicas no post: http://muitaviagem.com.br/la-cumbrecita-cordoba-dicas/

  11. Carmen Castillo

    Adorei! Vou para lá só por conta do post!
    Queria informações de quantos dias são ideais. E também como chegar por terra vindo de Buenos Aires, tem ônibus direto para lá ?
    Obrigada !

  12. Bom dia !
    Vou a cordoba dia 09/07 e gostaria de saber mais sobre a cidade.E.lugares bacanas para visitar
    desde já agradeço
    abraços

  13. Uvalde de Noronha Teixeira

    Muito boas informações agradeço a você. Saúde e Paz.
    Abraço

  14. Uvalde de Noronha Teixeira

    Muito boas informações agradeço a você. Saúde e Paz.

  15. Me decepcionei um pouco com Córdoba, até porque ela é uma cidade bem “hype”.

    Eu achei ela apenas mais uma cidade grande qualquer. Não quer dizer que não vale a pena visitar, pelo contrário.

    Mas não espere nada demais.

    Córdoba vale a pena visitar pelos arredores, e também pelo povo de lá. Enquanto em Buenos Aires e região a galera é um pouco mais fechada e prepotente, em Córdoba o pessoal é jovem e alegre, ou pelo menos tem uma energia assim.

    Vale a pena fazer um passeio grátis que tem na Plaza San Martin, chamado La Docta Free Tour. Vc conhece muita gente e a guia te fala as coisas em espanhol e inglês

    Subscrevendo com os melhores sentimentos,

    Simão Simões

  16. Fidelis A C Paula

    VALEU.

  17. Fidelis A C Paula

    ÓTIMO ROTEIRO

  18. Sim. Mas a dica de segurança com pertences, como celular, carteira e mochila ao andar pelas ruas e pontos turísticos, vale para todo destino.

  19. Fidelis A C Paula

    É seguro passear em córdoba??

  20. Olá Clayr,

    Acredito que a melhor localização em Córdoba são os hotéis à beira de “La Cañada”, a parte canalizada do rio que divide a cidade. Veja algumas opções pelo Booking neste link: http://goo.gl/U6lyGj

    Em relação aos outros destinos – Villa General Belgrano e La Cumbrecita, é possível fazer ambos num bate-volta, porém a viagem é cansativa e você vai acabar não tendo muito tempo em cada um deles.

    Se estiver só, recomendo um pernoite na primeira vila (mais animada). Caso esteja acompanhado, arrisque um chalé em La Cumbrecita.

    Boa Viagem!

  21. Clayr Silva

    Olá!
    Ótimo site, estou colhendo muitas informações, pois pretendo voltar a Argentina e conhecer Córdoba no carnaval.
    Me tire alguns dúvidas se possível:

    Qual o melhor bairro para se hospedar?
    Villa General Belgrano e La Cumbrecita é possível fazer um (bate e volta) ou é melhor se hospedar?

    Hospedagem ficam mais caras no período de carnaval?

  22. jorge k. c.

    Cordoba realmente é uma cidade encantadora. Calma, pessoal muito educado e com muita tranquilidade de transito, mas para quem for para a argentina e nao terem decepcaoes como tive, nao use a AEROLINEAS ARGENTINA, pois fui surpreendido com a reducao do peso de bagagem. De 23kg reduziram para 15kg e como no pacote de 2 dias em Buenos Aires, 2 em Cordoba e Mendonza, pagamos excesso de bagagem tornando inviavel qualquer compra programada. Medidas estas parecida com o que a infraero vai ou ja colocou em pratica no país. Coisa de visionario petralha.

  23. Nós que agradecemos a visita e os elogios, Alinne!

    E Rosário, você já conhece?

    http://bit.ly/1t2Yyjt

  24. Alinne Fernandes

    Excelentes dicas! Desde visitar o Mercado Norte, numa região menos privilegiada da cidade, à caminhada que revela uma Córdoba lindíssima e sofisticada até o Parque Sarmiento. Um verdadeiro passeio na história política e arquitetônica da cidade. Agradeço muitíssimo.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*