Início / Destinos / Ouro Preto, a cidade histórica de MG construída entre montanhas
Ouro Preto - MG
A cidade histórica de Ouro Preto-MG tem muito o que fazer

Ouro Preto, a cidade histórica de MG construída entre montanhas

Ouro Preto, MG é inesperada. Uma das mais conhecida cidades de Minas Gerais, surpreende na cultura, na história e nas paisagens, além de oferece ao turista muitas coisas para fazer.

Pertinho de Belo Horizonte, a apenas 100 km de viagem de carro da capital mineira, Ouro Preto é um dos melhores destinos turísticos de MG.

A cidade mineira é um exemplo único da arquitetura colonial portuguesa, com prédios para conhecer como o Palácio dos Governadores (hoje Escola de Minas) e a Casa de Câmara e Cadeia, que atualmente guarda o Museu da Inconfidência.

Além dos prédios da administração portuguesa, as igrejas em Ouro Preto, templos barrocos decorados com esculturas de Aleijadinho e pinturas de Manuel da Costa Athaide estão entre os principais pontos de interesse da cidade histórica.

Confira abaixo um guia completo com dicas para turismo na cidade histórica de Ouro Preto, MG. O que fazer, roteiro das igrejas, atrações turísticas, passeios e sugestões e hotéis e pousadas.

COVID-19: Segundo os últimos boletins epidemiológicos, em Ouro Preto os casos de contágio mantém-se estáveis com taxa de letalidade de 2%.

Acesso rápido ao conteúdo:

Ouro Preto – Patrimônio da Humanidade

A natureza agraciou a região com montanhas e ouro. O minério atraiu as pessoas, que ergueram, nas encostas dos morros, uma das mais surpreendentes paisagens urbanas do mundo, um preservado patrimônio histórico nacional.

igrejas ouro preto

Vale a pena fazer um roteiro a pé em Ouro Preto e ver lugares como a rua dos Bancos, com restaurantes, lojas e casarões coloridos

E nem sempre é preciso gastar dinheiro para conhecer a história e pontos turísticos na cidade histórica de MG.

Uma das coisas mais legais para fazer em Ouro Preto é caminhar sem rumo nas ladeiras e esquinas do centro histórico. Dá para se surpreender com chafarizes, pontes e outras construções centenárias que trazem à tona a rica história do Ciclo do Ouro no Brasil.

A história da cidade mineira foi marcada por uma rápida urbanização a partir do começo do século 18, quando minas de ouro foram encontradas na região no interior do Brasil.

Rapidamente o lugar tornou-se um dos principais centros coloniais do Império Português e núcleo cultural e artístico da nascente sociedade mineira.

O traçado urbano que acompanha as curvas, subidas e descidas das montanhas e os casarões coloniais foram bem preservados.

o que fazer em ouro preto

As igrejas, os casarões coloniais e o traçado urbano deram a Ouro Preto título de patrimônio da humanidade pela Unesco

A rica história de Ouro Preto, que dialoga com a arquitetura preservada do centro histórico e com as montanhas da região, resultou em um inesperado centro urbano, que elevou a cidade histórica de MG à condição de Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

A vida cultural continua sendo uma das atrações de Ouro Preto. Além das tradições mineiras, Ouro Preto é um importante destino turístico em MG e recebe uma variada programação de eventos durante todo o ano.

Ouro Preto, MG – quando ir

Clima e temperatura em Ouro Preto

Em Ouro Preto – MG, o verão é quente, com chuvas e céu encoberto. Já o inverno é quase sem nuvens. A temperatura varia de 10 °C a 26 °C, chegando a 7 °C nas noites mais frias do inverno.

Quem procura dias frios para curtir o inverno nas montanhas de Minas Gerais, a melhor época para programar a viagem fica entre maio e agosto. Para passeios ao ar livre e caminhadas, os melhores meses são a partir de agosto até meados de outubro.

Festival de Inverno

O frio das montanhas, o charme dos restaurantes, as cachaçarias e até hotéis com lareira… tudo faz de Ouro Preto um ótimo destino para viajar no inverno e ficar dois ou três dias.

