Início / Destinos / Denver e road trip no Colorado, EUA
cidade de Denver
A cidade de Denver, no Colorado, Estados Unidos

Denver e road trip no Colorado, EUA

Localizada a mais de 1,5 mil Km acima do nível do mar, Denver, a capital do Colorado, nos Estados Unidos (EUA) é uma cidade cultural, com museus, universidades, parques e áreas arborizadas, além de estar no entorno das belas formações rochosas – as Rocky Mountains.

Denver tem o clima seco, com 300 dias de sol por ano. Após um dia inteiro de caminhada, ao trocar de roupa, vi sair faísca (eletricidade estática) da minha camiseta, e tomei alguns choques na maçaneta do quarto e no carro.

Apesar de pequena, Denver é pólo da indústria de tecnologia e aeroespacial. O aeroporto de Denver é um dos maiores dos EUA, e bem distante do centro.

Para chegar ao hostel, em Downtown, foi preciso pagar US$9,00 pelo ônibus que leva cerca de 40 minutos. Tenha dinheiro trocado, a máquina não devolve troco. No trajeto é possível observar as indústrias e algumas nurseries (onde se vende maconha).

Estivemos 2 semanas no Colorado, EUA. Dez dias em Denver e uma pequena road trip seguindo para Oeste do estado até Grand Junction, parando em Frisco, Redstone, Glenwood Springs e Aspen.

O que fazer em Denver, Colorado?

Colorado State Capitol e o centro de Denver

O Colorado State Capitol é um dos pontos mais visitados de Denver

O Colorado State Capitol dá cara ao centro de Denver. É o ponto mais alto da cidade. Ao subir no 13.º degrau da escadaria, você estará a exatos 5.280 pés de altitude. De segunda a sexta é permitida a livre visitação no interior do complexo.

Caminhar até 16th Street Mall, Auraria e Union Station

ônibus em denver colorado

Ônibus grátis faz o transporte nas ruas do centro de Denver até a Union Station

Apesar da facilidade do Free Mall Ride, um ônibus híbrido gratuito que leva os pedestres por entre as principais ruas do centro da cidade até a estação rodoviária, caminhar do Colorado State Capitol até o 16th Street Mall é também uma caminhada interessante. Há cafés, lojinhas e cenas urbanas.

denver eua

Auraria é um bairro estudantil próximo ao centro com cafés e teatros

Com mais tempo na cidade é possível seguir um dia até Auraria, atravessar o rio pelo Riverfront Park até Highland, um bairro charmoso com lojinhas, bares com cervejas artesanais e restaurantes românticos.

Não deixe de caminhar pela rua Tennyson na primeira sexta-feira do mês, quando acontece feira de artes e antiguidades. Outro lugar bacana são as galerias de arte da rua Navajo, em Lower Highlands.

Parques, áreas verdes e museus em Denver

denver colorado parques

Denver possui o maior complexo de parques e áreas verdes dos EUA

Denver possui mais de 200 parques, até mesmo dentro de Downtown que é a maior área central dentre as cidades norte-americanas.

O City Park, ao lado do zoológico, é um dos um dos mais bonitos. Dentro do parque fica o museu de ciências, que conta com uma exposição permanente e interativa sobre dinossauros e o universo. É dica para levar as crianças. Aliás, Denver é um destino bom e barato nos EUA para viajar em família.

City Park, em Denver

Museu de Ciências Naturais, no City Park, em Denver

Denver está entre as 100 cidades mais verdes dos Estados Unidos (2015). É comum ver pessoas caminhando com seus cachorros nas ruas e nos parques, ciclistas e corredores. Fiquei bem seguro ao caminhar pelas ruas, nada de sujeira, ninguém te aborda pedindo trocado e pessoas bem simpáticas.

Para quem gosta de passeios culturais, algumas atrações recomendadas são visita ao Aquário, esportes no Ball Arena (ex Pepsi Center) , exposições no Museu de ArteBiblioteca Pública com Internet grátis e espetáculos no Complexo de Artes.

turismo denver colorado

O Centro Cívico e museus formam complexo cultural no centro de Denver

A noite de Denver podia ser mais animada. Procure o calendário de atrações no Ogden Theatre, Bluebird e Filmore, localizados ao longo da avenida Colfax. Em nossa viagem (2016) fomos ao show do St. Germain no Ogden e foi bem legal.

