Início / Dicas / Países para viajar na América do Sul
A Bahia de Copacabana é o principal destino turístico no Titicaca - Bolívia.

Países para viajar na América do Sul

Cidades para roteiros na América do Sul

Para viajar barato é melhor escolher as cidades da América do Sul!

Tem vontade de conhecer melhor o seu continente, mas não sabe por onde começar? Esta uma lista de lugares incríveis e destinos imperdíveis para entrar em contato com a natureza a cultura da América Latina.

Se você passa horas e horas escolhendo mil destinos incríveis para viajar na América do norte, Europa, Ásia, mas quando chega na América do Sul acha que só existe a Argentina para viajar, estamos aqui para desmistificar esse seu pensamento.

Dentro de seu território, a América do Sul possui algumas das paisagens históricas mais lindas do mundo. Na lista a seguir, você confere até uma das sete maravilhas do mundo. Sem dúvida lugares incríveis no Peru, Bolívia, Chile e Equador.

Quito, entre montanhas e vulcões

A Ciudad de la Mitad del Mundo vista de cima

A Ciudad de la Mitad del Mundo vista de cima

Quito, a capital do Equador, cresceu na encosta do vulcão Pichincha. Pouco visitada por brasileiros, é um ponto de passagem de muitos mochileiros europeus pela América do Sul, por isso tão animada e descolada.

Quito, cujo centro colonial é Patrimônio Mundial da Humanidade, é cercada de atrações naturais, como os vulcões Cotopaxi, Pichincha e Quilotoa, e lugares como Otavalo, onde se realiza uma das maiores feiras do mundo.

Um lugar romântico perto de Quito é a Ciudad de la Mitad, um dos principais destinos turísticos do Equador. O grande monumento onde supostamente estaria a linha do Equador, que divide o mundo entre duas metades, é um paraíso para fotos clássicas turísticas.

Outro passeio romântico indicado para casais é o teleférico e as trilhas pelos vulcões –literalmente onde Quito toca o céu… São 5 mil metros de altitude, em trilha de 5 km. Falta ar, sobra emoção.

Onde fica Quito? Quito é a capital do Equador. O país fica localizado entre a Colômbia e o Peru e não faz fronteira com o Brasil.

Como chegar? Há voos do Aeroporto Internacional de Guarulhos – GRU Airport, com conexão em Bogotá, na Colômbia, para Quito, a capital do Equador. As passagens aéreas saem por aproximadamente R$ 2 mil para viagens em julho. Os voos levam cerca de 10 horas.

Onde ficar em Quito? Hotéis baratos na melhor parte da cidade

Copacabana, o berço da civilização Inca

Copacabana é o principal destino turístico no Titicaca

Copacabana é o principal destino turístico no Titicaca

Copacabana, na Bolívia, é o principal ponto turístico às margens do Titicaca e oferece muito o que fazer para quem quer conhecer o lago e suas atrações.

Um lugar romântico em Copacabana é assistir o pôr-do-sol na Isla del Sol, a maior ilha do Titicaca. É uma ilha montanhosa – o ponto mais alto fica a 4 mil metros, com vista para os Andes, vestígios arqueológicos e, principalmente, o templo e a morada de Manco Kapac, o mítico fundador da civilização inca.

Onde fica Copacabana? Está localizada a 155 km a sudoeste de La Paz.

Como chegar? Há voos do Aeroporto Internacional de Guarulhos – GRU Airport, com conexão em Bogotá, na Colômbia, ou Lima, no Peru, para La Paz, a capital da Bolívia. As passagens aéreas saem por aproximadamente R$ 2 mil para viagens em julho. Os voos levam de 5 a 19 horas dependendo da companhia aérea. De La Paz até Copacabana, são mais 2 horas de ônibus.

Onde ficar em Copacabana, Bolívia? Ver fotos e faça reserva pelo Booking

Cidades na América do Sul

Cusco, a capital do Império Inca

A Plaza de Armas, no centro de Cusco, Peru.

A Plaza de Armas, no centro de Cusco, Peru.

Já escrevemos durante o Mochilão no Peru, que há muito o que fazer em Cusco, uma cidade que mistura história, cultura e influências dos nativos americanos. Para os incas, Cusco era não só o centro do Tawantinsuyu, mas principalmente O Umbigo do Mundo – sim, esse é o significado de Cusco (Qosco) em quéchua.

Nas ruas e ladeiras de Cusco, Peru, fica claro porque ali é um dos principais centros urbanos da história das Américas, antes e depois da colonização.

Onde fica Cusco? No Peru, a cerca de 1.000 km de Lima, a capital do país.

Como chegar? Há voos do Aeroporto Internacional de Guarulhos – GRU Airport, com conexão em Lima, para Cusco. As passagens aéreas saem por aproximadamente R$ 2 mil para viagens em julho. Os voos levam cerca de 9 a 12 horas dependendo da linha aérea e tempo de conexão.

Onde ficar em Cusco? Dicas de hotéis e pousadas na cidade Inca

Confira também nosso relato de viagem e roteiro por La Cumbrecita, uma vila mágica perto de Córdoba, na Argentina.

Roteiros para mochilão no Peru

Destinos na América do Sul

Machu Picchu, Peru

Machu Picchu, a cidade perdida dos Incas

Não bastasse ser grandiosamente linda, Machu Picchu ainda é considerada um patrimônio mundial da UNESCO. Com a sua “Cidade Perdida dos Incas”, com 2.400 metros de altitude, é a principal atração turística do Peru.