Aliás, é nesse período que acontece uma das principais festas em Ouro Preto, MG. O Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana agregam cultura, músicas e outras coisas para fazer à programação da cidade.

Durante a programação da festa, acontecem eventos como concertos de flauta, teatro de rua e outras atividades.

Semana Santa em Ouro Preto

Cidade histórica de Ouro Preto

O feriado da Semana Santa é uma das principais festas populares do interior mineiro e uma atração especial em Ouro Preto-MG – foto: Neno Vianna

A religiosidade que faz parte da história de Minas Gerais aflora durante o feriado da Semana Santa. Acontecem encenações com origem na Idade Média e procissões típicas do feriado da Semana Santa e Páscoa, como a procissão da Sexta-feira da Paixão.

Durante toda época de Páscoa em Ouro Preto, tapetes floridos e coloridos cobrem ruas da cidade, em um roteiro entre igrejas bonito de se conhecer. Para deixar o passeio mais interessante, grupos de seresta cantam a Páscoa ao longo do roteiro dos tapetes de flores.

Carnaval de Ouro Preto

O Carnaval de rua de Ouro Preto é uma das melhores festas do Brasil. O clima universitário da cidade ajuda a embalar a folia, além de shows e blocos de rua.

Umas das coisas legais do Carnaval é que, entre as opções de lugares para ficar em Ouro Preto durante o feriado, estão repúblicas, além das muitas pousadas e hotéis da cidade turística.

Festival de Jazz de Ouro Preto

A cultura, a história, o turismo e as festas garantem uma cidade cheia de pontos interessantes para conhecer o ano inteiro. No fim de ano, por exemplo, é época do Festival Tudo é Jazz de Ouro Preto. O evento ocorre em dezembro.

Réveillon em Ouro Preto

O Réveillon não é tão agitado como o Carnaval (lembre-se que parte dos estudantes, que animam a noite em Ouro Preto, estão fora do destino turístico), mas o final do ano e o verão, em geral, é bem gostoso no destino histórico.

Vale a pena procurar uma pousada com piscina no verão.

Para todos esses eventos especiais e festas populares na cidade no interior de MG, vale a pena pesquisar hotéis e pousadas com antecedência, principalmente quem pretende ficar nas melhores pousadas e hotéis dessa cidade cheia de atrações turísticas.

Ouro Preto, MG – como chegar

Distância de São Paulo: 670 km

Distância de Belo Horizonte: 100 km

A cidade de Ouro Preto (MG) é uma boa dica de viagem curta perto de Belo Horizonte para curtir um destino repleto de história. É bem fácil fazer a viagem até lá de carro. São apenas 100 km de distância de Belo Horizonte pela BR-356.

Já saindo de São Paulo, é uma viagem longa e cansativa. A sugestão é fazer uma parada em Três Corações, no sul de Minas. Assim, é possível aproveitar para conhecer a a terra natal do rei Pelé.

Respeite os limites de velocidade, viaje tranquilo e seguro. A estrada muitas vezes possui trechos sinuosos e tráfego de caminhões.

Para chegar de ônibus em Ouro Preto é preciso verificar as empresas rodoviária, que saem do Terminal Rodoviário do Tietê (metrô linha 1 – azul). A viagem leva aproximadamente 11 horas de estrada.

O que fazer em Ouro Preto-MG

Centro Histórico

Fazer em Ouro Preto um passeio a pé pelo Centro Histórico não é fácil, mas vale a pena.

O traçado urbano que se mescla as montanhas e a rica arquitetura razoavelmente preservada da época do Ciclo do Ouro no Brasil fez com que o Centro Histórico de Ouro Preto-MG fosse o primeiro tesouro brasileiro apontado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, em 1980.

As ladeiras e ruazinhas são pontilhadas e de igrejas, pontes e chafarizes, além de construções históricas que abrem espaço para museus e centros culturais, mas também a pousadas, lojas, restaurantes e casas.