Mini cervejarias em Denver, Colorado

Fora de Denver, nas montanhas do Colorado, também há certa abundância de micro cervejarias. Além disso, ainda é possível fazer roteiros “beer trails”, criadas pelo órgão de turismo local, na qual destaca bares em Denver.

As rotas também apresentam novos bairros, o que torna a experiência ainda mais enriquecedora do ponto de vista turístico, já que contempla passagens históricas importantes para o desenvolvimento da cidade e o que há de melhor em termos de cervejas artesanais.

A Tivoli Brewing Company é a cervejaria mais antiga do estado do Colorado, EUA.

Tivoli Brewing Company, Denver – Colorado

Fundado em 1859, a cervejaria comercializava cervejas para os mineiros da região. Atualmente conta com cerca de 150 rótulos de cerveja.

Algumas receitas, como a lager Tivoli Helles, por exemplo, são mais antigas que o próprio estado do Colorado, que é de 1876. Se possível, inclua no roteiro a Blue Moon Brewing Company e a Denver Beer Co. Ambas são excelentes opções.

Agora as fábricas, pubs e micro cervejarias, surgem opções interessantes. Como o Westbound & Down Brewery, que oferece cervejas não filtradas e o Holidaily Brewing, que cria suas cervejas sem a adição de glúten. Ambos valem a visita.

Quem viajar para Denver nos meses de setembro e outubro pode curtir ainda o Great American Beer Festival, uma espécie de Oktoberfest para os americanos.

As nurseries no Colorado – onde comprar cannabis?

Que tal fazer compras em Denver – Colorado, nos EUA? =)

Desde 2014 é permitido o comércio de cannabis no Colorado. Seja para fins medicinais ou para o uso recreativo, é possível comprar maconha (weed) em lojas em Denver, Boulders e outras cidades do Colorado, nos EUA. Já compramos maconha legalmente na Califórnia (EUA), com a necessidade de passar por consulta médica; e em Amsterdam, que é totalmente diferente.

Na Holanda as pessoas compram e consomem nos coffee shops. Temos um post com dicas onde comprar maconha em Amsterdam.

Compras em Denver – Colorado

Dicas para fazer compras em Denver e o comércio de marijuana nos EUA: lojas para comprar maconha, melhores nurseries quem vendem weed, cannabis.

Como comprar maconha no Colorado, EUA?

Loja que vende maconha no Colorado.

Dispensary (loja que vende maconha) no Colorado.

É fácil comprar maconha em Denver. Há centenas de variedades sativas, indicas e hibridas da erva nas inúmeras nurseries espalhadas por todo o estado do Colorado. Para comprar, basta ter o passaporte e ser maior de 21 anos.

Para turistas a quantidade é limitada, mas é possível fazer diversas compras por dia. A dificuldade de quem visita a cidade com o intuito de fumar weed, é onde fazer o uso, pois não há áreas para estes fins nos hotéis e tampouco é permitido fumar em lugares públicos.

A lei funciona igual para bebidas alcoólicas – é necessário ser maior de 21 anos, não pode consumir na rua ou dirigir sob os seus efeitos, nem oferecer a menores. No caso da cannabis, também não é permitido sair do estado portando qualquer quantidade.

Maconha em Denver

Há inúmeras nurseries (lojas que vendem cannabis) espalhadas pela cidade, mas antes de entrar na primeira, fiz uma pesquisa e descobri que algumas lojas são acusadas de usar pesticidas e outras possuem melhores preços.

Melhor loja para comprar maconha em Denver.

A Good Chemestry é a melhor dispensarie em Denver. | Foto: Divulgação

Turistas podem comprar no máximo 7g por vez. A promoção na Good Chemestry era comprar 3g – 1g de 3 tipos diferentes por U$30. Em uma das compras ainda ganhei kit maconheiro de brinde. Já 1/8 de oz (cerca de 3,5g) de uma única variedade custa US$ 25. Só aceitam dinheiro.

Para saber mais sobre a lei, acesse o site oficial do Governo do Colorado.

Além de pesquisar no fórum Reddit dicas de promoções, melhores lojas e opiniões de outros usuários, para economizar é sempre bom ter algum conhecido que more na cidade, pois residentes têm descontos nas compras.

Há alguns aplicativos e sites que ajudam escolher a melhor loja e consultar as variedades de maconha. No site Wedmaps, por exemplo, você consegue ver inclusive o preço. Já o aplicativo Leafly é maneiro para procurar dispensaries e pesquisar sobre as espécies de cannabis.

