Início / Antes da Viagem / Cidades pequenas para visitar na primavera ou verão
O Imbé-gigante está na nova exposição on-line do Inhotim, em Brumadinho - MG | Foto: João Marcos Rosa

Cidades pequenas para visitar na primavera ou verão

É primavera! E neste ano surreal marcado pela pandemia do novo coronavírus, vivendo em quarentena desde meados de março, a estação das flores passa a alimentar um sonho — a descoberta de uma vacina eficaz contra o covid-19 para, enfim, ser possível uma viagem segura após este longo período de isolamento social.

Se na natureza alguns animais despertam do sono na primavera para, nesta estação, passear por aí, o brasileiro certamente ainda não poderá fazer o mesmo, pelo menos com segurança total.

Réveillon 2021: chalés em SP e MG

Ainda não é hora de sair viajando por aí, mas para celebrar a estação mais florida do ano, listamos algumas cidadezinhas para turismo no Brasil que estão na fase amarela de flexibilização da quarentena:

Flexibilização da quarentena: cidades na fase amarela

Penedo, em Itatiaia – RJ

Cercado por natureza e extensa área preservada de Mata Atlântica, Penedo é um bairro da cidade de Itatiaia, 180 km ao sul da capital fluminense, e conhecida por ser a principal comunidade finlandesa do Brasil e região de belíssimas cachoeiras.

Está em vigor no município, como medida de prevenção e combate ao coronavírus, decreto que estabelece regras para a entrada de turistas em Penedo, Maromba, Maringá e Vales.

Para entrar no portal das regiões turísticas é necessário apresentar as reservas dos restaurantes (previamente solicitadas) e/ou do hotel ou pousada, que podem operar com 100% de suas acomodações.

Acompanhe os boletins no Facebook da prefeitura.

Alto Paraíso de Goiás – GO

O Vale da Lua é uma das atrações da Chapada dos Veadeiros |Foto: Luiza Sahd

O belo município de Alto Paraíso de Goiás e o distrito de São Jorge, portal de entrada do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, a 225 km da capital federal, são daqueles destinos que o brasileiro vai ter que descobrir após a pandemia.

Apesar da região já estar aberta para o turismo, seguindo proposta de reabertura após coletar informações de vários segmentos da sociedade, talvez ainda seja melhor aguardar mais alguns meses para ir pra lá.

A região está com números estáveis de contaminados, e adotando medidas de segurança, como o uso obrigatório de máscara facial e o distanciamento de 2 metros entre os turistas nas trilhas e cachoeiras.

Acompanhe as informações oficiais no site da prefeitura.

São Pedro e Águas de São Pedro – SP

A dupla de pequenas cidades são acolhedoras e refúgios verde a 150 km de São Paulo. Dentre as atrações turísticas estão o parque aquático Thermas Water Park (com previsão de reabertura dia 02 de outubro) e as trilhas e cachoeiras da Serra do Itaqueri.

A curva de contaminados na estância segue estável, com ligeiro aumento nos últimos dias.

Acompanhe as informações oficiais no site da prefeitura.

São Francisco Xavier – SP

Por tratar-se de região de proteção ambiental, São Francisco Xavier e rodeada de natureza

Encravada no Vale do Paraíba e emoldurada pelas montanhas da Serra da Mantiqueira, a pacata vila é um distrito de São José dos Campos e refúgio ecológico a apenas 90 km da capital paulista.

Seguindo a retomada consciente das atividades de turismo, a cidade reabriu os parques municipais no final de agosto e desde o dia 12 de setembro já é permitido o funcionamento de bares e restaurantes aos sábados até às 20h.

Acompanhe os informes epidemiológicos no site da prefeitura.

Bueno Brandão – MG

Na divisa com o Estado de São Paulo, ao lado de Socorro – SP e a 170 km da capital, Bueno Brandão é um destino charmoso e aconchegante no sul de MG.

A cidade conta com chalezinhos acolhedores para passar as próximas férias com a família na retomada do turismo no Brasil.

Gonçalves – MG

Trilhas em Gonçalves, MG

No topo da Serra da Mantiqueira, a mais de 1.300 metros de altitude e 220 km de São Paulo, a cidade de Gonçalves, extremo sul de Minas Gerais, fica a pouco mais de 50 km de Campos do Jordão e encanta seus visitantes com a extensa área de natureza preservada por entre trilhas e nascentes

Gonçalves é um destino possível para aqueles que pensam em dar uma escapada de sua quarentena. O número de casos na cidade é baixo, mas é preciso seguir todas as orientações para uma viagem segura — máscara facial, álcool gel e distanciamento social.

