fbpx
Home / Antes da Viagem / Guia passo a passo para tirar o visto canadense online
Aeroporto de Vancouver - Canadá

Guia passo a passo para tirar o visto canadense online

Por receber grande quantidade de estudantes e visando facilitar a vida de quem pretende viajar para o Canadá, o Governo canadense criou (2014) um sistema para agilizar o planejamento para tirar o visto canadense online pela Internet.

Quem já fez viagem para o país nos últimos 15 anos tem facilidade na hora de aplicar novamente. Isso porque os dados do viajante já constam no sistema.

Lembre-se que a todos os vistos para o Canadá, agora são de múltiplas entradas, ou seja, você pode entrar e sair do país, como fazer viagens para os Estados Unidos, quando quiser até a data de vigência do visto ou até que o passaporte expire.

Países que exigem visto para brasileiros

site da VfS Global tem informações bem detalhadas e específicas para quem deseja tirar o visto canadense online.

Acesse o http://www.vfsglobal.ca/Canada/Brazil/. Há tudo o que você precisa saber.

Tipos de vistos para o Canadá

Um dos momentos mais importantes nos preparativos para quem pretende viajar para o Canadá é tirar o visto canadense, seja qual for o motivo da viagem – estudar inglês, fazer um curso superior ou simplesmente por motivos de turismo.

Todos os viajantes brasileiros precisam tirar o visto de entrada no Canadá antes da viagem.

Desta forma, elaboramos um guia passa-a-passo com os documentos para dar entrada no visto de turismo ou visto de estudante.

O primeiro ponto a esclarecer é que há alguns tipos de vistos de entrada no Canadá – Residente Temporário (Turismo), Permissão para Estudo, Permissão para Trabalho ou Residente Permanente.

  • Visto de Turismo ou Residente Temporário:

A quem se destina: Turistas ou estudantes com viagem por até 6 meses.

  • Visto de Estudo

A quem se destina: Estudantes de curso superior, pós-graduação, MBA, college ou ESL por mais de 6 meses.

Este visto geralmente exige a carta de aceitação da escola em que estiver matriculado no Canadá e um exame médico por clínica credenciada pelo governo canadense.

  • Visto de Trabalho

A quem se destina: Profissionais com oferta de emprego no Canadá.

Todos os vistos para o Canadá são de múltiplas entradas, ou seja, cada um dá direito de você visitar o Canadá quantas vezes quiser desde que fique o tempo limite que o oficial de imigração carimbar no seu passaporte.

Neste post concentramos mais informações a respeito do visto de turista, ou seja, o visto para quem pretende fazer viagem para o Canadá por um período inferior a 6 meses, bem como o visto de estudante, que deve ser tirado por quem pretende estudar um curso de inglês ou superior por prazo maior do que 6 meses.

Intercâmbio para morar no Canadá: estudar e trabalhar

Documentos para o visto canadense

Consciente do tipo de visto que você deverá submeter sua inscrição, o primeiro passo é tirar o novo passaporte brasileiro, e, em seguida, reunir os documentos necessários para emissão do visto canadense.

Há alguns anos, o Consulado do Canadá delegou esta responsabilidade à uma empresa terceira – o Centro de Requerimento de Visto do Canadá (VAC). O VAC possui um site com orientações gerais e checklist completo dos documentos necessários para cada tipo de visto canadense.

– Clique aqui para conferir a lista de documentos para emissão do visto.

Documentos:

– Formulário IMM5257 preenchido no computador ou na mão pelo próprio requerente e assinado. Apenas um formulário deve ser preenchido por família. Filhos de 22 anos ou mais deverão preencher um formulário à parte.  É importante a “ótima qualidade” da impressão deste documento;

– Questionário adicional IMM 5645 preenchido e assinado a mão pelo próprio requerente;

– Para cursos na província do Quebec será preciso o Quebec Certificate of Acceptance (CAQ). Acesse este formulário neste link;

– Comprovantes originais de pagamento das taxas mencionadas acima;

– Carta de aceitação emitida pela escola no Canadá;

– 02 fotos recentes 3 x 5;

– Passaporte brasileiro válido por no mínimo 06 meses. Caso tenha, é legal apresentar passaportes anteriores;

– Documentos e extratos que provem que você possui recursos disponíveis e suficientes para se manter no Canadá, como o último recibo de entrega do imposto de renda (especialmente se tiver imóvel), 3 últimos holerites, extratos bancários de conta corrente/poupança e aplicações;