São muitos os pontos de interesse para passear em Ouro Preto.

Ouro Preto MG

Casarões coloridos, ladeiras de pedra e cultura tipica: vale a pena fazer um passeio a pé por Ouro Preto

Não deixe de conhecer a Praça Tiradentes, cercada pelo Palácio dos Governadores, (Escola de Minas), a Casa de Câmara e Cadeia (atual Museu da Inconfidência) e a Casa dos Contos. Na área ao redor da praça também fica a Igreja de Nossa Senhora do Carmo.

Entre as igrejas mais bonitas e mais visitadas estão a Matriz de Nossa Senhora do Pilar, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição e Igreja de São Francisco de Assis.

A Matriz de Nossa Senhora do Pilar foi ricamente ornamentada em ouro, sendo uma das igrejas com maior quantidade do minério do Brasil.

Já a Igreja de São Francisco de Assis é um ícone da arte barroca mineira. Lá estão alguns dos principais trabalhos feitos por Aleijadinho e também a nave pintada por Mestre Athaíde.

Um bom roteiro a pé por Ouro Preto para fazer e conhecer as igrejas e outros pontos turísticos e de interesse pode ser encontrado no blog de viagens Queimando Asfalto.

O melhor jeito de conhecer Ouro Preto é a pé. Andar de carro nas ruas estreitas, com ladeiras íngremes e cotovelos não é tão fácil. No roteiro a pé pelo Centro Histórico, uma das ruas mais legais para conhecer e passear é a rua São José, ou rua dos Bancos.

Na rua dos Bancos de Ouro Preto, além das principais agências, ficam lojinhas de artesanato e joias, restaurantes e, não raro, artistas de rua. Além, é claro, de belas construções históricas em bom estado.

Mirante Morro São Sebastião

Ouro Preto

O Mirante de São Sebastião oferece uma paisagem única no interior de MG

A cidade histórica mineira é famosa pelas ladeiras, mas se a ideia é fazer esse passeio a pé, é bom estar preparado.

O Mirante Morro São Sebastião fica em um ponto especialmente alto: não é todo mundo que tem disposição para chegar lá caminhando.

A recompensa do mirante em Ouro Preto: uma linda vista da região, especialmente no pôr do sol, quando a luz dourada derrama-se, entre as montanhas, sobre as igrejas de Ouro Preto.

Bares e vida noturna

Também vale a pena conhecer bares e restaurantes que ocupam casarões que são parte da história da cidade. Jantar ou tomar um drink acompanhando de música ao vivo em lugares como o “Escada baixo”, que possui ambiente no porão decorado com pedras e madeiras, estão entre as coisas para fazer a noite em Ouro Preto-MG.

O “Escada baixo” (Rua Conde de Bobadela, 122) é um dos lugares mais agradáveis que encontramos para comer bem e barato. Uma mistura de café, pub e restaurante, a decoração do bar no centro de Ouro Preto dialoga com charme com a arquitetura histórica do casarão.

Onde ficar em Ouro Preto – MG

Hotéis e pousadas em Ouro Preto também aproveitam essa arquitetura histórica. Grandes casarões viraram charmosas pousadas em Ouro Preto-MG, com estilo caseiro -mas de séculos passados.

Entre as opções de lugares para ficar na vila, além de pousadas em casarões, estão hotéis em solares e o Grande Hotel.

É um grande hotel no centro histórico com piscina cujo destaque é o projeto arquitetônico de Oscar Niemeyer. Além disso, há uma boa oferta de casas para temporada em Ouro Preto que ocupam casarões.

Grande Hotel Ouro Preto

O Grande Hotel Ouro Preto era um lugar que sempre motivou curiosidade para se hospedar.

Dica de hotel bom e barato em Ouro Preto, além de opções de pousadas charmosas e aconchegantes na cidade histórica de MG. Recomendamos!