Há muita história para ser desvendada, imagine como deve ser emocionante ver de perto coisas que você só viu nos livros da escola. A aventura permite ainda fazer trilhas Incas para quem estiver disposto. Mas, calma, se você não estiver pode optar por ônibus ou trem para percorrer o local.

Ainda para quem acredita, o Machu Picchu está entre os lugares com maior concentração de energia do mundo. Aqueles lugares históricos e que carregam grande carga para uma conexão com o universo.

No caso, a “cidade perdida dos Incas” é esse campo energético poderoso. Machu Picchu foi construída pelos povos Incas em um local sagrado, por isto dizem que a energia lá é especial e faz com que as pessoas experimentem algo fora de série. Será?

Salar de Uyuni, Bolívia

A Ilha de Cactus no meio do Salar normalmente não é acessível na temporada de chuvas

Imagine uma área equivalente ao tamanho das Bahamas, a 3.656 metros acima do nível do mar, completamente inundada, formando um dos maiores espelhos do mundo. É uma ilusão de ótica, claro, que acontece nos períodos de chuva. Mas é isto que pode fazer do Salar de Uyuni inesquecível entre dezembro e abril.

O Salar de Uyuni, na Bolívia, é o maior mar de sal do mundo, com 12 mil km² de extensão. Considerado uma fonte riquíssima de minerais como: lítio, magnésio, potássio e sódio, ele é resultado da evaporação de antigos lagos a mais de 3600 metros de altitude.

Há lagoas em que dá para chegar a menos de dois metros de flamingos

A melhor maneira de conhecer o deserto é contratando alguns dos vários tours comercializados na própria cidade de Uyuni. Ela serve de base e ponto de partida para quem vai fazer esse passeio em uma viagem de 4 dias de duração, que termina na fronteira com o Chile, quase no Deserto do Atacama.

Torres del Paine, Chile

O Parque Nacional das Torres del Paine guarda cenários incríveis – foto: Neil Wikie

O Parque Nacional Torres del Paine, localizado na Região de Magalhães, no sul da Patagônia do Chile, é considerado Reserva da Biosfera pela UNESCO desde 1978. As paisagens deste destino, repleta de lagos, cascatas, rios, glaciares e uma vegetação incrível, formam algumas das vistas mais impactantes da América do Sul.

Justamente por esta característica harmoniosa, é um dos locais preferidos para os amantes do trekking. Mas não só por eles. Entre as atividades que o parque de 242.000 hectares de área selvagem possui, é possível ainda praticar escalada, caiaque, cavalgadas, visita às geleiras etc.

Quem curte ainda animais selvagens, essa é uma boa pedida. Lá, é possível estar em contato com o ñandu (tipo avestruz), o guanaco, o huemul (animal símbolo do Chile), o condor, entre outros.

Animais da América do Sul

Na hora de escolher visitar este paraíso, preste atenção na melhor estação. Não é tão legal ir durante o inverno, o frio pode ser insuportável na região, além de muita chuva e neve atrapalharem o seu passeio. A temporada de visitas começa em setembro, mas a dica mesmo é ir entre novembro e janeiro, por causa da movimentação.

Mochilão na América do Sul

Ilhas Galápagos, Equador

Uma foto de pertinho do pinguim de Galápagos

Você está em busca de tranquilidade e vistas paradisíacas? Talvez, o seu destino esteja traçado para as Ilhas Galápagos, no Equador.

Uma das primeiras ilhas exploradas pelo contato humano, ela é composta por 12 ilhas principais e várias outras ilhotas. Ainda assim, possui apenas 4 delas habitadas: Santa Cruz, San Cristóbal, Isabela e Floreana.

O local também é cheio de curiosidades, foi neste arquipélago que o britânico Charles Darwin, autor de “A origem das Espécies”, esteve em 1835 e fez observações sobre a fauna e flora local. Imagina olhar em volta e descobrir o local como o naturalista fez há muitos anos? Deve ser mágico, não é?

Mares, desertos e bosques podem ser explorados por você nesta viagem, onde a principal porta de entrada fica na ilha de Santa Cruz: é de lá que saem muitos passeios. Sinta-se à vontade para cruzar com os tubarões, as tartarugas marinhas, os gaviões e as cobras de Galápagos, eles são muito comuns por essa região.

Limite de compras no exterior e compras nas lojas do Duty Free

El Calafate, Argentina

El Calafate fica pertinho do Glaciar Perito Moreno | Gabi Saraceni

A última dica é também um convite: que tal explorar a Argentina além da tão visitada pelos brasileiros Buenos Aires. A capital da Argentina é linda, mas não é tudo o que o país tem a oferecer. El Calafate fica localizado no extremo sul argentino, e pode oferecer paisagens lindas e grandiosas.

Localizado na província de Santa Cruz, o município é o ponto de partida para visitar o Parque Nacional Los Glaciares. Neste destino você vai poder visitar o glaciar Perito Moreno, que é considerada a maior geleira em extensão horizontal do mundo e Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO.

Além desse ponto turístico surreal, aproveite ainda a viagem para navegar pelo Lago Argentino e visitar ainda outras geleiras ao seu passeio. Ah, e se você for do tipo que ama aventuras, é possível fazer trekking sobre o Perito Moreno, vale a pena tentar viver essa experiência.

Viu só como a América do Sul tem lugares incríveis para você visitar? De praia a geleiras, são paisagens de tirar o fôlego.

Uma boa dica para você que vai nesses lugares é checar quais dos aeroportos possuem lojas Duty Free para escolher uma garrafa de vodka na promoção, perfumes e outras opções com preços diferenciados.

Sobre Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*