Home / Vasto Mundo / Argentina / O melhor da Patagônia argentina: Perito Moreno e El Chaltén
Fitz Roy El Chalten
Fitz Roy, a montanha mais cobiçada de El Chalten | Gabi Saraceni

O melhor da Patagônia argentina: Perito Moreno e El Chaltén

Por Gabi Saraceni

A Patagônia argentina é um daqueles lugares que com certeza devem estar na lista de viagens. E vou te explicar o porquê aqui nesse post!

Além de desfrutar de todas as iguarias dos nossos hermanos como a boa carne, o vinho e os alfajores, a Patagônia argentina tem uma paisagem incrível. Daquelas que não estamos acostumados a ver no Brasil com glaciares e montanhas.

Pode parecer bobagem, mas o que faz da Patagônia um lugar tão especial, além de sua beleza natural, é seu clima maluco de quatro estações por dia (até neve!) mesmo no verão.

A região de Santa Cruz abriga o Parque Nacional Los Glaciares e as principais cidades de passeios: El Calafate e El Chaltén. Te conto o que fazer em cada uma delas.

— Guia com dicas de viagem pela Patagônia

El Calafate

Perito Moreno

Por trilha ou por barco, é possível chegar bem perto da glaciar Perito Moreno | Gabi Saraceni

Uma visita ao Glaciar Perito Moreno em El Calafate

El Calafate se chama assim por conta de um fruto roxo pequenino, o calafate, típico da Patagônia. Com ele se faz geléias, licores, caldas, tortas e tudo o que se pode imaginar. Mas a principal atração da cidade é algo bem maior.

O Glaciar Perito Moreno é um dos maiores glaciares do mundo. Suas paredes chegam a 5km de largura por até 70m de altura!

Esse gigante de gelo está dentro do Parque Nacional Los Glaciares e pode ser visitado todos os dias, com tours de agências locais, ônibus rodoviários ou em carro alugado (boa opção se está em grupo de 3 ou mais pessoas).

A entrada do parque é salgada, custa 500 pesos argentinos (em torno de R$95,00), mas vale a pena. A visita pode ser feita por caminhadas pelas passarelas, que já se tem uma boa visão do glaciar, chega bem pertinho. E também se oferecem passeios de barco e caminhadas sobre o gelo.

A cidade é recheada de restaurantes, mercados e lojas. Se encontra de tudo e é charmosa, mesmo com seu aspecto turístico. O lago que a bordeia é bem bonito, completando a paisagem.

Viajar sozinho, uma reflexão – dicas, cuidados e lugares

Patagônia argentina

A Patagônia argentina tem uma paisagem única | Gabi Saraceni

Como chegar em El Calafate?

De avião: É possível comprar passagens aéreas desde Buenos Aires, Ushuaia, Bariloche e Córdoba, na Argentina, ou voos a partir de Punta Arenas, no Chile.

De ônibus: desde El Chaltén e das principais cidades argentinas e direto de Puerto Natales (Chile).

De carro: pela famosa Ruta 40 e depois a vicinal Ruta 11, o caminho varia entre asfalto e rípio em boas condições. Não tem muitos lugares de serviço para abastecimento e comida.

Confira o post dedicado sobre onde ficar na Patagônia com dicas de hotéis nos melhores lugares da região patagônica.

A melhor época para viajar à região é no verão, mas também vai encontrar alta temporada.

Se quiser fugir dos preços altos vá entre outubro e novembro ou abril e maio. O inverno (junho, julho e agosto) pode ser muito rigoroso e algumas atrações chegam a fechar.

El Chaltén

El Chalten

Por entre as trilhas e montanhas de El Chalten | Gabi Saraceni

Uma caminhada até o Fitz Roy em El Chaltén

Os trekkeiros de plantão conhecem bem essa região chamada de “capital do trekking”. Mas, pra você que gosta de caminhadas (e chocolate) e não sabe bem do que estou falando, conhecer o povoado de El Chaltén é estar no coração da Patagônia argentina.

Além de mais barato, não precisa pagar para fazer nenhum trekking (mesmo estando dentro da área do Parque Nacional Los Glaciares, o mesmo do Perito Moreno). Saindo desde o centro da cidade é possível conhecer os imponentes Cerro Torre e Fitz Roy em caminhadas fáceis de um dia.

Ah! O chocolate? Fica para a volta, em uma das melhores chocolaterias que conheci, La Chocolateria Josh Aike. Também se encontra cervejarias artesanais, padarias com deliciosas empanadas, restaurantes e bares. Tudo o necessário para passar bem nas férias.

Dica de hotel bom e barato em Buenos Aires, na capital portenha

Como chegar em El Chaltén?

De ônibus: desde a vizinha El Calafate tem saídas diárias, ou outras cidades da região como Bariloche.

De carro: desde a Ruta 40 e depois a vicinal Ruta 23.

Não existe aeroporto comercial em El Chaltén.

About Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*