Arquitetura de Oscar Niemeyer em Ouro Preto – MG

O Grande Hotel Ouro Preto é um dos melhores hotéis de Ouro Preto-MG

A piscina do Grande Hotel Ouro Preto é bastante agradável para ficar

Projetado por Oscar Niemeyer, o hotel em Ouro Preto não tentou mimetizar o padrão colonial característico da cidade.

O grande arquiteto investiu em traçados contemporâneos na época da construção, em 1938, para o hotel na cidade histórica mineira, mas que conversassem com o relevo irregular.

Mas, para quem prefere entrar no clima dos casarões coloniais que dominam a paisagem, existem muitas pousadas em Ouro Preto que aproveitam os lugares históricos para receber turistas.

Já a ideia do hotel de Niemeyer na cidade histórica é ser uma expressão pura de “arte contemporânea, mas apresentando a necessária ligação com o ambiente local”, na descrição da Revista Municipal de Engenharia de 1942.

hotel em ouro preto

Dica de hotel com piscina e bem localizado em Ouro Preto, MG | Muita Viagem

É preciso lembrar que a arte contemporânea de então é hoje conhecida como movimento modernista, e Niemeyer é o grande representante na arquitetura.

Bem localizado, o Grande Hotel Ouro Preto tem uma piscina bonita com vista panorâmica da cidade no interior de MG.

Ficamos tomando altos drinques e comendo na piscina nos finais de tarde em Ouro Preto. Os preços do restaurante, em comparação com outros hotéis em destinos turísticos famosos, valem a pena.

Para famílias e casais, o Grande Hotel Ouro Preto tem suítes espaçosas, com dois andares e varandinha.

Não são quartos extremamente luxuosos, mas exalam uma atmosfera clássica, bem ao feitio do começo dos anos 1940, quando entrou em atividade.

Casarões em Ouro Preto servem como bonitas pousadas na cidade histórica

Ouro Preto é uma cidade de soluções arquitetônicas únicas. O Grande Hotel Ouro Preto é um exemplo moderno, mas o destaque vem do passado.

Entre as depressões e montanhas do interior de Minas, surgiu o primeiro grande centro urbano do Brasil e a harmonia entre o traçado urbano e a geografia acidentada deu à cidade histórica mineira o título de Patrimônio Mundial da Humanidade.

Construções coloniais, como casarões e solares, hoje servem como restaurantes, museus e, claro, pousadas.

Pousadas em Ouro Preto

Uma das melhores pousadas de Ouro Preto, próximo a atrações históricas, é a Pousada Guignard.

o que fazer em ouro preto mg

Além das atrações históricas, Ouro Preto é palco de programações especiais em feriados e festas populares

No coração da cidade história, a Pousada Guignard tem decoração antiga clássica e está bem cuidada, sendo especialmente bem avaliada por casais em viagens a dois para Ouro Preto.

As diárias para dezembro de 2o21 estavam por a partir de R$ 780,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Já a Pousada Gerais a 1,5 km do centro turístico e também bem avaliada, com um bom café da manhã caseiro e quartos para família e também para casal tem diárias para dezembro de 2021 por a partir de R$ 220,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

O Hotel Pousada Clássica, a 40 metros da Praça Tiradentes, um dos cartões-postais de Ouro Preto, é outra boa opção de lugar para ficar na cidade histórica mineira.

Além do café da manhã, o chá da tarde servido pela Hotel Pousada Clássica também é muito elogiada pelos hóspedes. As diárias nesse hotel em Ouro Preto para dezembro de 2021 estavam por a partir de R$ 420,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Por sua vez, o Solar de Maria, a 800 metros de distância do centro, está instalada em uma mansão colonial restaurada. Pra conforto, conta com piscina e sala de TV com lareira. Agrada famílias e casais com seus quartos confortáveis e bonita decoração.

Encontramos diárias nesse hotel em Ouro Preto para dezembro de 2021 por a partir de R$ 401,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Além disso, na cidade há bonitas casas coloniais para aluguel por temporada em Ouro Preto. O melhor é que dá para alugar casas de temporada em Ouro Preto pelo Booking.com também. Basta fazer um filtro nas buscas.