– Caso você não tenha condições de provar estes recursos, poderá utilizar suporte financeiro de algum parente próximo (pais, avós, irmãos, tios, amigos) por meio de uma carta de suporte (veja exemplo abaixo);

Eu , (nome do seu pai, mãe, irmão ou responsável legal), RG (número da identidade do seu pai, mãe, irmão ou responsável legal) e CPF (número de CPF do seu pai, mãe, irmão ou responsável legal) declaro, para os devidos fins, ser o responsável financeiro de todas despesas decorrentes na viagem a ser empreendida por meu(minha) filho(a), (seu nome), RG (seu número de identidade) e CPF (seu número de CPF), cujo destino será (cidade), Canadá, cursando a escola (nome da escola) durante o período de (data inicial) a (data final). Anexo comprovação de rendimentos financeiros conforme solicitação. Colocando-me à disposição para quaisquer outras informações que se façam necessárias.

(nome completo do responsável e assinatura)
(telefones de contato) – Data:

– Comprovante de matrícula em faculdade, universidade ou instituição de ensino do Brasil (se você for estudante) ou diploma, caso seja formado;

– Se você for menor de 18 anos, ambos os pais deverão assinar a autorização de viagem para você poder viajar para o Canadá;

– Se você for ficar hospedado em casa de parentes ou amigos, deverá obter uma “carta convite” de seus anfitriões no Canadá. A carta deve estar acompanhada de documento que justifique a situação do anfitrião (cidadania canadense); e

– Exame médico em clínica credenciada.
Caso tenha dúvidas quanto ao preenchimento dos formulários, consulte a ajuda de um profissional. Aliás, pessoalmente acredito que por mais simples que seja a emissão do visto, é sempre bom contar com a ajuda de um despachante ou agência de intercâmbio para a emissão, pois caso tenha o visto negado por qualquer motivo você terá que esperar 6 meses para uma nova tentativa, o que comprometeria pagamentos já feitos.

Quanto custa o visto canadense?

No processo para tirar o visto canadense, há duas taxas distintas que você deverá pagar – uma refere-se ao Centro de Requerimento de Visto do Canadá (VAC), além da taxa do processamento do visto em si.

A taxa do VAC é de CAD 32.04 – clique aqui para conferir o valor atualizado.

Já, o valor do processamento do visto varia de acordo com o tipo solicitado. Para o visto de turista (residente temporário), o valor é de CAD$ 100. Para o visto de estudo, o valor é de CAD$ 150.

As taxas devem ser depositadas na “boca do caixa”, em dinheiro, no banco HSBC (Consulado Canadense) e no banco Santander (VAC).

Importante: O VAC não realiza o reembolso de taxas pagas de forma incorreta (via caixa eletrônico, transferência bancária, internet ou cheque). A única forma correta é depósito em dinheiro e na “boca do caixa”.

As montanhas de Alberta, no Canadá, formam alguns dos cenários naturais do país

blog Viajoteca tem um guia passo a passo excelente para quem não sabe muito bem inglês e deseja saber exatamente o que escrever em cada resposta das inúmeras perguntas feitas no formulário de solicitação online.

Uma dica antes de qualquer coisa, acesse o site do CIC para saber a sua elegibilidade para o visto canadense.

– Confira as taxas e documentos necessários para o visto site da VFS Global.

– AH, você irá precisar tirar exame médico. Confira lista de médicos credenciados em cidades do Brasil como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e outras.

– Tirar antecedente criminal. Veja esse link aqui.

– Guia do processo de solicitação do visto online.

Note que este guia para tirar visto passo a passo é feito para brasileiros no Canadá. Nós, cidadãos brasileiros não precisamos tirar dados de biometria.

A emissão do visto é online, não é necessário passar por entrevista pessoal. Quer dizer, na maior parte dos viajantes não passam por entrevista, exceção a critério do consulado canadense.

Sim, alguns existe visto canadense negado. Você precisará aguardar 6 meses para uma nova tentativa. Por isso é importante reunir cuidadosamente toda documentação e até contar a ajuda de uma agência de viagens ou despachante.

Como tirar o visto americano?

Como solicitar o visto via VAC?

Como explicamos acima, o Governo do Canadá desde 2014 terceirizou o serviço de emissão de vistos, criando os chamados Centros de Requerimento de Visto Canadense (VAC). Estes escritórios ficam localizados nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília (DF).

Logo, desde 2014 o visto pode ser feito por meio do VAC, o que facilitou e tornou o processo mais simples e ágil. O próprio Consulado Canadense recomenda o uso do VAC, o que não impede de você fazer todo o processo por meio do próprio consulado.