Não chegamos a usar, mas o site CannaSaver promete cupons de desconto e códigos promocionais para comprar maconha mais barata.

Maconha Indica, com 17% de THC.

Cannabis Cashmere Indica, com 17% de THC.

A legalização em 2014 gerou uma alta dos preços, mas com o tempo se estabilizaram. Ainda é caro, mas hoje em dia a concorrência faz com que algumas empresas se destaquem pelo preço, pela qualidade ou bom atendimento.

O que fazer em Amsterdam? – dicas dos melhores coffee shops

Melhores nurseries em Denver

Confira abaixo, as 5 melhores lojas para comprar maconha em Denver:

  1. DANK Colorado – Endereço: 3835 Elm Street.
  2. Good Chemestry – Endereço: 330 East Colfax Ave.
  3. High Level Colorado – Endereços: 970 Lincoln Street ou 2028 East Colfax Ave.
  4. L’Eagle Denver – Endereço: 380 Quivas Street.
  5. LoDo Wellness Center – Endereço: esquina da 16th Street com a Wazee.

Onde fumar maconha em Denver?

Há um único smoke lounge onde é permitido fumar maconha em Denver. O nome do lugar é iBaked (fechou em 2020). Localizado no 6125 da Washington Street, seu uso, contudo, é exclusivo para membro associados.

Para quem fica em hotel, a dica é solicitar quarto para fumante, aguentar o cheiro forte de cigarro, porém fumar maconha sem ouvir reclamação.

Caso esteja pesquisando quartos pelo AirbnB, a sigla que as pessoas costumam usar para se referir à maconha é “420” ou four twenty, que seria o melhor horário para fumar unzinho (4:20 pm) e referência ao dia da maconha (20/04). Enfim, pergunte se a pessoa é “420 friendly”.

Ali embaixo daquelas árvores era o meu "cantinho do beck".

Ali embaixo daquelas árvores era o meu “cantinho da fumaça”.

É ilegal e passível de multa, mas há alguns cantinhos em parques e praças da cidade onde você consegue fumar um baseado sem muita encanação. A dica é evitar fumar onde passam muitos pedestres, ciclistas e crianças.

Não se assuste. É muito comum ouvir sons de sirenes em Denver, mas a maioria é ambulância e corpo de bombeiro. Sem nóia! hahaha

Eu costumava fumar encostado em uma árvore às margens do Cherry Creek, do lado da pista onde não há ciclovia. Ou simplesmente caminhando por entre as ruelas estreitas que dão para o fundo das casas, comum nos EUA.

Outra viagem: Como é tomar ayahuasca com um xamã na Amazônia?

Ainda é recente a questão da legalização da maconha nos Estados Unidos, mas dados apontam que desde que houve a legalização, o Colorado teve uma redução de 80% no número de pessoas presas pelo porte de maconha.

Onde (não) ficar em Denver

No início de nossa viagem para os Estados Unidos, quando faríamos roteiro entre o Texas, Colorado e Louisiana, estava tudo certo de que, em Denver, ficaríamos hospedados em um apartamento reservado pelo Airbnb.

Como imprevistos de viagem acontecem, quando estávamos no Aeroporto de Guarulhos, em SP, embarcando para Austin, no Texas, recebemos um e-mail com o cancelamento do nosso apartamento em Denver.

Apesar de termos 1 mês no Texas antes de seguir viagem para Denver, achamos melhor pesquisar, ali na hora, ainda no aeroporto, e escolher um lugar barato para ficar na capital do Colorado. Desta forma, recomendamos ler estas dicas na hora de reservar hospedagem com o AirbnB.

AAE 11th Avenue Hotel & Hostel em Denver

A boa localização e o preço são os pontos positivos deste mal conservado hostel

Localização e preço são os pontos positivos deste sujinho e mal conservado hostel

O AAE 11th Avenue Hotel & Hostel foi a hospedagem que escolhemos. Temos coisas boas e ruins para falar do hostel.

O primeiro ponto positivo é a sua localização. O apartamento reservado pelo AirbnB ficava em Aurora, um bairro mais afastado do centro de Denver.

Já o hostel fica na 11th Street com a Broadway, a poucas quadras da Colfax, uma das principais avenidas da cidade.