Para facilitar aqui vão algumas sugestões:

Há 10 km do centro de Ouro Preto, a Casa Frente às Cachoeiras oferece 4 quartos, 1 banheiro e TV de tela plana, além da cozinha. Um pacote de 10 diárias para dezembro de 2021 estavam por a partir de R$ 5.400,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Uma outra dica bacana é a Casa com vista verde, a apenas 1,1 km do centro. A casa de temporada acomoda até 4 pessoas. São 2 quartos, 2 banheiros, sala de estar com TV de tela plana Um pacote de 10 diárias para dezembro de 2021 estavam por a partir de R$ 3.655,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Por fim, a simpática Casinha 14, bem no centro histórico.  Com 2 quartos, a casa de temporada acomoda até 5 pessoas. O pacote de 10 diárias para dezembro de 2021 estavam por a partir de R$ 2.295,00 quando pesquisamos o preço, em 22 de setembro de 2021.

Cidades perto de Ouro Preto, MG

Mariana, MG

A 25 km de Ouro Preto, Mariana vale a visita se você estiver em um roteiro de carro pelas cidades históricas de MG. Outra boa opção turística para chegar em Mariana é fazendo o passeio de trem entre as duas cidades do interior de Minas Gerais.

Ouro Preto formou-se a partir da união de arraiais que surgiam em torno das minas de ouro. Hoje, algumas dessas minas -e suas histórias- podem ser visitadas pelos turistas.

A maior parte das minas turísticas de Ouro Preto-MG mostra o caráter algo artesanal da extração de ouro no Brasil colonial.

Vale a pena visitar a mina do Chico Rei, que tem uma história lendária, próxima a Matriz Nossa Senhora da Conceição, e a mina du Veloso. Já o centro histórico de Mariana, ainda que mais modesto, também tem belas construções coloniais.

Em Mariana é possível conhecer a mina da Passagem, pertinho de Ouro. É uma das minas de ouro que mais recebe turista no mundo.

O passeio consiste em alcançar o fundo do poço em um carrinho tipo bonde em um roteiro de 315 metros. No local, a 120 metros de profundidade, há um centro de treinamento de mergulho em cavernas.

Como visitar a Mina da Passagem

Entre os séculos XVIII e XX, a região onde hoje encontra-se a cidade histórica de Ouro Preto (MG) foi o grande cenário do garimpo nos tempos da colônia. A dinâmica da economia da mineração fez surgir uma nova classe econômica e uma forte aceleração no processo de urbanização do interior do país.

Um carrinho antigo leva a 120 m de profundidade na Mina da Passagem, entre Mariana e Ouro Preto

À época da exploração colonial formaram-se dezenas de vilas em torno das minas de ouro. Mariana (MG) foi um desses arraiais.

Atualmente pode-se visitar algumas dessas jazidas, que mostram o caráter artesanal da extração de ouro no Brasil colonial.

Dentre as mais procuradas por turistas, historiadores e curiosos estão a Mina de Chico Rei, escravo alforriado e lendário dono da propriedade, bem como a Mina de Santa Rita, a Mina Jejeda, a Mina du Veloso e a Mina da Passagem. Foi nesta última que fizemos a exploração, hoje apenas turística.

mariana mg

Mina da Passagem, em Mariana – MG

Conhecer a Mina da Passagem, em Mariana, é uma oportunidade para vivenciar de perto o período áureo da colonização, quando a descoberta de metais e pedras preciosas levaram paulistas e forasteiros, os “emboabas”, a uma intensa corrida pelo interior do país.

Por ter sido uma mina industrial, o túnel de visitação é alargado, e bem mais confortável para os deslocamentos do que as demais minas abertas à visitação na região.

mina da passagem mg

O túnel é relativamente largo e fácil para caminhar

O passeio começa com uma pequena aventura – descer em um antigo trolley, uma espécie de trenzinho utilizado pelos mineradores para percorrer os túneis subterrâneos, a 120 metros de profundidade.

