fbpx
Home / Viajei (relatos) / Cartão Postal / Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa-MG, um dos melhores passeios perto de BH
A Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa-MG, pertinho de BH

Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa-MG, um dos melhores passeios perto de BH

A apenas 50 km de Belo Horizonte, a Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa, é um dos passeios mais interessantes bate e volta para fazer a partir da capital mineira.

A região da Gruta da Lapinha, no Parque Estadual do Sumidouro, é um ícone da arqueologia brasileira –e mundial. Foi por ali que o arqueólogo dinamarquês Peter Lund passou parte da vida, no final do século 19, e coordenou trabalhos que revolucionaram a história da ocupação humana nas Américas.

– Hotéis-fazenda perto de BH

 

O Parque do Sumidouro é um dos melhores passeios perto de BH

O Museu Peter Lund, em Lagoa Santa-MG, conta um pouco da história da arqueologia brasileira

O bonito Museu Peter Lund, na entrada do parque que dá acesso à Gruta da Lapinha, conta um pouco dessa história, mas não se empolgue: o acervo é pequeno. Com um acervo muito mais interessante e no mesmo local, o Museu Arqueológico da Lapinha encontra-se atualmente fechado.

Porém não são só os museus que atraem por ali. O Parque Estadual do Sumidouro tem diversas atrações para conhecer em uma viagem perto de Belo Horizonte que valem a pena.

São trilhas que levam a pinturas rupestres, paredes de escaladas, mirantes e grutas bem atendidas por guias que contam a história humana e geológica de um local que já foi mar e é um dos mais importantes sítios arqueológicos do Brasil.

Lagoa Santa é um bom destino para uma viagem bate e volta de BH

O acervo do Museu Peter Lund é modesto, mas o prédio, em meio à natureza, é bonito

– Viagens perto de BH 

Dicas para visitar o Parque do Sumidouro – Lapinha

A viagem até Lagoa Santa saindo de BH dura cerca de uma hora e leva a um passeio pela pré-história do Brasil

A Gruta da Lapinha, iluminada artificialmente, é um lugar legal para visitar perto de BH

Para entrar no Parque Estadual do Sumidouro e acessar as trilhas perto de BH e as grutas turísticas, é preciso pagar 25 reais –leve dinheiro, o parque não aceita cartões. Há meia entrada para estudante.

A visita mais fácil de fazer por ali é na Gruta da Lapinha, com diversas saídas ao longo do dia.

Além disso, há duas trilhas com saídas ao longo do dia, incluídas no preço.

O Circuito Lapinha tem saídas às 11h e às 15h. Já a Trilha Sumidouro tem saídas às 8h30, 10h30 e 15h.

Para saber como estão as atrações quando for visitar, vale a pena conferir o site ou ligar antes para lá. Algumas atrações turísticas do local podem fechar conforme condições climáticas ou geológicas para garantir a segurança dos visitantes.

– O que fazer em BH

Gruta da Lapinha

Entre as grutas perto de BH, a Lapinha tem uma das melhores estruturas turísticas

Durante o passeio na Gruta da Lapinha, sabemos um pouco mais sobre a formação de cavernas

A Gruta da Lapinha é o principal atrativo turístico de Lagoa Santa, uma viagem pertinho de Belo Horizonte e no caminho para a Serra do Cipó.

A visitação ocorre de terça-feira a domingo, de 08:30 às 17h. A última entrada para a gruta da Lapinha é às 16h.

É importante usar calçado fechado para entrar na gruta. O parque fornece capacete para os turistas.

Percorrer a Gruta da Lapinha é tranquilo. O percurso dentro das cavernas não é longo e, com exceção de uma ou outra escada íngreme, não é cansativo nem complicado de fazer, sempre acompanhado de um guia que explica as formações como estalactites e estalagmites, além de contar um pouco sobre a fauna que vive dentro da caverna. Por sinal, o cheiro do guano, as fezes do morcego, é marcante.

O percurso não mata de sede, mas vale a pena levar água e comida para a visita –quando estivemos por lá, o café local estava fechado, mas havia bebedouros no museu.

Pela beleza cênica do local, pela importância histórica e pelas curiosidades, visitar o Parque Estadual do Sumidouro e a Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa, é, sem dúvidas, um dos melhores passeios para fazer perto de BH.

About Gustavo

Vamo? Vamo! (ou não).

Comente aqui

O seu e-mail não é publicado. Preenchimento obrigatório *

*