Outro ponto positivo é o preço. Este hostel em Denver é bem barato. As diárias em quarto dormitório custam menos de US$30, e cerca de US$50 para quartos individuais.

Por outro lado, o quarto que fiquei em dormitório com 6 camas não era muito bom. Na verdade, o quarto era conjugado com um segundo quarto com outras 6 camas e uma sala de TV entre ambos, o que fazia o dormitório ter, na teoria, um total de 12 pessoas.

Sala comum entre os dois dormitórios, cada um com 3 beliches

Sala comum entre os dois dormitórios, cada um com 3 beliches

A primeira noite foi a mais difícil para dormir – não pegava no sono de jeito nenhum, e não por causa de roncos, luminosidade ou barulho. O grande desafio foi vencer o cheiro fedido de chulé, que impregnava o quarto.

E o pior é que não escolhi a cama ao lado da janela, e o rapaz que estava nesta cama simplesmente não abria-a de jeito algum. Uma frestinha já iria ajudar…

A segunda noite também não foi fácil – um homem não parava de falar no telefone celular. Falou a madrugada inteira e não havia jeito de ficar quieto.

No meio da noite rolou até um stress. Um outro hóspede deu um berro dizendo para ele calar a boca e o imbecil simplesmente o ignorou e continuou falando, como se estivesse sozinho no quarto.

Por sorte, no dia seguinte este babaca saiu do quarto, mas para o meu azar, um porco suíno resolveu dormir na cama ao meu lado. Como roncava!!

No dia seguinte um senhor bem tranquilo, que ficou o tempo todo na parte de cima do beliche em que eu estava dormindo até comentou que o irmão dele roncava alto, mas nunca tinha visto algo parecido. Perguntou como eu havia conseguido dormir com todo aquele ronco. Foi difícil, mas dormi.

Para completar a avaliação, algo regular (nem tão bom, nem tão ruim) no hotel era a quantidade de banheiros.

Além de ter uma pia para lavar a mão e escovar os dentes no quarto, havia cerca de 5 toaletes em cada um dos 2 andares, o que de certa forma, foi suficiente para que nunca tivesse fila de espera para usá-los.

A limpeza dos quartos e dos banheiros era feita todos os dias. Não era aquela senhora limpeza, mas tornava fácil planejar usá-los para tomar banho quando eles estavam mais limpinhos, pela manhã.

O cômodo de uso comum, com cozinha e sala de TV é amplo, espaçoso e um ambiente razoavelmente limpo.

Cozinha e sala de TV do hostel, em Denver

Cozinha e sala de TV do hostel

Havia utensílios domésticos para uso dos hóspedes, bancada fazer as refeições, uma geladeira boa, micro-ondas, forno elétrico e aquecedor de água para fazer café. Além de um sofá velho e sujo, televisão, mesinha e estante com livros e revistas.

De uma forma geral, entre coisas boas e ruins, acredito que valha a pena ficar no hostel para economizar alguns dólares visto que a hospedagem é bem mais barata do que a maioria dos hotéis nos arredores.

Entretanto, recomendo pagar um pouco mais e escolher um quarto privativo. Não ficaria em dormitório neste hostel em Denver novamente.

Hotel nas montanhas rochosas, no Colorado

Hotel Grand Junction

Vista do hotel em Grand Junction, nas montanhas rochosas. Descanso merecido.

Para ter uma ideia, na terceira noite eu estava tão embravecido que decidi alugar um carro e seguir para o Oeste do Estado – fiz a reserva no Hotel Grand Vista, em Grand Junction, nas montanhas rochosas. Por sua vez, este era um hotel bem bacana e foi minha válvula de escape para continuar a viagem.

Como já havia pago as diárias no hostel em Denver, não tentei reembolso, simplesmente peguei estrada e fui relaxar e respirar um pouco de ar puro. Foi uma das melhores coisas que fiz.

Quando voltei da viagem de carro, por sorte os novos roomates eram mais tranquilos e permaneci por lá por mais alguns dias.

Em resumo, economizar com hotel em viagem, ficando em dormitórios em hostels baratos, é sempre uma incógnita, pois depende muito dos outros turistas que irão dividir o quarto com você, da equipe de limpeza e da qualidade das roupas de cama e banho. Em Denver não tive muita sorte…

Viagens bate-volta de Denver

Roteiros de carro para Golden, Boulders, Aspen, Grand Junction e Glenwood Springs.

