Início / Dicas / Cruzeiros marítimos: planeje-se para viajar em alto mar
cruzeiro maritimo
Uma viagem em navio cruzeiro pode ser bastante relaxante

Cruzeiros marítimos: planeje-se para viajar em alto mar

Os cruzeiros marítimos são uma boa alternativa de viagem de férias. O Natal e o Réveillon são as datas mais procuradas por cruzeiristas dada as férias de final de ano.

Contudo, fazer uma viagem de cruzeiro é possível em qualquer época do ano, especialmente para destinos no Brasil e América do Sul.

Aliás, é possível viajar em navios temáticos em datas específicas como o Carnaval e até realizar festas de casamento ou aniversários no navio.

Como é fazer um cruzeiro marítimo

Para quem está pensando em fazer um cruzeiro é bom ficar esperto em algumas dicas. Uma dica importante é ficar atento às promoções.

Isso porque quanto melhor você planejar a sua viagem, mais chances tem de conseguir melhores preços para todos os destinos, sejam eles nacionais ou até mesmo cruzeiros internacionais.

Um ponto muito bacana em fazer um cruzeiro marítimo em alto mar são as possibilidades que as embarcações oferecem. Boa parte dos navios possuem cassinos, spas com massagem e terapias, boates e cinemas.

Além disso, os restaurantes costumam oferecer gastronomia refinada, bebidas e atendimento com comissários de bordo e equipe especializada e disposta a proporcionar a melhor experiência para você e a sua família.

Como escolher um cruzeiro marítimo

navio cruzeiro réveillon

Desfrute de todo charme que uma viagem em navio cruzeiro pode proporcionar

Uma dica é ler todas as atrações do navio que fará o roteiro marítimo. Isso porque alguns cruzeiros são mais voltados para famílias com crianças pequenas. Já outros, contam com atrações e shows para jovens solteiros.

Há também os cruzeiros mais dedicados ao público gay LGBT. E claro, existem aqueles que são os favoritos de quem gosta de jogos e apostas em cassinos.

O legal de programar uma viagem de navio é ter um custo fixo, afinal você irá gastar apenas com o pacote do cruzeiro marítimo. Não precisa pensar em gastos com aluguel de carro, passeios turísticos, tão pouco gastar com passagens aéreas e hotéis.

Ah, os cruzeiros também podem ser do tipo all inclusive. Ou seja, com todas as refeições e bebidas incluídas. Contudo, da mesma forma que os resorts all inclusive, não recomendamos. Afinal, paga-se mais e nem sempre consumimos tanto assim.

Quanto custa uma viagem de navio

Desse modo, é essencial e imprescindível confirmar o que o preço pago pelo pacote do cruzeiro marítimo inclui.

Em geral, no valor está incluído o tipo de cabine (assim como no avião é possível viajar na classe econômica, executiva ou primeira classe), as refeições nos restaurantes do navio, bem como alguns lugares da embarcação.

Contudo, alguns eventos, em especial à noite, devem ser pagos à parte. Confira bem o que você terá direito ao reservar a sua viagem junto a uma agência de turismo. Raramente bebidas, shows e espetáculos noturnos estão inclusos no pacote.

Sendo assim, é importante estar sempre ligado às promoções de cruzeiros. Em geral, na baixa temporada – após o carnaval é possível encontrar melhores preços.

Por fim, vale a pena considerar o tempo total do cruzeiro e conferir por quantos destinos o navio fará paradas, e claro, saber o tempo de permanência em cada uma das cidades. Esse é um dos grandes baratos de viajar de navio!

Para planejar a sua viagem, é bom saber que, em geral, a temporada de cruzeiros marítimos no Brasil tem início em novembro e costuma ir até meados de março. No entanto, conforme já elencamos no início do artigo, é possível viajar em qualquer mês do ano. Basta ficar atento!

O que levar na bagagem em um cruzeiro de navio

Com a diversidade de atividades nos cruzeiros é legal ter na mala de viagem roupas para festas mais elegantes e roupas confortáveis, calça jeans, vestidos, bermudas, sandálias, bem como roupas de banho e saídas de praia. No mais, não deixei de levar protetor solar, hidratante, óculos de sol e boné ou chapéu.

Ah, super importante também é levar uma mochilinha ou bolsa para levar os pertences nas paradas que o navio fizer. E claro, liberar o cartão de crédito para uso internacional.

Finalmente, uma última dica. Não deixe de levar uma malinha com medicamentos, em especial remédio para enjoo. Isso porque é bem comum enjoar em determinados momentos por conta do balanço do barco com as ondas do mar.

Temos um artigo bem legal onde falamos sobre o checklist de viagem internacional.

Post atualizado em 24 de novembro de 2021.

Sobre Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.