Estabelecidos na mina propriamente dita, recebemos as orientações técnicas e explicações históricas do guia turístico que nos fazem viver uma parte de nossa história ao longo do roteiro que se estende por cerca de 315 metros.

A visita leva cerca de 45 minutos.

A Mina da Passagem foi descoberta no início do século XVIII e desativada apenas no final do século XX. É uma das maiores do gênero no mundo que recebem turistas.

Estima-se que cerca de 35 toneladas de ouro foram lavrados durante a sua exploração. Ainda há ouro, mas não em quantidade que valha o investimento na extração.

As condições de trabalho dentro e fora dos túneis subterrâneos eram árduos. Muitos escravos e trabalhadores morriam com fome, asfixiados ou doentes nos ambientes insalubres das minas de ouro, lugares úmidos, frios e com pouca ventilação.

Mergulho em caverna no Brasil

Ouro de Tolo

Pirita de Ferro – parece ouro mas não é

Ao longo do percurso é fácil enxergar uma coloração dourada nas rochas das paredes subterrâneas, porém engana-se quem pensa que é ouro. Na verdade, trata-se de pirita de ferro, conhecida como ouro de tolo.

mergulho caverna

Mergulhadores credenciados podem explorar os lagos formados na caverna

Fica fácil imaginar como era o trabalho de extração dos metais, entender como funcionava a mina e até fazer mergulho em lago dentro da caverna. Para adeptos do esporte é uma aventura e tanto!

Como chegar em Mariana, MG

Fomos de carro, e como estávamos em Ouro Preto, bastou seguir por 7,5 km sentido à Mariana da Passagem. O local conta com estacionamento gratuito.

Para quem estiver sem carro ou preferir, é possível fazer a viagem de trem aos finais de semana, férias e feriados. Os trens partem da estação ferroviária de Ouro Preto com preços que variam e aumentam na alta temporada.

Confira mais informações sobre valores e horários da Maria Fumaça.

Por fim, o preço do ingresso para entrar na Mina da Passagem é de R$ 180,00 (preço de 2021). Achamos caro, especialmente por não aceitarem cartões de crédito ou débito. O local fica aberto todos os dias das 9:00 até às 17:30.

Lavras Novas, MG

lavras novas mg

Perto de Ouro Preto, a bucólica Lavras Novas é um lugar romântico perto de BH e também oferece ecoturismo e aventuras – foto: Divanildo Marques

Um outro destino na região é Lavras Novas, ainda mais bucólico e calmo que o centro urbano.

É um destino para quem quer relaxar e ficar em uma bonita paisagem cercada de verde, com serras, montanhas e cachoeiras.

É uma boa opção de ecoturismo próximo a BH. Entre os destaques, estão a cachoeira do Campo, uma cachoeira com queda de 30 metros nessa região do interior mineiro. Outras coisas para fazer são passeios a cavalo, rafting e esportes de aventura.

Em Lavras Novas-MG há trilhas para fazer, boas lojinhas de artesanato e algumas pousadas românticas, chalés e lugares em meio a montanhas com piscinas e outros atrativos.

Além das cachoeiras e do ecoturismo, Lavras Novas também é um destino romântico perto de BH que vale a pena para uma viagem de casal de final de semana.

Post atualizado em 26 de setembro de 2021.

Sobre Gustavo Villas Boas

-- "Vamo? Vamo! (ou não)" Jornalista e editor do Muita Viagem. Gosta de praias, baladas e comidas diferentes. A Amazônia é o destino que o emociona. Antes de embarcar no Muita Viagem, trabalhou no jornal Folha de São Paulo e no Estado de São Paulo na cobertura de tecnologia, cultura e cidades. Mas lia o caderno de turismo.

2 comentários

  1. Lugar lindo! Estou com roteiro para ir em BH, OP e Tiradentes, mas estou preocupada pq não há viabilidade de transporte de Ouro Preto para Tiradentes.
    Vc sabe informar se há Vans saindo ou outro meio?

  2. Adorei! Parabéns pelo conteúdo.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.