Union Station, em Denver

Union Station, em Denver – estação para viagens de ônibus e trem

Da Union Station é possível fazer roteiros em viagens de ônibus ou trem – ver as montanhas de pertinho e visitar cidades turísticas como Boulder ou Golden em viagens bate-volta. Nesta última, é possível fazer o tour na cervejaria Coors (de quinta à segunda, das 10h às 16h). A visita é grátis.

Road trip – como alugar carro em Denver?

Grand Junction

A imensa formação em Grand Junction, uma das belezas do Colorado

É fácil. As locadoras ficam localizadas na Quebec Street, esquina com a 16 th Street. Recomendamos a Hertz, mas faça uma pesquisa, pois há pelo menos 4 locadoras por ali. Só não gostamos da Avis. Só tinham carros caros.

A paisagem é incrível, a estrada passa rente às imponentes e coloridas montanhas rochosas. Fizemos a viagem de Denver até Grand Junction (400 km), com paradas em Frisco, Glenwood Springs, Redstone e Aspen.

Pagamos cerca de US$ 30 pela diária + US$ 30 pelo seguro, que realmente é necessário. Qualquer coisa que aconteça, um acidente material ou humano, você tem cobertura. Jamais contrate sem o seguro, é um grande risco.

Para saber mais, leia as dicas de como dirigir e alugar carro nos EUA.

viagem carro estados unidos

Frisco, a pequena vila nas montanhas do Colorado

Bem próxima à Denver, a primeira parada foi Frisco (115 Km), uma vila com ares de montanha e destino de inverno que agrada casais em viagens românticas.

Glenwood Springs, a 250 Km de Denver, é quase metade do caminho até Grand Junction. A 8th Street é a rua badalada à noite, e onde as pessoas gostam de caminhar nesta bela cidade, que conta com hotel com piscina de água termal – o Glenwood Hot Spring Pool, restaurantes, cafés e cervejas artesanais.

Recomendamos passar uma noite por lá antes de seguir para Grand Junction.

Grand Junction

O charmoso centrinho de Grand Junction, no Colorado, a 400 km de Denver

Grand Juction é um lugar incrível, onde vale a pena ficar alguns dias. Encravado no meio de um mosaico de cores de uma grande rocha, a localização é única e o ambiente cheio de energia.

Para deixar ainda mais gostoso o passeio, as ruas do centro receberam esculturas de artistas locais, um projeto chamado Art on the Corner, com propósito de tornar ainda mais contemplativo uma caminhada pela cidade.

Colorado EUA

Há mais de 100 esculturas espalhadas pelo centro de Grand Junction

Há muitos roteiros de carro possíveis no Colorado, e infelizmente deixamos de visitar alguns pontos de interesse bem procurados como o Garden of the Gods, em Colorado Springs, e o Red Rocks Park & Amphitheatre, em Golden.

Por outro lado, conhecemos Frisco, Redstone, Aspen e Grand Junction.

road trip eua

Redstone, perto da Floresta Nacional de Grand Mesa, no Oeste do Colorado

As cidades mais fáceis de visitar de carro são Boulder e Golden, também acessíveis de ônibus. Da Union State tem ônibus de Denver para Boulder a cada 15 minutos. De carro, a viagem dura menos de uma hora. Já Golden fica a menos de 30 minutos de carro de Denver.

montanhas rochosas

Nas montanhas do Colorado você sente a grandeza da natureza

A viagem que fizemos foi mais longe. Na volta, a partir de Glenwood Springs, decidimos desviar e fazer uma parada em Aspen. Como fomos em abril não havia muito movimento. A temporada de inverno, entre dezembro e fevereiro, que costuma deixar a cidade e os resorts de esqui lotados.

aspen eua

Aspen, no Colorado. Famoso destino de inverno nos EUA

A viagem ao Colorado, nos EUA, nos surpreendeu. É um destino maravilhoso para quem gosta de fazer trilhas e road trips. As montanhas rochosas formam cenários de cinema. É fundo de tela de Windows. Lindo.

Post atualizado em 25 de agosto de 2021.

Sobre Danilo Hadek

Antes de começar o Muita Viagem, fui Relações Públicas e Comissário de Voo. Vivi no Canadá, fiz longas viagens nos Estados Unidos e alguns roteiros na Europa. Já estive em todas as capitais do Brasil, e em mais de 20 países pelo mundo. Quero conhecer o Oriente Médio, África e Ásia.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.