Acompanhe os boletins oficiais no site da prefeitura.

Visconde de Mauá – Resende/RJ

A vila de Visconde de Mauá está localizada na região das Agulhas Negras, no sul do RJ. Fica a 300 km de São Paulo e 220 km do Rio de Janeiro. É um lugar bucólico com ar puro, rodeado por natureza.

O número de casos na região de Resende apresentou leve alta nos últimos dias, por isso vale a pena esperar um pouco mais para uma viagem segura.

Acompanhe os boletins oficiais no site da prefeitura.

Rio Quente e Caldas Novas – GO

Mirante para a cidade de Caldas Novas, na Trilha da Cachoeira da Cascatinha – Pescan

As duas cidades turísticas da região centro-oeste são famosas por suas altas temperaturas. A temperatura média da região oscila dos 15ºC até os 35ºC.

Caldas Novas, em Goiás, é considerada a maior estância hidromineral do mundo, com águas termais e relaxantes. Já a cidade vizinha Rio Quente fica a apenas 30 km desta e também disfruta da bacia de água termal.

Além de ótimas condições climáticas, o mais legal de uma viagem para Caldas Novas é conhecer e se divertir no Hot Park, um dos maiores parques aquáticos da América Latina, anexo ao Resort do Rio Quente.

Em relação à pandemia, a região de Caldas Novas estava com a curva de contaminação estável, mas teve aumento considerável (mil novos casos) entre os dias 17 e 22 de setembro. Portanto, ainda acreditamos que não é hora de uma viagem.

Acompanhe as informações oficiais no site da prefeitura.

O Resort do Rio Quente vem adotando uma série de protocolos de segurança aprovados pelo InCor. Por isso, estão funcionando com capacidade reduzida e realizando o check-in on-line.

Aproveite as promoções no resort de luxo:

15% de desconto nos pacotes de 04 a 07 e de 12 a 17 de Outubro de 2020.

10% de desconto e acumulativo com desconto de antecipação de 20% nos pacotes de 02 a 07 e de 15 a 21 de Novembro de 2020.

10% de desconto e acumulativo com desconto de antecipação de 20% nos pacotes de 06 a 12 de Dezembro de 2020.

Amparo – SP

Localizada a 130 km da capital, a cidade histórica do Circuito das Águas Paulistas mantém a quarentena até o dia 13 de outubro. A estância turística, que permanece na fase amarela — de flexibilização da quarentena em SP, vem realizando a abertura parcial das atividades culturais e de lazer.

Museus, centros culturais, galerias, bibliotecas e cinemas têm horário de funcionamento limitado a 8 horas diárias e ocupação máxima de 40% da capacidade total. Casas noturnas, boates e casas de espetáculo permanecem suspensos, assim como shows, eventos e espetáculos com público em pé.

Estão mantidas todas as regras e orientações de distanciamento social, higiene e limpeza, além do uso obrigatório da máscara facial em toda a população.

Acompanhe as informações oficiais no site da prefeitura.

Poços de Caldas – MG

Poços de Caldas tem hotéis, pousadas e resorts para ficar

Vista de Poços de Caldas, cidade turística com bons hotéis e pousadas

Localizada a 265 km de São Paulo, a estância hidromineral está entre os principais destinos nacionais por conta de suas águas com propriedades únicas.

Poços de Caldas é um destino único para casais e famílias nas próximas férias de verão 2021. A cidade está na fase amarela do covid-19, de flexibilização da quarentena em MG, mas a evolução da contaminação ainda é alta. Por isso, a dica é ter paciência e aguardar a curva baixar para poder viajar com segurança.

Acompanhe as informações oficiais no site da prefeitura.

Brumadinho – MG

Finalmente, para quem ama arte e natureza mas não pretende sair de casa tão cedo, o Instituto Inhotim confirmou a reabertura do museu ao público no próximo dia 07 de novembro. Uma boa notícia, especialmente por saber que a contaminação na região vem caindo lentamente.

Acompanhe mais informações no site da prefeitura.

Enquanto isso é possível apreciar a exposição virtual “Entre folhas e formas: uma viagem ao universo das aráceas” no Google Arts and Culture.

Sobre Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Deixe uma resposta

O e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *

*