Para emitir o visto via VAC, você precisará reunir todos os documentos acima e escolher se prefere ir pessoalmente em um dos centros de requerimento de visto canadense em São Paulo, Rio de Janeiro ou Brasília, contratar um serviço de entrega de sua preferência ou por coleta em domicílio.

Endereços dos Centros de Requerimento de Visto Canadense no Brasil 

VAC – São Paulo
Avenida das Nações Unidas, No 12.551,
World Trade Center São Paulo, 18o andar, salas 1809 e 1810.
Brooklin Paulista – São Paulo – SP – CEP: 04578-903
info.cansao@vfshelpline.com

VAC – Rio de Janeiro
Av. Américas, 3500 – Ed. Le Monde Offices – Hong Kong 1000, Salas 612, 613, 614 e 615.
Barra da Tijuca  Rio de Janeiro – RJ – CEP: 22640-102
info.canrio@vfshelpline.com

VAC – Brasília
Brasilia Shopping and Tower – Quadra 5, Setor Comercial Norte – SCN / lote sala 1126.
Brasilia – DF – CEP: 70715-900
info.canbra@vfshelpline.com

O horário de atendimento nos VAC´s é de segunda à sexta, das 9h às 18h. Não é preciso agendar horário

Como solicitar o visto via Consulado

Uma opção é entregar a solicitação de visto pessoalmente diretamente lá no Consulado do Canadá, em São Paulo (SP). Para pedir o visto canadense direto no consulado, basta agendar a entrega dos documentos via telefone (11) 5509-4343, ramal 3410. O horário para agendar a entrega deve ser feito SOMENTE entre 11h e 12h30, de segunda a quinta.

A dica para fazer a solicitação do visto via consulado é economizar a taxa do VAC, porém o agendamento via consulado pode demorar um pouco. Portanto, se decidir pedir o visto por esta via, programe-se com antecedência!

Consulado do Canadá no Brasil

Você não precisa ir, mas é sempre bom saber o endereço, telefone, e-mail e onde fica localizado no mapa das cidades brasileiras onde possui representações do Consulado do Canadá.

Consulado do Canadá em SP

Av. das Nações Unidas, 12901 – 16º andar, Torre Norte
04578-000 – São Paulo, SP – Brasil

Vistos e Imigração:
Telefone: +55 11 5509-4343
Fax: +55 11 5509-4262
E-mail: spalo-immigration@international.gc.ca

Educação:
Telephone: (55 11) 5509-4321
Fax: (55 11) 5509-4317
E-mail: academic.bsb@international.gc.ca

Consular:
Telephone: (11) 5509-4321
Fax: (11) 5509-4260
E-mail: spalo-cs@international.gc.ca

Consulado do Canadá no RJ

Av. Atlântica, 1130 – 5º andar – Copacabana – Rio de Janeiro/RJ

Telefone: +55 21 2543-3004

Email: rio@international.gc.ca

Embaixada do Canadá em Brasília/DF

SES – Av. das Nações, Quadra 803, Lote 16 – Brasília DF . Brasil

Telefone: (55 61) 3424-5400

Geral: brsla@international.gc.ca

Consular: brsla-cs@international.gc.ca

Consulado do Canadá em Porto Alegre/RS

Av. Carlos Gomes, 222 8º andar – Porto Alegre – RS

Telefone +55 51 3378-1015

E-mail: infocentre-spalo@international.gc.ca

Embaixada do Canadá em Belo Horizonte/MG

Rua Timbiras,1200 – 4º andar – Belo Horizonte – MG

Telefone: +55 31 3213-1651

E-mail: infocentre-spalo@international.gc.ca

Embaixada do Canadá em Recife/PE

Av. Engenheiro Antônio de Góes, 60 – Edíficio JCPM 7º andar – Pina Recife – PE

Telefone: +55 81 2122-3140

E-mail: infocentre-spalo@international.gc.ca

O Consulado deixa claro que todos os visitantes sofrem revistas por segurança com detectores de metais, em objetos e malas de viagem pelo aparelho de raio X.

É proibido entrar com câmeras fotográficas, filmadoras e eletrônicos. Os gadgets devem ser deixados em locker na entrada do consulado do Canadá.

Muita Viagem

Dicas e histórias de viagens. É feito por Gustavo, jornalista, Danilo, comissário de voo, e amigos, que vivem viajando pelo Brasil e no mundo.

Comente aqui

O seu e-mail não é publicado. Preenchimento obrigatório *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.